IBOV

109.404,79 pts

+1,28%

SP500

4.590,57 pts

+1,28%

DJIA

35.416,01 pts

+1,11%

NASDAQ

15.310,00 pts

+1,75%

IFIX

2.808,98 pts

+0,06%

BRENT

US$ 88,70

+0,28%

IO62

¥ 752,50

+1,83%

TRAD3

R$ 4,44

+6,22%

ABEV3

R$ 14,55

+0,06%

AMER3

R$ 33,73

+1,59%

ASAI3

R$ 12,14

+0,91%

AZUL4

R$ 26,32

+4,15%

B3SA3

R$ 12,59

+2,69%

BIDI11

R$ 25,51

+13,37%

BBSE3

R$ 20,45

-1,11%

BRML3

R$ 8,89

+1,83%

BBDC3

R$ 17,61

-0,05%

BBDC4

R$ 21,09

-0,04%

BRAP4

R$ 28,57

-0,48%

BBAS3

R$ 31,36

+1,12%

BRKM5

R$ 49,52

+0,65%

BRFS3

R$ 23,84

+0,54%

BPAC11

R$ 21,42

+7,63%

CRFB3

R$ 14,84

-1,33%

CCRO3

R$ 11,65

+2,73%

CMIG4

R$ 12,98

+0,15%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,13

+2,40%

COGN3

R$ 2,34

+6,36%

CPLE6

R$ 6,60

+1,69%

CSAN3

R$ 22,50

+2,41%

CPFE3

R$ 27,10

+1,61%

CVCB3

R$ 12,37

+7,00%

CYRE3

R$ 15,18

+2,91%

ECOR3

R$ 7,56

+3,70%

ELET3

R$ 33,43

+1,18%

ELET6

R$ 32,88

+1,63%

EMBR3

R$ 21,31

+3,54%

ENBR3

R$ 21,61

-0,13%

ENGI11

R$ 40,85

-1,11%

ENEV3

R$ 13,14

+1,78%

EGIE3

R$ 39,34

+0,02%

EQTL3

R$ 22,47

+1,21%

EZTC3

R$ 19,91

+5,34%

FLRY3

R$ 18,19

+0,33%

GGBR4

R$ 29,20

+0,55%

GOAU4

R$ 12,14

+0,24%

GOLL4

R$ 16,90

+2,73%

NTCO3

R$ 22,34

+7,04%

HAPV3

R$ 11,39

+4,30%

HYPE3

R$ 29,07

+2,28%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 65,92

+3,42%

IRBR3

R$ 3,47

+2,96%

ITSA4

R$ 9,65

+0,31%

ITUB4

R$ 23,47

-0,04%

JBSS3

R$ 36,47

-0,38%

JHSF3

R$ 5,24

+5,85%

KLBN11

R$ 25,55

-0,54%

RENT3

R$ 52,99

+6,29%

LCAM3

R$ 23,75

+5,79%

LWSA3

R$ 8,68

+0,46%

LAME4

R$ 6,35

+1,11%

LREN3

R$ 26,08

+4,95%

MGLU3

R$ 6,68

+5,86%

MRFG3

R$ 22,65

-0,17%

BEEF3

R$ 9,82

-0,50%

MRVE3

R$ 11,93

+6,13%

MULT3

R$ 19,68

+4,96%

PCAR3

R$ 20,25

+1,35%

PETR3

R$ 34,58

+0,96%

PETR4

R$ 31,76

+0,85%

VBBR3

20,97

+2,19%

PRIO3

R$ 24,21

+0,91%

QUAL3

R$ 16,89

+1,50%

RADL3

R$ 20,89

+1,70%

RAIL3

R$ 17,20

+2,80%

SBSP3

R$ 36,09

+1,12%

SANB11

R$ 31,44

-0,25%

CSNA3

R$ 26,97

+1,88%

SULA11

R$ 23,98

+0,88%

SUZB3

R$ 60,84

-1,63%

TAEE11

R$ 37,67

+2,33%

VIVT3

R$ 48,80

+0,22%

TIMS3

R$ 13,01

+0,15%

TOTS3

R$ 26,44

+4,50%

UGPA3

R$ 13,48

+1,89%

USIM5

R$ 16,76

+0,06%

VALE3

R$ 87,83

-0,43%

VIIA3

R$ 4,25

+6,25%

WEGE3

R$ 30,78

+0,91%

YDUQ3

R$ 20,47

+5,67%

IBOV

109.404,79 pts

+1,28%

SP500

4.590,57 pts

+1,28%

DJIA

35.416,01 pts

+1,11%

NASDAQ

15.310,00 pts

+1,75%

IFIX

2.808,98 pts

+0,06%

BRENT

US$ 88,70

+0,28%

IO62

¥ 752,50

+1,83%

TRAD3

R$ 4,44

+6,22%

ABEV3

R$ 14,55

+0,06%

AMER3

R$ 33,73

+1,59%

ASAI3

R$ 12,14

+0,91%

AZUL4

R$ 26,32

+4,15%

B3SA3

R$ 12,59

+2,69%

BIDI11

R$ 25,51

+13,37%

BBSE3

R$ 20,45

-1,11%

BRML3

R$ 8,89

+1,83%

BBDC3

R$ 17,61

-0,05%

BBDC4

R$ 21,09

-0,04%

BRAP4

R$ 28,57

-0,48%

BBAS3

R$ 31,36

+1,12%

BRKM5

R$ 49,52

+0,65%

BRFS3

R$ 23,84

+0,54%

BPAC11

R$ 21,42

+7,63%

CRFB3

R$ 14,84

-1,33%

CCRO3

R$ 11,65

+2,73%

CMIG4

R$ 12,98

+0,15%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,13

+2,40%

COGN3

R$ 2,34

+6,36%

CPLE6

R$ 6,60

+1,69%

CSAN3

R$ 22,50

+2,41%

CPFE3

R$ 27,10

+1,61%

CVCB3

R$ 12,37

+7,00%

CYRE3

R$ 15,18

+2,91%

ECOR3

R$ 7,56

+3,70%

ELET3

R$ 33,43

+1,18%

ELET6

R$ 32,88

+1,63%

EMBR3

R$ 21,31

+3,54%

ENBR3

R$ 21,61

-0,13%

ENGI11

R$ 40,85

-1,11%

ENEV3

R$ 13,14

+1,78%

EGIE3

R$ 39,34

+0,02%

EQTL3

R$ 22,47

+1,21%

EZTC3

R$ 19,91

+5,34%

FLRY3

R$ 18,19

+0,33%

GGBR4

R$ 29,20

+0,55%

GOAU4

R$ 12,14

+0,24%

GOLL4

R$ 16,90

+2,73%

NTCO3

R$ 22,34

+7,04%

HAPV3

R$ 11,39

+4,30%

HYPE3

R$ 29,07

+2,28%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 65,92

+3,42%

IRBR3

R$ 3,47

+2,96%

ITSA4

R$ 9,65

+0,31%

ITUB4

R$ 23,47

-0,04%

JBSS3

R$ 36,47

-0,38%

JHSF3

R$ 5,24

+5,85%

KLBN11

R$ 25,55

-0,54%

RENT3

R$ 52,99

+6,29%

LCAM3

R$ 23,75

+5,79%

LWSA3

R$ 8,68

+0,46%

LAME4

R$ 6,35

+1,11%

LREN3

R$ 26,08

+4,95%

MGLU3

R$ 6,68

+5,86%

MRFG3

R$ 22,65

-0,17%

BEEF3

R$ 9,82

-0,50%

MRVE3

R$ 11,93

+6,13%

MULT3

R$ 19,68

+4,96%

PCAR3

R$ 20,25

+1,35%

PETR3

R$ 34,58

+0,96%

PETR4

R$ 31,76

+0,85%

VBBR3

20,97

+2,19%

PRIO3

R$ 24,21

+0,91%

QUAL3

R$ 16,89

+1,50%

RADL3

R$ 20,89

+1,70%

RAIL3

R$ 17,20

+2,80%

SBSP3

R$ 36,09

+1,12%

SANB11

R$ 31,44

-0,25%

CSNA3

R$ 26,97

+1,88%

SULA11

R$ 23,98

+0,88%

SUZB3

R$ 60,84

-1,63%

TAEE11

R$ 37,67

+2,33%

VIVT3

R$ 48,80

+0,22%

TIMS3

R$ 13,01

+0,15%

TOTS3

R$ 26,44

+4,50%

UGPA3

R$ 13,48

+1,89%

USIM5

R$ 16,76

+0,06%

VALE3

R$ 87,83

-0,43%

VIIA3

R$ 4,25

+6,25%

WEGE3

R$ 30,78

+0,91%

YDUQ3

R$ 20,47

+5,67%

Grupo Ultrapar (UGPA3)

UGPA3

Grupo Ultrapar (UGPA3)

O Grupo Ultrapar (UGPA3) controla 5 empresas, sendo elas: Ultragaz, Oxiteno, Ultracargo, Ipiranga e Extrafarma, assim, atua nos segmentos de logística, óleo e gás e farmacêutico.

Neste texto, buscaremos compreender melhor o Grupo Ultra (UGPA3), elencando os seguintes pontos:

  • História da Grupo Ultra (UGPA3);
  • O que faz a Grupo Ultra;
  • Modelo de Negócios (UGPA3);
  • Governança Corporativa;
  • Gráfico das Ações UGPA3 na Bolsa de Valores; e
  • Como analisar a empresa.

História da Grupo Ultra (UGPA3)

O início das atividades da companhia começou com a fundação da Ultragaz, empresa pioneira no uso de GLP como gás de cozinha, no ano de 1937, por Ernesto Igel e em 1949, a companhia começa a distribuir gás de cozinha quinzenalmente através de carros, nas portas das pessoas, num sistema de entrega.

A década de 1960 é marcada pela criação da Transultra, uma unidade a fim de atender a demanda por serviços de entrega via transporte rodoviário. Além disso, a companhia atinge a marca de 1 milhão de clientes.

Na década seguinte, a companhia iniciou a produção no polo petroquímico de Mauá, São Paulo, e seu polo em Camaçari, na Bahia, juntamente com a Oxiteno Nordeste. Além disso, a companhia inaugurou o terminal Tequimar, na cidade de Aratu, na Bahia, a fim de ampliar a capacidade logística e de armazenagem.

A década de 1980 é marcada pela aquisição da Brasilgás e pela nomeação de Paulo Cunha para Diretor-Presidente da Ultra.

Na década seguinte, a companhia reestrutura e foca nos três segmentos: distribuição de combustíveis, química e logística, implantando um novo modelo de distribuição de gás GLP. Em 1999, a companhia abriu capital na BM&FBOVESPA e na NYSE.

Entre 2000 e 2010, a companhia fez aquisições importantes, como a Oxiteno, Shell Gás, Ipiranga, União Terminais e Texaco, possibilitando a companhia alcançar liderança no mercado GLP e a maior empresa de armazenamento de granéis líquidos do Brasil.

Na década seguinte, a companhia faz novas aquisições, como a aquisição da distribuição de GLP da Repsol no Brasil e expande seus projetos através de suas controladas, como a criação do ConectCar pela Ipiranga, ingresso no segmento farmacêutico com a associação com a Extrafarma, joint venture entre a Ipiranga e a Chevron para produção de lubrificantes, no geral, além da expansão dos negócios da Ultra.

O que faz a Grupo Ultra

O Grupo Ultra atua em três segmentos diferentes, sendo eles: óleo e gás (Ultragaz, Ipiranga e Ultracargo); especialidades químicas (Oxiteno); e varejo farmacêutico (Extrafarma).

Ultragaz: É líder de market share no Brasil, com 23,4% de participação de mercado. A empresa abrange cerca de 11 milhões de domicílios através de seus 5.300 revendedores independentes. A companhia possui dois segmentos operacionais distintos: envasado (o qual abrange a produção de vasilhames de gás de 13kg padronizados, utilizado principalmente em residências) e granel (utilizado no setor comercial, em shoppings centers, hotéis, condomínios, restaurantes, etc).

  • Oxiteno

A empresa é produtora de óxido de eteno e derivados, sendo uma das maiores, segundo a IHS Chemical, a empresa possui seis unidades no Brasil, três no México, uma nos Estados Unidos e uma no Uruguai, além de escritórios comerciais na Argentina, Bélgica, China e Colômbia. Através da produção dos químicos, a companhia atua nos mercados de detergentes, cosméticos, pesticidas, alimentos, têxtil, fluidos hidráulicos, etc.

  • Ultracargo

É líder de mercado no Brasil, no segmento de armazenagem para granéis líquidos, com seis terminais e capacidade de 814 mil metros cúbicos de armazenagem.

  • Ipiranga

Uma das maiores redes de postos e distribuidoras de combustíveis, a empresa possui 7.090 unidades no Brasil, com cerca de 19,3% de participação de mercado. A companhia distribui diesel, gasolina, etanol, GNV, óleo combustível, querosene, ARLA 32 e lubrificantes no geral. Além de posto, a companhia conta com unidades de negócio, como a am/pm, Jet Oil e iniciativas digitais.

  • Extrafarma

Sexta maior rede de farmácias do Brasil, com 416 drogarias e 3 centros de distribuição.

Modelo de Negócios

No segmento de óleo e gás, a companhia não atua na produção nem extração da matéria-prima, apenas no transporte e armazenamento desses produtos através da Ultragaz e Ultracargo A venda do gás a domicílio acontece através de pedidos (disk gás e aplicativos), e uma rede de distribuidores.

No segmento de combustíveis, a companhia atua através de contratos com revendedores, os quais podem alugar da companhia os postos Ipiranga e passam a operá-los. Esses contratos de exclusividade de fornecimento possuem uma vigência de 1 a 10 anos.

Assim como nas empresas de óleo e gás, a Oxiteno não atua na extração da matéria prima. Toda a matéria prima é fornecida pela Braskem, a qual representa 28% dos custos variáveis da companhia.

Já na Extrafarma, suas atividades incluem apenas a distribuição e revenda de medicamentos aos consumidores finais, assim, não sendo responsável pelo processo produtivo em si.

Governança Corporativa

Diretoria e Conselho de Administração

Gráfico das Ações UGPA3 na Bolsa de Valores

Preço das Ações UGPA3

Como analisar a empresa

Receitas e Despesas

A receita líquida proveniente das empresas controladas da companhia são: Ultragaz (8%); Ipiranga (84%); Oxiteno (5%); Ultracargo (1%); e Extrafarma (2%).

Balanço Patrimonial – Ativos e Passivos

A companhia não possui muitos ativos de longo prazo, como imobilizados, intangíveis, contas a receber de longo prazo, etc. Suas maiores concentrações estão em Caixa e Equivalentes, Contas a Receber(5.2) e Estoques (6). Das contas a receber, cerca de 10% está provisionado em PECDL e dos Estoques, a maior parte é representada por combustíveis e derivados, matérias primas e produtos acabados.

Nos passivos, há uma grande concentração da dívida da companhia no longo prazo, financiado tanto em moeda estrangeira quanto nacional.

Demonstração de Resultados – Receitas e Despesas

Para mais informações sobre empresas da B3, acesse gratuitamente o TC Matrix. Com a nossa ferramenta você pode fazer análises relacionadas ao crescimento de receita, dívidas ativas, balanço patrimonial, dividendos, proventos e muito mais para garantir que seu investimento tenha alta rentabilidade.

A sua escola como investidor

Tudo o que você precisa saber sobre IPOs

E-BOOK

Tudo o que você precisa saber sobre IPOs

Neste e-book — "Tudo o que você precisa saber sobre IPOs", trazemos todas as informações que você precisa saber para entender sobre a abertura de capital de uma empresa no mercado financeiro.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.