Mover

Especial: BNDES vende um quarto da posição na Klabin (KLBN11), diz fonte

Postado por: TC Mover em 18/02/2021 às 15:31

São Paulo, 18 de fevereiro – O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, BNDES, acaba de se desfazer de uma em cada quatro ações que possui na Klabin, código KLBN11, parte do programa de desinvestimentos que o banco estatal faz para reduzir sua dívida com o Tesouro Nacional, disse uma fonte com conhecimento do assunto.


Leilão de units fez parte de desinvestimentos, segundo traders

Hoje, às 13h09, as units da Klabin entraram em leilão após a corretora do banco Credit Suisse colocar uma ordem para vender o equivalente a 2,38% do capital da empresa, no total de R$598,6 milhões.

Traders disseram à TC Mover ter informações que a operação fazia parte de um desinvestimento do BNDES na produtora de papel e celulose. O BNDES, cuja posição na Klabin vale R$2,4 bilhões, não comentou imediatamente as informações. O site Brazil Journal reportou a venda em primeira mão.

BNDES realizou movimentos semelhantes ao longo do 2020

Segundo dados do TC Matrix, apenas a Klabin Irmãos&Cia, BNDES Participações, Monteiro Aranha e Bank of New York Mellon possuem em carteira uma posição suficientemente grande para realizar venda de um lote deste tamanho. De acordo com a fonte, um único comprador tomou a posição em bloco.

A transação do BNDES envolvendo a Klabin segue em linha com movimentos recentes do banco de desenvolvimento, que ao longo do último ano tem alienado na Vale, código VALE3, Suzano, código SUZB3, Light, código LIGT3, e Petrobras, códigos PETR3 e PETR4.

Desempenho das units da Klabin (KLBN11)


Klabin

Perto das 15h30, as units da Klabin, código KLBN11, subiam 2,18%, cotadas a R$29,10. Já na comparação com os últimos três meses, as units tiveram uma alta de 22,34%. No mesmo horário, o Ibovespa operava em queda de 1,18%, aos 118,9 mil pontos.

Para acompanhar o desempenho das ações da Klabin e de outras empresas, basta acessar o TC Matrix, ferramenta gratuita do TC.

Texto: Felipe Von Eye Corleta
Edição: Guillermo Parra-Bernal e João Pedro Malar
Arte: TC Mover


Leia também

Entrevista exclusiva: Auxílio não melhora receitas e traz risco inflacionário, diz Quartaroli

Carrefour (CRFB3) tem lucro no quarto trimestre acima do consenso; ações sobem

Cláusula da calamidade pode ser a contrapartida a auxílio, diz Dias

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais