TC Mover
Mover

FMI vê maior crescimento do PIB global, mas desigualdade irá aumentar

Postado por: TC Mover em 06/04/2021 às 13:48
FMI

São Paulo, 6 de abril – O Fundo Monetário Internacional, FMI, elevou as previsões para o Produto Interno Bruto, PIB, tanto do mundo quanto do Brasil em 2021. No novo relatório Perspectiva Econômica Global, a entidade prevê alta de 6,00% no PIB global deste ano, ante 5,50% em janeiro, por causa dos estímulos feitos nas principais economias mundiais. A projeção global para 2022 subiu de 4,20% para 4,40%.


FMI projeta alta de 3,70% para o PIB brasileiro em 2021

No caso do Brasil, mesmo com o recrudescimento da pandemia, a instituição elevou marginalmente a projeção de crescimento em 2021, de 3,60% para 3,70%. O FMI é mais otimista que os 3,17% projetados no Relatório Focus, divulgado ontem, pelos economistas do mercado brasileiro.

O crescimento previsto pelo FMI para 2022 no Brasil é de 2,60% – no Focus mais recente, a projeção também é mais baixa, de 2,33%.

Dificuldades com vacinação e aumento da pobreza podem afetar recuperação de emergentes

Apesar das revisões para cima, o FMI destaca que os países em desenvolvimento, caso do Brasil e dos parceiros da América Latina, poderão ficar de fora da recuperação global, tendo em vista maiores dificuldades com a vacinação e o aumento da pobreza.

Por isso, os mercados emergentes foram os únicos para os quais o FMI manteve, para 2022, a projeção anterior, avanço de 5,00%. Em 2021, numa conta que inclui China e Índia, a projeção melhorou para 6,70%. Já as economias avançadas tiveram aumento na projeção para este e para o próximo ano, com crescimento de 5,10% e 3,60%, respectivamente.

Cooperação global para vacinação resultaria em crescimento maior, segundo FMI

O FMI calcula que os mercados emergentes, tirando a China, devem sofrer uma perda de 20% da renda per capita ao longo de 2020 e 2022, indo na contramão do esperado no período pré-pandemia.

O relatório do FMI diz que os países precisam trabalhar juntos para melhorar o ritmo da vacinação pelo mundo. Se a cooperação global conseguisse acelerar em 10% a velocidade da vacinação em todo o mundo, o crescimento global poderia ser melhor ainda neste ano, atingindo 6,50%.

Texto: Guilherme Dogo
Edição: Lucia Boldrini e João Pedro Malar
Arte: Vinícius Martins / TC Mover


Leia também

Petrobras compra participação da BP em seis blocos no Norte

Ativos se ajustam após segunda-feira de recordes; FMI, Orçamento no radar: Espresso

Calendário Econômico: PMI, Dasa, empregos nos EUA

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais