Mover

Powell não aponta medidas para alta de yieds; juros disparam e bolsas caem

Postado por: TC Mover em 04/03/2021 às 16:25
Powell

São Paulo, 4 de março – Jerome Powell, presidente do Federal Reserve, Fed, frustrou as expectativas dos investidores que esperavam alguma sinalização de medida do banco central americano para conter a alta dos juros longos nos Estados Unidos.


Alta recente dos rendimentos de títulos do Tesouro chamou atenção, diz Powell

Durante evento sobre emprego organizado pelo The Wall Street Journal, Powell limitou-se a dizer que a alta recente dos rendimentos dos títulos do Tesouro americano chamou atenção, acrescentando, porém, que o Fed precisaria ver um aumento mais amplo em todo espectro das taxas para considerar qualquer medida.

Powell também afirmou que a reabertura da economia pode causar pressão inflacionária, mas que esta seria transitória.

Declarações afetaram índices americanos e Treasuries dispararam

As declarações do presidente do Fed não foram bem recebidas no mercado. Durante a fala, os índices americanos, que operavam positivos ao longo do dia, passaram a cair. Por volta das 16h25, o S&P500 caía 1,59%, enquanto o Dow Jones recuava 1,48%.

No mesmo horário, o índice Nasdaq caía ainda mais acentuadamente após a fala de Powell, 2,31%. Os rendimentos dos Treasuries de dez anos disparavam por volta de 6,5 pontos-base, chegando a 1,55%. O índice DXY, que compara o dólar a uma cesta de moedas pares, subia 0,70%.

Presidente do Fed não vê volta ao pleno emprego em 2021

Sobre a inflação, outro ponto que preocupa os investidores, Powell acrescentou que os possíveis aumentos de preços acima da meta de 2,00% por alguns trimestres não causariam mudanças significativas nas expectativas de longo prazo, ancoradas na meta.

Powell destacou também que o Fed monitora de perto a falta de tração do mercado de trabalho americano. Segundo ele, os Estados Unidos não voltarão ao pleno emprego ainda em 2021. Por isso, a autoridade monetária americana não cogita ainda a subida da taxa de juros, que hoje se encontra em um intervalo de 0,00% e 0,25%. Para ele, isso só será colocado na mesa quando as condições do mercado de trabalho melhorarem.

Texto: Guilherme Dogo
Edição: Angelo Pavini e João Pedro Malar
Arte: TC Mover


Leia também

BC deve pôr em teste linhas de liquidez em abril, diz Serra

Hering (HGTX3) sobe mais de 7% após balanço mostrar retomada no digital

Mansano: Resultado do PIB indica recuperação no segundo semestre

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais