Notre Dame Intermédica (GNDI3)

O Grupo Notre Dame Intermédica (GNDI3) foi fundada em 1968 pelo Dr. Paulo Sérgio Barbanti. É um dos maiores players do setor de operadoras de planos de saúde e odontológicos, sendo classificada pela ANS a terceira maior do país em 2019. Sua atuação é concentrada nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro com foco em clientes corporativos (pequenas e médias empresas) de diversos setores da economia, alcançando em 2019, aproximadamente 5,6 milhões de beneficiários em ambos os planos que oferta.

Apresentando forte crescimento desde o seu turn around operacional de 2014, a Intermédica não só mais que dobrou os seus principais ativos operacionais (carteira de clientes, hospitais e centros clínicos) como adicionou ao seu portfólio dezenas de unidades de pronto socorros, tratamento preventivo e pontos de coleta de análises clínicas, o que, permitiu à companhia hoje ser um player forte de seu setor nas regiões Sudeste, Sul e Centro Oeste.

Nesse texto, buscaremos compreender a empresa Notre Dame Intermédica (GNDI3) perpassando pelos seguintes pontos:

  1. O que faz Notre Dame Intermédica (GNDI3);
  2. Modelo de negócios Notre Dame Intermédica (GNDI3);
  3. Governança corporativa Notre Dame Intermédica (GNDI3);
  4. Sustentabilidade

O que faz Notre Dame Intermédica (GNDI3)

Da sua fundação até 2014, o próprio Dr. Paulo Sérgio Barbanti era o principal acionista e diretor presidente da companhia até o momento em que ela foi vendida para a Bain Capital, acionista majoritário atual da companhia. E, este processo foi o divisor de águas para a Intermédica se firmar no patamar de mercado em que se encontra atualmente.

Após este episódio, o novo proprietário da companhia decidiu por expandir a razão social para as controladas, unificando os negócios da mesma. Essa movimentação permitiu ainda mais o avanço das operações da Notre Dame Intermédica, passando a possui maior foco e liquidez para adquirir novas empresas em regiões com maiores margens de crescimento.

Dentre estes avanços estavam o crescimento por aquisições ou participações, além do crescimento orgânico. Tanto que, de 2015 a 2017 a GNDI adquiriu aproximadamente 10 hospitais e mais de 2 dezenas de centros clínicos. Dentre estas, as aquisições realizadas em março e em maio de 2017 foram as responsáveis por levar a companhia ao seu segundo maior mercado de atuação: o Rio de Janeiro.
Após o IPO em 2018, a Bain Capital decide por desinvestir na empresa e também alienar a sua participação majoritária. Além disso, a Intermédica continua no rumo de aquisições, e, passa novamente por uma nova reestruturação, porém, menos “agressiva”. Isso porque, a já unificada razão social de Notre Dame, foi agora aplicada também aos vários centros clínicos adquiridos pela empresa nos últimos anos, que, em conjunto com a marca recém criada NotreLabs, permitiu aumentar e melhorar a oferta de seus serviços.

Modelo de negócio da Notre Dame Intermédica (GNDI3)

Ao longo do tempo, a companhia se destacou frente ao mercado por utilizar um modelo plural, pois, possui uma rede própria e uma credenciada. Além disso, a empresa cresce de forma não-orgânica, ou seja, realizando aquisições. Mas, o negócio chave da companhia é se rentabilizar através da venda de planos corporativos de assistência à saúde e odontológicos. E, dentro do segmento saúde, a Notre Dame também aufere receita da gestão de hospitais de seu portfólio.

Governança corporativa Notre Dame Intermédica (GNDI3)

No quesito governança corporativa, a Companhia pertence desde o seu IPO ao Novo Mercado, segmento de listagem com os mais altos padrões de Governança Corporativa da B3. Todas as suas ações são ordinárias e possuem Tag Along de 100%. Segue a tabela abaixo com os principais diretores:

Sustentabilidade Notre Dame Intermédica (GNDI3)

A companhia possui a Política de Meio Ambiente, Sustentabilidade e Segurança do Trabalho (MASS), a qual, estabelece responsabilidades a serem seguidas mas não possui metas. Nesse sentido, a Notre Dame está iniciando a pôr em prática o Follow Energy, sistema que será responsável pelo monitoramento em tempo real do perfil de consumo tanto da energia como da água das unidades hospitalares do Grupo, com o intuito de mapeá-lo e torná-lo eficiente. Somado a isso, há ainda a intenção de substituição total da iluminação para as lâmpadas de LED.

Evolução da Notre Dame Intermédica (GNDI3) na Bolsa

Concorrentes da Notre Dame Intermédica (GNDI3)

NomeCódigo

Subsetor

FleuryFLRY3Serviços Médico – Hospitalares, Análises e Diagnósticos
HapvidaHAPV3Serviços Médico – Hospitalares, Análises e Diagnósticos
IhpardiniPARD3Serviços Médico – Hospitalares, Análises e Diagnósticos
OdontoprevODPV3Serviços Médico – Hospitalares, Análises e Diagnósticos
QualicorpQUAL3Serviços Médico – Hospitalares, Análises e Diagnósticos

Serviços Médico – Hospitalares, Análises e Diagnósticos

Como analisar a Notre Dame Intermédica (GNDI3)

Receitas

Valor arrecadado com os planos vendidos e consultas de consumidores livres, os quais devem ser bem dimensionados, para não repelir os clientes. Sendo assim, deve-se atentar às companhias que são adquiridas pela Intermédica como estas podem contribuir para a geração de receita da mesma, identificando se há ou não sinergia dos negócios ao longo do tempo.

Custos

Gastos com intermediação e comercialização dos produtos ofertados. É interessante atentar-se à gestão de despesas fixas com os hospitais, que foram diretamente impactados pela pandemia e necessitarão se readequar ao novo patamar de demanda da população. De forma geral, também importante acompanhar as compras de ativos e/ou subsidiárias pelo país que impactam o resultado de forma não recorrente, assim como de forma recorrente, através de seu desempenho ao longo do tempo.

Ativos

Os ativos são todos os investimentos feitos pela empresa, os quais, geram benefícios econômicos ao longo do tempo. Com destaque para a conta de Caixa e Equivalentes de Caixa, pois, seu superdimensionamento (baseando-se no forte crescimento dos últimos anos, e no Follow-on de 2019) pode gerar perda de eficiência para a Intermédica, já que, boa parte do Ativo Circulante da companhia está dedicado ao caixa ao invés de estar sendo investido nas operações da companhia.

Passivo

Disclaimer: Este material é produzido e distribuído somente com os propósitos de informar e educar, e representa o estado do mercado na data da publicação, sendo que as informações estão sujeitas a mudanças sem aviso prévio. Este material não constitui declaração de fato ou recomendação de investimento ou para comprar, reter ou vender quaisquer títulos ou valores mobiliários. O usuário não deve utilizar as informações disponibilizadas como substitutas de suas habilidades, julgamento e experiência ao tomar decisões de investimento ou negócio. Essas informações não devem ser interpretadas como análise ou recomendação de investimentos e não há garantia de que o conteúdo apresentado será uma estratégia efetiva para os seus investimentos e, tampouco, que as informações poderão ser aplicadas em quaisquer condições de mercados. Investidores não devem substituir esses materiais por serviços de aconselhamento, acompanhamento ou recomendação de profissionais certificados e habilitados para tal função. Antes de investir, por favor considere cuidadosamente a sua tolerância ou a sua habilidade para riscos. A administradora não conduz auditoria nem assume qualquer responsabilidade de diligência (due diligence) ou de verificação independente de qualquer informação disponibilizada neste espaço. Administradora: TradersNews Informação & Educação Ltda. Todos os direitos reservados.

TradersClub

O app essencial para investidores do mercado financeiro brasileiro.

Uma comunidade com milhares de investidores, ferramentas e serviços que vão ajudar você a investir melhor!

TradersClub