Mover

Ibovespa sobe com menor temor fiscal; no radar, Serviços, balanços EUA: Espresso

Postado por: TC Mover em 13/10/2020 às 19:03

São Paulo, 13 de outubro – O Ibovespa terminou o dia em alta, de volta aos 98 mil pontos, com os investidores ajustando os preços locais aos ganhos das bolsas internacionais no dia anterior, feriado no Brasil. A alta acompanhou também notícias sobre possíveis avanços na Reforma Tributária ainda este ano e nas discussões para preservar o Teto de Gastos no ano que vem no Congresso. A valorização do petróleo e os vencimentos amanhã dos mercados de opções sobre índice e Ibovespa Futuro também influenciaram os negócios. 

Bolsas americanas caíram

Já no exterior, o mau humor prevaleceu e as bolsas americanas fecharam baixa, interrompendo uma sequência de quatro altas seguidas. Os sinais de dificuldades na aprovação de um novo pacote de ajuda para empresas e famílias no Congresso americano e notícias de interrupções nas pesquisas de vacinas e de tratamentos para a Covid-19 aumentaram a cautela dos investidores em ações, que resolveram também colocar parte dos ganhos dos pregões anteriores no bolso.

Coronavírus anula resultado dos bancos

Os contratempos nas pesquisas sobre tratamentos do coronavírus vêm no momento que vários países da Europa, como França, Alemanha e, em especial, o Reino Unido, adotam novas restrições para tentar conter surtos da doença. 

A preocupação com a pandemia acabou por deixar em segundo plano os primeiros resultados dos bancos americanos, que vieram acima do esperado. Mas executivos das instituições, como o presidente do JPMorgan, Jamie Dimon, alertaram para a necessidade de mais um pacote de ajuda fiscal para a economia superar o desastre causado pelo vírus. 

Inflação e balanços

Para amanhã, os investidores estarão atentos novamente às discussões no Congresso americano sobre o novo pacote fiscal, às pesquisas eleitorais na corrida presidencial americana e a novidades nos estudos sobre tratamentos para a Covid-19. 

Novos balanços são esperados com Bank of America, Wells Fargo e Goldman Sachs. Também saem os dados de inflação ao produtor americano de setembro e a Produção Industrial da Zona do Euro de agosto. À noite, na China saem os índices de inflação ao produtor ao consumidor de setembro.

Texto: TC Mover
Edição: Letícia Matsuura
Arte: Nathália Reiter/TC

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais