TC Mover
Mover

As mais lidas da semana: Lira, Ambev, greve dos caminhoneiros

Postado por: TC Mover em 16/01/2021 às 8:00
as mais lidas da semana

São Paulo, 16 de janeiro – A entrevista exclusiva com o candidato da presidência da Câmara, Arthur Lira; o rebaixamento de recomendação das ações da Ambev, código ABEV3, para venda pelo Bradesco BBI; e a possível adesão de Chorão à greve dos caminhoneiros estão entre as mais lidas do TC. Confira!

Entrevista exclusiva: Se eleito na Câmara, Lira promete reformas e respeito ao Teto de Gastos


Se eleito presidente da Câmara no começo de fevereiro, o deputado Arthur Lira promete decidir as pautas da Casa em conjunto com os líderes das bancadas, priorizar a Proposta de Emenda à Constituição Emergencial, PEC emergencial, e, em seguida, as Reformas Tributária e Administrativa, assim como respeitar o Teto de Gastos. Leia aqui a entrevista exclusiva na íntegra.

 

Bradesco BBI rebaixa Ambev (ABEV3) para venda por fim de auxílio

 

Os papéis da Ambev, código ABEV3, serão prejudicados pelo fim do auxílio emergencial, que deve reduzir a demanda por cerveja no Brasil em 2021, disse o Bradesco BBI em relatório. Leia aqui a matéria.

 

Traições podem mudar rumo das disputas pelo comando do Congresso

 

Possíveis traições dentro das bancadas dos partidos podem mudar os rumos da eleição pelo comando da Câmara e do Senado no final de fevereiro. Ontem, a senadora Simone Tebet, do MDB, recebeu apoio da maioria do Podemos e do PSDB, além do Cidadania, alcançando em torno de 30 votos. Leia aqui a matéria.

 

Presidente da Abrava ainda avalia adesão à greve dos caminhoneiros

 

O caminhoneiro Wallace Costa Landim, conhecido como Chorão, um dos líderes da greve de 2018 e presidente da Associação Brasileira dos Condutores de Veículos Automotores, Abrava, ainda avalia se vai aderir à greve dos caminhoneiros programada para o próximo dia 1º de fevereiro, disse ele à TC Mover. Leia aqui a matéria.

 

BTG Pactual (BPAC11) fecha acordo com dona do Zoom e Buscapé, mas ação cai

 

O BTG Pactual, negociado na bolsa brasileira pelo código BPAC11, anunciou um acordo de cinco anos com a Mosaico, dona dos sites e aplicativos do Zoom, Buscapé e Bondfaro. Apesar disso, a unit do BTG caía 1,44%, perto das 16h50, em dia vermelho no Ibovespa. Leia aqui a matéria.

Texto: João Pedro Malar
Edição: Letícia Matsuura
Arte: Vinícius Martins / TC

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis