Vendas no varejo americano frustram consensos - TC
TC Mover
Mover

Vendas no varejo americano frustram; Ibovespa futuro cai com exterior: Espresso

Postado por: TC Mover em 17/08/2021 às 9:51
Vendas no varejo americano frustram

São Paulo, 17 de agosto – As vendas no varejo americano frustraram os consensos do mercado. O índice mensal referente à julho atingiu queda de 1,10%, quando a expectativa era para uma retração de 0,30%. Nos núcleos, as vendas também caíram, em 0,40%, sendo que o consenso esperava uma leve alta de 0,10%. Com isso, as vendas no varejo variaram 15,80% na comparação anual.

Na abertura do mercado futuro, a curva de juros no Brasil operava mista, com os contratos mais longos recuando, enquanto a ponta curta avança. O dólar oscilava, valendo R$5,271, leve alta de 0,05%. Já o Ibovespa Futuro seguia o mau humor do exterior e aponta para mais um pregão de queda. Perto das 9h40, o índice futuro tinha queda de 0,81%, a 118.650 pontos.

Vendas no varejo americano e IGP-10 estão no radar dos investidores

Além das vendas no varejo americano, os investidores ficam de olho também na inflação no Brasil. Os efeitos da geada e da seca pelo país puxaram os números do Índice Geral de Preços – 10 em agosto, que subiu 1,18%, bem acima da alta de 0,18% em julho. No entanto, o consenso esperava um avanço de 1,30%.

O vilão foi o Índice de Preços ao Produtor Amplo, que tem maior peso no IGP-10, subindo 1,29% no mês. Os Preços ao Consumidor também tiveram alta, passando de 0,70% em julho para 0,88%. Apenas os preços da construção arrefeceram o avanço, passando de 1,37% para 0,79%.

Para conferir o Espresso na íntegra e outros conteúdos exclusivos, assine um dos planos do TC.

Texto: Mover
Edição: Letícia Matsuura
Arte: Vinícius Martins / Mover


Leia também

IGP-10, varejo americano, indústria: Calendário Econômico

Ibovespa derrete com todos os setores em baixa em dia de realização global

Balanços, Relatório Focus, IPC-S: Calendário Econômico

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais