TC Mover
Mover

De olho no mercado de crédito, investidor puxa ação da Boa Vista (BOAS3) na estreia

Postado por: TC Mover em 30/09/2020 às 13:35
As ações da Boa Vista Serviços, BOAS3, birô de crédito pioneiro no cadastro positivo e na informação para o mercado de crédito, estrearam em forte alta na B3 nesta quarta-feira, sinalizando que o investidor vê no papel uma oportunidade para surfar a maior demanda por crédito em meio a um ambiente de juros baixos no país.

As ações da Boa Vista Serviços, BOAS3, birô de crédito pioneiro no cadastro positivo e na informação para o mercado de crédito, estrearam em forte alta na B3 nesta quarta-feira, sinalizando que o investidor vê no papel uma oportunidade para surfar a maior demanda por crédito em meio a um ambiente de juros baixos no país.


Por volta das 12h30, a ação da Boa Vista Brasil, que negocia na B3 a partir de hoje com o ticker BOAS3, avançava 13,8% a R$13,88. O papel chegou a tocar, na máxima do dia, o valor de R$13,98 cada.


A Boa Vista concluiu na segunda oferta pública inicial de ações, IPO na sigla em inglês, em que arrecadou R$2,17 bilhões. Ao todo, foram distribuídas 154,6 milhões de ações ordinárias pela companhia, a R$12,20 cada – no centro da faixa indicativa, que ia de R$10,80 a R$13,60 por ação.



A empresa fez duas ofertas: uma primária, em que o montante levantado é direcionado ao caixa da empresa, e que arrecadou R$1,3 bilhão; e outra secundária, em que o montante arrecadado, de R$870 milhões, vai para o bolso dos sócios vendedores de ações da Boa Vista. A Boa Vista é a 154ª empresa listada no Novo Mercado, segmento com os mais elevados padrões de governança corporativa.


O que faz a Boa Vista (BOAS3)

A Boa Vista atua como um serviço de proteção ao crédito, comumente chamado de birô de crédito. Eles oferecem informações sobre o comportamento das pessoas quando o assunto é crédito.


A entrada em vigor do cadastro positivo no Brasil, em que todas as pessoas farão parte de um sistema unificado de histórico de crédito a não ser que exijam a exclusão, colaborou para a entrada da Boa Vista na B3.


A expectativa de expansão do cadastro positivo no Brasil é embaçada, em parte, pela expectativa de expansão do crédito para pessoas físicas e pequenas companhias nos próximos anos, na esteira da queda da taxa básica de juros para a mínima histórica de 2,00% ao ano. Além da Boa Vista, a Serasa Experian, líder do setor, e a Quod, que tem os cinco maiores bancos do país como sócios, também exploram esse mercado.


Mais empresas entrando na B3 em 2020

A Boa Vista serviços, assim como a Melnick, que concluiu seu IPO na última segunda, 28, desafiou a piora do mercado acionário que fez o Ibovespa cair abaixo dos 100 mil pontos e levou algumas empresas a adiarem ou desistirem da abertura de capital, como a BR Partners e a Caixa Seguridade. No ano até ontem, 14 empresas fizeram IPOs, movimentando pouco mais de R$21 bilhões.


Em entrevista concedida ao portal UOL, o presidente da Câmara Consultiva de Empresas e Estruturadores de Ofertas da B3, Alvaro Gonçalves, disse que as vendas de novas ações, entre ofertas públicas iniciais e subsequentes, ou follow-ons, já atingiram mais de R$66 bilhões em 47 operações este ano, e ainda há uma fila com cerca de 45 empresas que aguardam autorização da Comissão de Valores Mobiliários, para a entrada na bolsa, declarou.


Saiba mais sobre as Ofertas Públicas Iniciais, IPOs, baixando o e-book que o TC School preparou. Basta clicar aqui.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais