TC Mover
Mover

Jerome Powell diz que fim de estímulos depende da economia

Postado por: TC Mover em 22/06/2021 às 18:07
Jerome Powell falou sobre inflação e estímulos

São Paulo, 22 de junho – Em sabatina na Câmara dos Representantes, o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, voltou a repetir o discurso de que a inflação é um processo transitório. Ele também disse que a retirada dos estímulos depende de como a economia vai andar nos próximos meses, até porque, segundo ele, o mercado de trabalho americano está longe do “adequado”.


Fatores que levaram à inflação mais alta vão arrefecer, disse Jerome Powell

O presidente disse que continua com a previsão de que os fatores que levaram a uma inflação mais alta serão arrefecidos ao longo de 2021 e 2022. Segundo ele, a reabertura econômica, com uma forte demanda, trouxe a inflação para um patamar mais alto do que o previsto pelo Federal Reserve. Entretanto, ainda está dentro das possibilidades da autarquia para utilizar as ferramentas necessárias.

Em uma pergunta hipotética, Jerome Powell afirmou que uma inflação de 5,00% seria “inaceitável”. Ele disse também que não acredita em um ciclo de aumento de preços como o da década de 70.


Presidente do Federal Reserve espera números fortes para o emprego no outono americano

O maior foco do presidente do banco central americano durante a sabatina foi a questão do emprego. Segundo ele, os benefícios para os desempregados podem ter atrasado a retomada do mercado de trabalho tão rápida quanto a reabertura econômica.

Mesmo assim, Jerome Powell disse que acredita em números fortes na geração de vagas a partir do outono americano. “O foco do Fed será a retomada do emprego ainda em 2021”, afirmou o presidente do banco central americano.


Baixa procura por vacinas e variantes são riscos para a economia, segundo Jerome Powell

Como riscos, ele citou a baixa procura pelas vacinas atualmente nos EUA e as novas variantes do coronavírus. Elas estão causando aumento de casos de coronavírus em alguns estados americanos.

O mercado americano, que operava com leves perdas e ganhos moderados ao longo de toda sessão, passou a acelerar e renovar máximas durante as falas de Jerome Powell. O Dow Jones fechou em alta de 0,20% nesta terça-feira, 22, e o índice Nasdaq 100 renovou recorde, subindo 0,94%.

Já o S&P500 avançou 0,51%. As falas do presidente do Federal Reserve também acentuaram a queda do rendimento do Treasury de 10 anos, que recuavam 2 pontos-base, a 1,465% por volta das 18h00.

Texto: Guilherme Dogo
Edição: Cintia Thomaz e João Pedro Malar
Arte: TC Mover


Leia também

Fleury tem sistemas paralisados após ataque de ransomware

Privatizações avançarão após Eletrobras, prevê Ricardo Barros

Especial: Oi consolidará reestruturação, diz Rodrigo de Abreu

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais