TC Mover
Mover

Banco Central aponta projeções abaixo da meta por juro neutro

Postado por: TC Mover em 11/05/2021 às 13:55
Banco Central falou sobre alta na taxa Selic

São Paulo, 11 de maio – O Banco Central disse hoje que elevações na taxa básica de juros sem interrupção até o patamar considerado neutro implicam projeções “consideravelmente abaixo” da meta de inflação no horizonte relevante da política monetária. A afirmação veio em um documento que justifica o processo de normalização parcial em curso.


Comitê do Banco Central vê nova alta de 0,75 ponto percentual na próxima reunião

Na ata da sua mais recente reunião de política monetária, o comitê decisório dos juros da autarquia, conhecido como Copom, disse que vê a continuação do processo de normalização parcial com outra alta de 0,75 ponto percentual na próxima reunião, marcada para o mês que vem.

“O Copom reafirmou que essa visão para as próximas reuniões pode ser alterada caso haja mudança nas projeções de inflação ou no balanço de riscos”, informou o documento do Banco Central. Segundo a ata da reunião, “a decisão continuará dependendo da evolução da atividade econômica, do balanço de riscos, e das projeções e expectativas de inflação”.

O comentário reflete a visão do Copom de que um ciclo de ajuste nos juros é adequado, se não suficiente, para levar as expectativas de inflação a convergirem de novo para a meta de inflação de 2021 e 2022. Hoje, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo, IPCA, considerado a inflação oficial pela autarquia, veio acima da meta para o acumulado de 12 meses.


Expressão “normalização parcial” define ciclo de alta e visão sobre inflação, segundo o Copom

Na reunião da semana passada, o Copom decidiu elevar a taxa básica de juros, a taxa Selic, para 3,50%. O comitê do Banco Central sinalizou a intenção de fazer um novo aperto da mesma magnitude em junho, “caso não haja mudança nos condicionantes de inflação”.

O Copom justificou que a expressão “normalização parcial” foi adotada para definir o ciclo atual de alta na taxa Selic. Ela reflete, também, que as opiniões do colegiado se ajustam a uma visão unânime e transparente de convergência da inflação para a meta.

Texto: Guillermo Parra-Bernal
Edição: Lucia Boldrini e João Pedro Malar
Arte: Vinícius Martins / TC Mover


Leia também

Inflação desacelera em abril, mas próximos meses preocupam

BTG Pactual capta mais que a XP e bate recordes no trimestre

Ações de tecnologia derrubam mercados globais; inflação, ata do Copom, balanços no radar: Espresso

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais