Acordo de Basileia

O que é o Acordo de Basileia

Com o intuito de regular o funcionamento dos bancos e diversas instituições financeiras, em 1988, foi firmado o Acordo de Basileia. O nome foi dado em homenagem à cidade da Basileia, na Suíça, onde o acordo foi firmado e ratificado por mais de 100 países, que desde então seguem uma série de critérios e regras para dar mais segurança e garantir solidez ao sistema bancário mundial.

Como funciona o Acordo de Basileia

Oficialmente, o acordo é chamado de International Convergence of Capital Measurement and Capital Standards, e baseia-se em duas principais medidas. A primeira, é o padronização da avaliação de risco de crédito para todas as operações financeiras, e a segunda é a medida que determina que as instituições tenham sempre um índice mínimo de capital depositado em caixa.

Como identificar o Acordo de Basileia

Após a criação em 1988, o Acordo da Basileia passou por alguns aprimoramentos para atualizar suas regras e seguir condizente com a realidade. E assim, após o primeiro encontro, o Comitê de Basileia se reuniu mais duas vezes para formular novas determinações, no ano de 2004 e a última em 2010.

Termo relacionado

Esse conteúdo foi útil?

Disclaimer: Este material é produzido e distribuído somente com os propósitos de informar e educar, e representa o estado do mercado na data da publicação, sendo que as informações estão sujeitas a mudanças sem aviso prévio. Este material não constitui declaração de fato ou recomendação de investimento ou para comprar, reter ou vender quaisquer títulos ou valores mobiliários. O usuário não deve utilizar as informações disponibilizadas como substitutas de suas habilidades, julgamento e experiência ao tomar decisões de investimento ou negócio. Essas informações não devem ser interpretadas como análise ou recomendação de investimentos e não há garantia de que o conteúdo apresentado será uma estratégia efetiva para os seus investimentos e, tampouco, que as informações poderão ser aplicadas em quaisquer condições de mercados. Investidores não devem substituir esses materiais por serviços de aconselhamento, acompanhamento ou recomendação de profissionais certificados e habilitados para tal função. Antes de investir, por favor considere cuidadosamente a sua tolerância ou a sua habilidade para riscos. A administradora não conduz auditoria nem assume qualquer responsabilidade de diligência (due diligence) ou de verificação independente de qualquer informação disponibilizada neste espaço. Administradora: TradersNews Informação & Educação Ltda. Todos os direitos reservados.

TradersClub

O app essencial para investidores do mercado financeiro brasileiro.

Uma comunidade com milhares de investidores, ferramentas e serviços que vão ajudar você a investir melhor!

TradersClub