Furacão Ida afeta petroleiras e refinarias nos Estados Unidos - TC
TC Mover
Mover

Furacão Ida atinge petroleiras, refinarias e portos de exportação de grãos no sul dos EUA

Postado por: TC Mover em 30/08/2021 às 16:35
Furacão Ida atinge petroleiras

São Paulo, 30 de agosto – O furacão Ida está afetando a operação de petroleiras, refinarias e portos de exportação de grãos no sul dos Estados Unidos, além de destruir casas e estruturas de energia elétrica. O fenômeno de categoria 4, que é extremamente perigoso, atinge o Golfo do México desde sábado e chegou ao estado americano de Lousiana na manhã desta segunda-feira, 30.

Segundo informações da Reuters, 95% da produção de petróleo e gás no Golfo do México está suspensa devido às tempestades. Os embarques de grãos no Golfo do Mississipi, por onde passa cerca de 60% das exportações de grãos dos Estados Unidos, também estão parados.

Duas das principais companhias americanas do setor de óleo e gás já se manifestaram. A Chevron informou que mantém sua produção em águas do Golfo do México bloqueada, e a Philips 66 anunciou que suas refinarias em Lousiana permanecem paralisadas. Esta última não confirmou os rumores de que a refinaria Alliance estaria enfrentando alagamentos.

O regulador americano para a indústria de petróleo e gás afirmou mais cedo que 288 plataformas de extração estão evacuadas devido ao furacão Ida. E anunciou que a capacidade de produção está reduzida em 95%, ou cerca de 1,72 milhões de barris por dia.

Furacão Ida em Louisiana

O presidente Joe Biden disse que o governo federal e a Cruz Vermelha oferecem toda a ajuda possível às famílias que tiveram suas casas destruídas. Biden ainda declarou situação de desastre em Lousiana. Na capital do estado, New Orleans, o fornecimento de energia elétrica está totalmente interrompido.

A situação trágica acontece exatamente 16 anos após o Katrina destruir a Louisiana e o Mississippi. Na ocasião, 1,8 mil pessoas morreram e o prejuízo foi contabilizado em bilhões. Com ventos de 230 km/h, o Ida já é o quinto furacão mais potente da história do continente americano.

Ações nos setores petroleiro e agrícola

Por volta das 15h30, os futuros do Petróleo Brent negociados em Londres subiam 1,02%, aos US$73,44, ao passo que os do petróleo WTI negociados em Chicago subiam 0,86%, a US$69,33. Os futuros de commodities agrícolas, como milho, soja e trigo, caíam de forma pronunciada, frente aos problemas logísticos em embarques de exportação.

Texto: Felipe Corleta
Edição: Cintia Thomaz e Stéfanie Rigamonti
Imagem: Vinicius Martins / Mover


Leia também

IGP-M: Inflação do aluguel desacelera, mas crise hídrica continua pesando

BTG Pactual recomenda compra da SmartFit (SMFT3), na esteira da recuperação de serviços

Vibra Energia (BRDT3), ex-BR, anuncia acordos para fundo imobiliário e comercialização de etanol

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais