Mover

Insurreição em Washington impede certificação de Biden e serviço secreto é acionado

Postado por: TC Mover em 06/01/2021 às 18:11

São Paulo, 6 de janeiro – O vice-presidente Mike Pence foi retirado do Senado americano na tarde desta quarta-feira após o Capitólio dos Estados Unidos ter sido bloqueado, na esteira de protestos apoiando alegações pelo presidente americano Donald Trump de que houve fraude eleitoral na eleição de novembro, impedindo a certificação da vitória de Joe Biden.

O serviço secreto dos EUA foi acionado, sinalizando o risco de que o grupo de manifestantes podiam tomar controle de partes estratégicas do Capitólio, disseram agências de notícias. A sessão está suspensa, sem previsão de retorno até então.

Pence e o senador Charles Grassley, entre outros políticos importantes, foram levados para locais seguros fora do Capitólio, no centro da capital Washington, segundo agências. A Câmara de Representantes também foi evacuada e os parlamentares foram orientados a ficar longe de portas e janelas externas. Uma pessoa foi baleada dentro do Capitólio, conforme a agência WTTG, controlada pela rede Fox, disse há pouco.

Trump encorajou apoiadores a protestarem contra confirmação de vitória do Biden

Os protestos começaram minutos depois de o Congresso iniciar o processo de contagem dos votos do Colégio Eleitoral, quando parlamentares republicanos contestaram resultados e pediram duas horas para debates.

Mais cedo, Trump, em comício, encorajou milhares de seus apoiadores a marcharem até o Capitólio para protestar contra a confirmação da vitória de Biden. Trump, que disse à multidão que se juntaria a eles na marcha, se encontra na Casa Branca, de acordo com agências.

Texto: Kariny Leal
Edição: Guillermo Parra-Bernal e Letícia Matsuura
Imagem: TC Mover

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais