Ibovespa amarga queda com recuo em todos os setores - TC
TC Mover
Mover

Ibovespa derrete com todos os setores em baixa em dia de realização global

Postado por: TC Mover em 16/08/2021 às 14:46
Ibovespa baixa os 120 mil pontos

São Paulo, 16 de agosto – Amargando em queda, o Ibovespa baixou os 120 mil pontos com recuo de todos os setores. Além disso, os mercados no exterior se ajustaram depois de recordes históricos, na esteira dos fracos dados de atividade na China, aumento de casos da variante Delta do coronavírus e da tensão em Kabul, no Afeganistão. O sentimento negativo externo é agravado pelas preocupações políticas locais.

Por volta das 14h41, o índice de referência da bolsa brasileira perdia 1,58%, aos 119.173 pontos. Os papéis de Petrobras (PETR3 e PETR4), Vale (VALE3) e B3 (B3SA3) lideraram as baixas em pontos do indicador. O dólar futuro oscilou em torno da estabilidade, por volta dos R$5,26, e a curva do DI operou em rotação de inclinação, com contratos longos subindo até 11 pontos-básicos e com os vencimentos mais curtos estáveis.

Ibovespa tem queda acentuada nos setores de consumo e energia

De acordo com José Faria Júnior, diretor técnico da Wagner Investimentos, o Ibovespa perdeu uma linha de concentração importante e graficamente vê suporte agora nos 117 mil pontos. Entre os setores, o de consumo e energia foram os mais pesados na pontuação enquanto percentualmente, tombaram de forma acentuada papéis de segmentos sensíveis à retomada econômica, como aéreas e educação, além das empresas de tecnologia.

Apenas dez papéis operaram no azul no Ibovespa, com destaque para os de CPFL Energia (CPFE3), Qualicorp (QUAL3), Copel (CPLE3, CPLE5, CPLE6 e CPLE11) e Suzano (SUZB3). Enquanto isso, as piores quedas foram da CVC (CVCB3), Via (VVAR3), Embraer (EMBR3), Minerva (BEEF3) e Cogna (COGN3). De fora do índice, destaque para a derretida em papéis de Enjoei (ENJU3), Méliuz (CASH3), TC (TRAD3) e Time for Fun (SHOW3). A TC controla a Mover e o Scoop, serviços de inteligência de mercado da plataforma.

No exterior, os rendimentos dos títulos da dívida americana recuaram com maior busca por proteção e o dólar ganhou terreno contra a maioria das moedas. Os índices americanos recuaram em bloco com o S&P500 perdendo 0,51%, Dow Jones Industrial 0,20% e o Nasdaq 100, 1,12%. O petróleo diminuiu perdas e recuou 0,94% aos US$69,55.

Texto: Felipe Corleta
Edição: Angelo Pavini, Anderson Lima e Karine Sena
Arte: Vinícius Martins / Mover


Leia também

Rede D’Or (RDOR3) propõe compra da Alliar em novo passo rumo à consolidação

Balanços, Relatório Focus, IPC-S: Calendáro Econômico

Criptomoedas, variante Iota, precatórios: As Mais Lidas

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais