El Salvador adota Bitcoin como uma moeda de curso legal - TC
TC Mover
Mover

El Salvador se torna o primeiro país a adotar o Bitcoin como uma moeda de curso legal

Postado por: TC Mover em 07/09/2021 às 14:21
Bitcoin em El Salvador

São Paulo, 7 de setembro – O Bitcoin se tornou uma moeda de curso legal em El Salvador, primeiro país a adotar tal medida. A intenção é atrair negócios da indústria cripto e reduzir o custo das remessas de dinheiro ao país da América Central.

Cerca de 24% do PIB de El Salvador, de US$27 bilhões, é composto pelo envio de dinheiro de salvadorenhos expatriados a parentes e amigos que ainda vivem no local.

E para impulsionar a moeda em El Salvador, os cidadãos salvadorenhos vão receber US$30 em Bitcoin na carteira digital Chivo, para ajudar com a adoção da criptomoeda.

Bitcoin desaba após problemas com carteira digital

A cotação do Bitcoin despencou após a moeda estrear de forma oficial, com a população enfrentando problemas técnicos para acessar a carteira cripto disponibilizada pelo governo. A performance também é uma indicação de que o mercado global está acompanhando de perto a movimentação no país.

O presidente Nayib Bukele admitiu os problemas pelo Twitter, afirmando que a carteira Chivo foi tirada do ar por alguns instantes. Isso causou mau humor nos investidores e ajudou a moeda a despencar para US$42,8 mil na Binance.

Porém, o Bitcoin recuperou parte do prejuízo e valia US$47.390 na Binance às 13h45, em uma queda de 8,32% em 24 horas.

FMI, baleias e Bitcoin em El Salvador

Bukele também agradeceu, de forma irônica, o Fundo Monetário Internacional pela queda. E afirmou que o país comprou mais 150 Bitcoins, além do que já tinha adquirido, elevando o total das reservas para 550 BTC, ou US$25,93 milhões.

Ressalta-se que desde junho, quando a “Lei do Bitcoin” foi aprovada no país, o FMI se posicionou enfaticamente contra a ação.

Para Scott Melker, trader e influenciador da criptoesfera, a queda foi provocada pelas baleias, como são conhecidos os investidores de grande porte. “Deixem as baleias despejarem Bitcoin no mercado no dia em que El Salvador implementa o Bitcoin como moeda oficial”, disse ele no Twitter.

Panamá tem PL no mesmo sentido

O deputado panamenho Gabriel Silva apresentou, na última segunda, 6, um projeto de lei para tornar o Bitcoin e o Ethereum métodos de pagamento oficiais no país. “Queremos tornar o Panamá compatível com a blockchain, criptoativos e a internet”, afirmou o parlamentar no Twitter.

Texto: Nicolas Nogueira
Edição: Guillermo Parra-Bernal e Stéfanie Rigamonti
Arte: Vinicius Martins / Mover

Leia também

Criptomoedas estão no topo dos esquemas de pirâmides financeiras, alerta CVM

Poupança interrompe sequência positiva em agosto

Privatização da Eletrobras: trabalhadores buscam travar processo com denúncias no TCU e CVM

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais