Polêmicas de Jair Bolsonaro minam Rodrigo Pacheco - TC
TC Mover
Mover

Machado, Vieira: Polêmicas de Jair Bolsonaro minam condições de Rodrigo Pacheco para avançar reformas

Postado por: TC Mover em 17/08/2021 às 15:36
Polêmicas de Jair Bolsonaro

Conflitos entre o presidente Jair Bolsonaro e membros do Judiciário sobre o sistema eleitoral não devem resultar em ruptura institucional, mas pesam sobre as condições políticas do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, em avançar com a pauta econômica, segundo fontes com conhecimento do assunto.

Após a Câmara superar matérias como a Reforma do Imposto de Renda e a Privatização dos Correios, a agenda defendida pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, estará concentrada nas mãos de Rodrigo Pacheco e suas possibilidades de negociação. Fontes indicaram que as duas pautas sofrem resistências relevantes no Senado.

Aliás, as matérias, hoje, tendem a seguir um rito tradicional na Casa, mais moroso, passando pela análise de comissões antes de irem ao Plenário. As insatisfações com as negociações do Orçamento e mudanças dos deputados na medida provisória que flexibilizou a legislação trabalhista para promover renda e emprego influenciam. Na semana passada, Pacheco enviou ofício à Bolsonaro solicitando que desconsidere tais alterações, um ruído que pode atrapalhar relações com Arthur Lira, presidente da Câmara, embora seja plenamente possível um acordo.

Ofensiva de Jair Bolsonaro cria indecisão sobre como prosseguir com agenda

No entanto, as posturas controversas de Bolsonaro na pandemia, em relação à CPI da Covid e ao Judiciário também pesam e criam barreiras entre senadores decisivos. A ofensiva de Bolsonaro já faz eles se perguntarem se não é melhor esperar a decisão das urnas, no ano que vem, para decidir como prosseguir com a agenda.

Em abril, Pacheco já havia alertado em suas redes sociais que as reformas Administrativa e Tributária no Senado dependiam principalmente de Bolsonaro manter postura de colaboração com a visão do Congresso na pandemia e cultivar um discurso moderado no relacionamento institucional.

Senado inicia cronograma de debates temáticos

Sendo uma Casa composta por representantes dos estados, o apelo destes, assim como o de setores econômicos, contra o texto do relator Celso Sabino, na Câmara, levaram Rodrigo Pacheco a encampar a Reforma Tributária ampla, de tramitação mais complexa, porém de alcance mais estrutural. Nesta semana, o Senado começou um cronograma de debates temáticos sobre o assunto.

Há duas semanas, Rodrigo Pacheco afirmou, em entrevista a uma emissora de TV, que a Casa não vai se limitar à crise política e “vai cumprir seu papel de entregar medidas importantes para o Brasil”, citando as reformas Administrativa e Tributária “para que haja realmente uma mudança para a instituição de um imposto único no Brasil”. Isso aponta a disposição de Pacheco em entregar as pautas esperadas pelo mercado.

Arte: Vinícius Martins / Mover


DISCLAIMER: As informações disponibilizadas na coluna são meramente opiniões do COLUNISTA na data em que foram expressas e não declarações de fatos ou recomendações para comprar, reter ou vender quaisquer títulos ou valores mobiliários, ou ainda, qualquer recomendação de investimento. 


Leia também

Vendas no varejo americano frustram; Ibovespa futuro cai com exterior: Espresso

IGP-10, varejo americano, indústria: Calendário Econômico

Ibovespa derrete com todos os setores em baixa em dia de realização global

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais