Mover

Marfrig (MARFG3) registra menor alavancagem da história no terceiro trimestre

Postado por: TC Mover em 12/11/2020 às 19:18

São Paulo, 12 de novembro – A Marfrig, código MRFG3, tirou vantagem da forte demanda por proteína ao redor do globo, principalmente na Ásia, para reduzir seu endividamento para a mínima histórica no terceiro trimestre. Ainda assim, o segundo maior frigorifico do mundo reportou lucro e receita levemente abaixo do consenso.

De acordo com o fato relevante divulgado na quarta-feira, a dívida líquida da Marfrig atingiu R$17,1 milhões em setembro. Já a alavancagem, que é medida pela relação entre a dívida líquida e o EBITDA anual, alcançou 1,88 vez no trimestre, queda de 0,75 ponto percentual na base anual. 

Resultados sólidos da Marfrig mostram recuperação do setor

A Marfrig é a segunda empresa do setor de proteína no país a soltar resultados sólidos, confirmando que a indústria deve ser uma das mais fortes no período. Além disso, as empresas de proteínas optaram por focar no mercado externo por conta do dólar na esteira de forte demanda por carnes durante a pandemia do coronavírus.

 

Para o analista do TC Matrix e contribuidor do TC, Hugo Queiroz, os números vieram fortes, com forte desalavancagem e conversão de caixa forte. A Marfrig registou um fluxo de caixa livre de R$1,6 bilhão ao final do terceiro trimestre, alta de 91% na base anual. 

O lucro líquido foi de R$674,0 milhões no trimestre, abaixo do consenso TC Mover de R$960,0 milhões. Se considerarmos o lucro a controladores, de R$938,0 milhões, o número ficou praticamente em linha. A receita líquida foi de R$16,8 milhões, em linha com o consenso de R$17,0 bilhões. O EBITDA ajustado foi de R$2,1 bilhões, pouco abaixo do consenso. 

Desempenho das ações da Marfrig (MRFG3)

A ação ordinária da Marfrig, código MRFG3, subiu 0,67% hoje, negociada a R$15,06. Para acompanhar o desempenho das ações da frigorífica e de outras empresas, basta acessar o TC Matrix, ferramenta gratuita do TC. 

Texto: Leandro Tavares
Edição: Guillermo Parra-Bernal e Letícia Matsuura
Imagem: Divulgação

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais