Mover

IBC-Br de dezembro aponta queda menor do PIB em 2020

Postado por: TC Mover em 12/02/2021 às 11:01
ibc-br, prévia do PIB

São Paulo, 12 de fevereiro – Conhecido como prévia do Produto Interno Bruto, PIB, do país, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central do Brasil, IBC-Br, de dezembro apresentou crescimento de 0,64%, acima do consenso de 0,40%, fechando o trimestre com alta de 3,14%, segundo os dados divulgados pelo Banco Central nesta manhã. Com isso, o índice terminou 2020 com queda de 4,05%, menor do que as previsões do Ministério da Economia para o PIB, que prevê retração de 4,50%. A melhora se deu, principalmente, pela flexibilização das regras de distanciamento social no início do segundo semestre.

Mesmo IBC-Br batendo consenso, PIB pode ter maior queda histórica

O IBC-Br tem um cálculo diferente do PIB, incorporando estimativas para a agropecuária, indústria, serviços e impostos. Mesmo assim, se o PIB encerrar o ano no mesmo patamar do IBC-Br, será a maior queda do indicador em toda a série histórica. O resultado oficial do PIB será divulgado pelo Instituto de Geografia e Estatística, IBGE, em 3 de março.

Perto das 11h00, todos os contratos futuros de juros, DIs avançavam, registrando alta de até 7,5 pontos-base. Além do indicador, pesa também nas taxas futuras a volta do auxílio emergencial e a inflação medida pelo Índice Geral de Preços – 10, IGP-10, de fevereiro mais salgada.

Texto: Guilherme Dogo
Edição Bárbara Leite e Letícia Matsuura
Arte: Vinícius Martins/TC Mover


Leia também

Cautela pré-feriado, ajuste mantêm ativos no vermelho; IBC-Br, auxílio no radar: Espresso

Especial: Congresso garantirá auxílio emergencial, mas diluirá ajuste

Calendário Econômico: IBC-Br, IGP-10, balanços

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais