0

Mansano: Por que os juros nos EUA devem aumentar em março?

colunas

Mansano: Por que os juros nos EUA devem aumentar em março?

Acreditamos haver elementos suficientes para um ritmo mais agressivo para a subida de juros nos EUA em março, visando controlar a inflação

Mansano: Por que os juros nos EUA devem aumentar em março?
fernanda-mansano

Atualizado há 4 meses

Ícone de compartilhamento

Hoje tivemos uma das divulgações mais importantes da semana e que pode mexer com a decisão do banco central americano sobre os juros: a inflação ao consumidor dos EUA, o CPI na sigla em inglês, referente ao mês de janeiro, que teve alta de 0,60%, chegando no acumulado de 12 meses a 7,5%, maior taxa desde 1982.

Já o núcleo da inflação, aquele que exclui itens mais voláteis, como alimentos e combustíveis, passou de 0,50% em dezembro para 0,60%, sendo este um indicador relevante para a decisão do Federal Reserve de subir os juros ou não.

Nesse cenário, observamos que a aceleração do núcleo, assim como também o seu acumulado em 12 meses atingindo 6,0%, trazem preocupações relevantes quanto à trajetória da inflação no país, a qual já deixou de ser transitória e se mostra persistente.

Dessa forma, o remédio para o controle dos preços, ou melhor, para alcançar a meta média de longo prazo, de 2,0%, é o Fed elevar os juros. Assim, o investidor que já acompanha as análises da equipe macro já entendeu a relação entre a inflação e o emprego que norteiam a decisão do Fed.

Em outras palavras, com a inflação muito acima da média e o relatório de emprego dos EUA, o Payroll, surpreendendo positivamente a projeção até dos mais otimistas, o Fed possui mais graus de liberdade para iniciar seu aperto monetário.

Assim, temos verificado que a curva de juros nos EUA abriu substancialmente depois do dado de inflação, endossando expectativas de um aperto monetário mais forte pelo Fed. Além disso, o mercado passou a precificar 50,2% de chance de o Fed elevar os juros em 50 pontos-base na reunião de março, contra 28,8% na reunião anterior.

Dessa forma, desde o dado do Payroll na semana passada, já havíamos levantado a possibilidade de o ciclo de alta de juros começar em maior magnitude. Com isso, hoje acreditamos haver elementos suficientes para justificar um ritmo mais agressivo para a subida de juros na reunião de março, visando o controle da inflação.

Coluna: Fernanda Mansano
Arte: Vinícius Martins / Mover


DISCLAIMER: As informações disponibilizadas na coluna são meramente opiniões da COLUNISTA na data em que foram expressas e não declarações de fatos ou recomendações para comprar, reter ou vender quaisquer títulos ou valores mobiliários, ou ainda, qualquer recomendação de investimento.

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.