Reserva de Emergência em dólar? Nem pensar!

Reserva de Emergência em dólar? Nem pensar!

Reserva de Emergência em dólar? Nem pensar!

Nesse texto vou falar sobre um uso equivocado da reserva de emergência, que pode gerar grandes prejuízos para o investidor. Abordarei os seguintes tópicos:

  1. Reserva emergencial – Posso fazer em dólar?
  2. Exemplos práticos – Lembre-se das oscilações da moeda
  3. Reserva de emergência – Ela tem que ter sinônimo de segurança!

reserva de emergência

Leia mais sobre educação financeira e finanças pessoais:

Reserva emergencial

Na semana passada, recebi a pergunta de um investidor se ele poderia fazer a reserva de emergência dele em dólar. A pergunta, na íntegra, foi:

– Sobre a reserva emergencial, todo mundo fala em Selic, mas pode ser em dólar? Você acha arriscado?

Acredito que ele tenha perguntado isso de olho em uma possibilidade maior de rentabilidade do dinheiro que ficaria ali parado. Mas reserva de emergência não é lugar para buscar rentabilidade. É lugar para buscar segurança.

Então, a resposta é um sonoro não.

Se você deseja saber mais sobre o tema, confere também o vídeo no canal do TC no YouTube! Não esquece de deixar o like e se inscrever no canal.

Por que não?

Mas, se a ideia é ajudar na educação financeira, não faz sentido ficar somente no não. Acho que ilustrando o motivo de ser uma péssima ideia, fica mais fácil o entendimento. Portanto, vamos lá:

A Reserva de Emergência exige dois pontos indispensáveis: segurança e liquidez. A segurança de que vai ter, ao menos, aquele dinheiro que depositou, e a condição de poder sacar/contar com aquele recurso no momento que precisar.

Vejamos se o dólar cumpre esses dois requisitos básicos com exemplos.

Exemplos na prática

Sobre a questão da segurança, exemplos práticos nos ajudam para um melhor entendimento. Vamos supor que a pessoa resolveu fazer a reserva de emergência em dólar no meio de maio e fez a compra na região da seta azul, próximo dos R$ 6.

dólar

Fonte: Tradingview

Contudo, agora no começo de junho, essa mesma pessoa teve uma emergência e precisou sacar o dinheiro da reserva para cumprir os compromissos. Dessa forma, ela vendeu na semana passada, na região da seta azul da imagem abaixo, próximo dos R$ 5:

dólar

Fonte: Tradingview

Reserva de emergência x segurança

Se essa pessoa colocou R$ 1 mil na reserva de emergência lá em maio, ela fez US$ 166 dólares. Possivelmente, acredito que haveria a continuidade da alta do dólar, mas veio a emergência. E aí precisou vender na semana passada. A reserva, que era de R$ 1 mil, caiu para R$ 830. Um prejuízo de R$ 170 em uma reserva que pedia segurança. E aí, como fica?

Em resumo,  a reserva de emergência é sinônimo de segurança. A mentalidade pode ser querer lucrar com a alta do dólar, mas ele pode cair e a pessoa perder o dinheiro que deveria se manter estável. Você precisa saber quanto tem lá e que pode contar com aquele dinheiro a qualquer momento.

Por isso, nada de arriscar na hora de montar sua reserva de emergência.

Jornalista e planejador financeiro

Aprenda tudo sobre contabilidade

E-BOOK

Aprenda tudo sobre contabilidade

Neste e-book — “Contabilidade”, trazemos informações e conceitos importantes sobre contabilidade financeira.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.