Mover

Credit Suisse eleva preço-alvo da Via Varejo (VVAR3) de R$21 para R$24 por considerar papel atrativo

Postado por: TC Mover em 05/10/2020 às 14:38
O Credit Suisse elevou os preços-alvo de todas as empresas de varejo nacional atreladas ao comércio eletrônico por considerar que os preços estão atrativos e ver boas perspectivas para o segmento mesmo com a abertura das lojas físicas neste pós-isolamento.

São Paulo, 5 de outubro – O Credit Suisse elevou os preços-alvo de todas as empresas de varejo nacional atreladas ao comércio eletrônico por considerar que os preços estão atrativos e ver boas perspectivas para o segmento mesmo com a abertura das lojas físicas neste pós-isolamento. 

Com isso, a B2W Digital ON agora está com preço-alvo de R$100,00, ante R$70,00 anteriormente, e a Magazine Luiza (MGLU3) ON teve a meta revista de R$55,00 para R$100,00, o que tem implícito um potencial de 14,50% e 13,57% de alta, respectivamente. As duas estão com recomendação neutra. 

Já as ações ON da Via Varejo (VVAR3) têm preço-alvo de R$24,00, contra R$21,00 antes, um potencial de 3,40% de valorização, enquanto as Lojas Americanas PN agora tem meta de R$35,00, ante R$30,00.

Preço-alvo Via Varejo segundo analistas

Para os analistas Victor Saragiotto e Pedro Pinto, a Via Varejo parece razoavelmente mais atrativa em todos os cenários dado que o preço atual indica uma perda de cota de mercado consistente ao longo dos próximos anos, “cenário que nos parece improvável”.

Para eles, as empresas de e-commerce no Brasil estão fortemente capitalizadas e, embora projetem alguma desaceleração para as vendas online para o terceiro trimestre em função da abertura das lojas físicas, eles acreditam que os “players que têm essa força combinada de loja física mais e-commerce devem ser fortemente privilegiados”. 

Também veem a dinâmica de fusões e aquisições “acelerar de forma relevante nos próximos trimestres”. Perto das 10h20, as ações da Magalu ON subiam 1,16%, para R$89,07, as da Via Varejo ON ganhavam 0,87% para R$17,47, enquanto as PN da Americanas perdiam 0,80%, para R$28,37 e as ON da B2W avançavam 0,40%, para R$87,69. 

O que é a Via Varejo (VVAR3)?

Desde 2001 a Via Varejo atua no setor de varejo, sendo responsável pela administração de três grandes redes de móveis e eletroeletrônicos brasileiras: Casas Bahia, Pontofrio e Bartira. Além de controlar também o e-commerce do Extra. 

 

A oferta pública inicial das ações da Via Varejo foi realizada em 2013, no segmento Novo Mercado da B3. A empresa está listada com ações ordinárias e preferenciais.

Performance de Via Varejo (VVAR3) em um ano

Texto: Bárbara Leite

Edição: Gustavo Boldrini e Ana Carolina Amaral

Imagem: divulgação

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais