Alupar (ALUP11)

A Alupar (ALUP11) é uma das principais players do segmento de transmissão no setor de energia elétrica no quesito de receita anual permitida, de acordo com a ONS. A companhia está presente também no segmento de geração de energia com atuação através de participação no capital social de concessionárias de energia elétrica.

Neste texto, buscaremos compreender a empresa Alupar (ALUP11) passando pelos seguintes pontos:

  1. O que faz a Alupar (ALUP11);
  2. Governança corporativa Alupar (ALUP11);
  3. Gráfico das ações ALUP11 na Bolsa de valores; e
  4. Como analisar a empresa.

O que faz a Alupar (ALUP11)

Atuando como holding, a Alupar Investimentos S.A., foi constituída em 2006 e no ano seguinte realizou sua reorganização societária, a qual contribuiu para a formulação de boa parte de seu portfólio atual. Dentre as empresas de transmissão tinha-se as seguintes participações: EATE, ECTE, ENTE, ERTE, ETEP, ETES, Lumitrans, STC, Transirapé, Transleste e Transudeste. As de geração: Foz de Rio Claro, Ijuí, Queluz e Lavrinhas. Entre 2008 e 2011, obteve concessões no leilão da ANEEL: EBTE, ESDE, ETEM, ETVG, TME, TNE, ETSE, Ferreira Gomes e Energia dos Ventos, assim como, autorização para a implantação da PCH Morro Azul na Colômbia.

Em 2009 a empresa fez um acordo entre os acionistas controladores que permanece em vigor até hoje. Naquela ocasião, o FI-FGTS subscreveu e integralizou ações ordinárias representantes de 17,84% do capital social da Alupar (ALUP11), em acordo com a Guarupart. Além disso, dado as proporções que a companhia vinha tomando, realizou processo de aumento de capital em 2013 através da emissão de 40 milhões de ações do tipo units. De lá para cá a empresa vem sendo bem sucedida em leilões de concessão da ANEEL. Em 2019, em um leilão da Eletrobras a companhia adquire a participação daquela na AETE.

Em 2019 a empresa possuía a seguinte capacidade instalada: 8 mil km de transmissão e quase 700 MW de geração, com contratos de concessão até o intervalo de 2034 a 2053. Das quase 8 mil km de linhas de transmissão que possui, aproximadamente 5 mil km já são operacionais e o restante está em fase de construção e/ou implantação. Assim como a capacidade instalada, onde, 580 MW já operam e 107 MW estão em construção.

O negócio da empresa é mais exposto ao segmento de transmissão do que ao de geração, a exemplo de 2019, onde 80% da receita bruta da empresa veio deste segmento. Além disso, a rentabilidade de suas operações não está atrelada à quantidade de energia comercializada, e, sim, à eficiência operacional.

Governança corporativa Alupar (ALUP11)

No quesito governança corporativa, a companhia está listada no “Nível 2” junto à Bovespa. Sua estrutura corporativa conta com Diretoria Executiva, Conselho de Administração e Conselho Fiscal.

Gráfico das ações ALUP11 na Bolsa de valores

É possível observar no gráfico com a cotação das ações ALUP11, que a empresa teve crescimento constante desde o final de 2018 até o final de 2019.

Como analisar a Alupar (ALUP11)

Receitas

As receita da Alupar (ALUP11) são oriundas, em sua maior parte, dos contratos de transmissão de energia.

Custos

Os custos da empresa são, em sua maior parte, o custos de manutenção e construção de novas linhas.

Ativos

A empresa tem seu ativo mais concentrados no longo prazo. Sendo a conta mais representativa a de Ativos Realizáveis a Longo Prazo.

Passivos

A empresa Alupar (ALUP11) tem seu passivo mais concentrado no longo prazo. Sendo a conta mais representativa a de Empréstimos e Financiamentos.

Disclaimer: Este material é produzido e distribuído somente com os propósitos de informar e educar, e representa o estado do mercado na data da publicação, sendo que as informações estão sujeitas a mudanças sem aviso prévio. Este material não constitui declaração de fato ou recomendação de investimento ou para comprar, reter ou vender quaisquer títulos ou valores mobiliários. O usuário não deve utilizar as informações disponibilizadas como substitutas de suas habilidades, julgamento e experiência ao tomar decisões de investimento ou negócio. Essas informações não devem ser interpretadas como análise ou recomendação de investimentos e não há garantia de que o conteúdo apresentado será uma estratégia efetiva para os seus investimentos e, tampouco, que as informações poderão ser aplicadas em quaisquer condições de mercados. Investidores não devem substituir esses materiais por serviços de aconselhamento, acompanhamento ou recomendação de profissionais certificados e habilitados para tal função. Antes de investir, por favor considere cuidadosamente a sua tolerância ou a sua habilidade para riscos. A administradora não conduz auditoria nem assume qualquer responsabilidade de diligência (due diligence) ou de verificação independente de qualquer informação disponibilizada neste espaço. Administradora: TradersNews Informação & Educação Ltda. Todos os direitos reservados.

TradersClub

O app essencial para investidores do mercado financeiro brasileiro.

Uma comunidade com milhares de investidores, ferramentas e serviços que vão ajudar você a investir melhor!

TradersClub