IBOV

106.373,87 pts

-0,51%

SP500

4.667,03 pts

+0,09%

DJIA

35.965,94 pts

+0,03%

NASDAQ

15.599,54 pts

+0,21%

IFIX

2.795,85 pts

+0,46%

BRENT

US$ 86,72

+0,28%

IO62

¥ 701,50

-0,85%

TRAD3

R$ 4,41

-4,13%

ABEV3

R$ 14,80

-1,98%

AMER3

R$ 30,47

+0,52%

ASAI3

R$ 12,01

-0,98%

AZUL4

R$ 25,82

-1,93%

B3SA3

R$ 12,36

+1,14%

BIDI11

R$ 23,11

-3,10%

BBSE3

R$ 19,67

+1,13%

BRML3

R$ 8,41

+0,11%

BBDC3

R$ 17,54

+0,57%

BBDC4

R$ 20,99

+0,57%

BRAP4

R$ 27,37

-0,54%

BBAS3

R$ 30,47

+0,19%

BRKM5

R$ 48,65

-6,72%

BRFS3

R$ 24,75

+1,85%

BPAC11

R$ 19,73

-0,50%

CRFB3

R$ 14,49

+0,62%

CCRO3

R$ 11,24

-1,31%

CMIG4

R$ 12,74

+0,07%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,12

+4,95%

COGN3

R$ 2,17

+0,46%

CPLE6

R$ 6,40

+0,94%

CSAN3

R$ 21,08

-0,66%

CPFE3

R$ 26,00

+0,19%

CVCB3

R$ 11,58

-1,11%

CYRE3

R$ 14,14

-0,35%

ECOR3

R$ 7,22

+0,27%

ELET3

R$ 31,69

+0,25%

ELET6

R$ 31,25

+0,51%

EMBR3

R$ 21,55

-2,09%

ENBR3

R$ 21,08

+1,34%

ENGI11

R$ 41,00

+0,07%

ENEV3

R$ 12,61

-0,23%

EGIE3

R$ 38,42

+0,07%

EQTL3

R$ 22,29

-1,45%

EZTC3

R$ 18,50

-0,59%

FLRY3

R$ 17,79

-0,78%

GGBR4

R$ 27,66

-2,19%

GOAU4

R$ 11,55

-1,61%

GOLL4

R$ 16,77

-0,94%

NTCO3

R$ 21,23

-2,61%

HAPV3

R$ 10,50

+1,84%

HYPE3

R$ 27,82

-0,64%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 61,48

+1,67%

IRBR3

R$ 3,48

-1,69%

ITSA4

R$ 9,54

-0,17%

ITUB4

R$ 23,64

-0,17%

JBSS3

R$ 36,98

-1,09%

JHSF3

R$ 4,81

-0,82%

KLBN11

R$ 24,61

-2,80%

RENT3

R$ 50,48

-1,54%

LCAM3

R$ 22,62

-1,13%

LWSA3

R$ 8,58

+2,26%

LAME4

R$ 5,76

+1,40%

LREN3

R$ 23,49

-2,00%

MGLU3

R$ 6,12

-3,31%

MRFG3

R$ 23,25

-1,10%

BEEF3

R$ 10,07

-1,94%

MRVE3

R$ 11,00

-0,81%

MULT3

R$ 18,21

-1,51%

PCAR3

R$ 19,25

-3,31%

PETR3

R$ 34,45

-0,31%

PETR4

R$ 31,50

+0,15%

VBBR3

19,53

-1,51%

PRIO3

R$ 22,82

-0,34%

QUAL3

R$ 16,37

+2,76%

RADL3

R$ 20,54

-2,19%

RAIL3

R$ 16,35

+0,24%

SBSP3

R$ 35,41

+0,85%

SANB11

R$ 31,69

-0,53%

CSNA3

R$ 25,14

-2,25%

SULA11

R$ 23,15

+0,52%

SUZB3

R$ 62,03

-1,17%

TAEE11

R$ 36,07

+0,02%

VIVT3

R$ 47,51

+1,34%

TIMS3

R$ 12,94

+2,45%

TOTS3

R$ 25,29

+0,35%

UGPA3

R$ 12,86

-2,27%

USIM5

R$ 16,23

-1,33%

VALE3

R$ 84,25

-0,52%

VIIA3

R$ 3,90

-1,76%

WEGE3

R$ 30,35

-1,13%

YDUQ3

R$ 19,07

+0,89%

IBOV

106.373,87 pts

-0,51%

SP500

4.667,03 pts

+0,09%

DJIA

35.965,94 pts

+0,03%

NASDAQ

15.599,54 pts

+0,21%

IFIX

2.795,85 pts

+0,46%

BRENT

US$ 86,72

+0,28%

IO62

¥ 701,50

-0,85%

TRAD3

R$ 4,41

-4,13%

ABEV3

R$ 14,80

-1,98%

AMER3

R$ 30,47

+0,52%

ASAI3

R$ 12,01

-0,98%

AZUL4

R$ 25,82

-1,93%

B3SA3

R$ 12,36

+1,14%

BIDI11

R$ 23,11

-3,10%

BBSE3

R$ 19,67

+1,13%

BRML3

R$ 8,41

+0,11%

BBDC3

R$ 17,54

+0,57%

BBDC4

R$ 20,99

+0,57%

BRAP4

R$ 27,37

-0,54%

BBAS3

R$ 30,47

+0,19%

BRKM5

R$ 48,65

-6,72%

BRFS3

R$ 24,75

+1,85%

BPAC11

R$ 19,73

-0,50%

CRFB3

R$ 14,49

+0,62%

CCRO3

R$ 11,24

-1,31%

CMIG4

R$ 12,74

+0,07%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,12

+4,95%

COGN3

R$ 2,17

+0,46%

CPLE6

R$ 6,40

+0,94%

CSAN3

R$ 21,08

-0,66%

CPFE3

R$ 26,00

+0,19%

CVCB3

R$ 11,58

-1,11%

CYRE3

R$ 14,14

-0,35%

ECOR3

R$ 7,22

+0,27%

ELET3

R$ 31,69

+0,25%

ELET6

R$ 31,25

+0,51%

EMBR3

R$ 21,55

-2,09%

ENBR3

R$ 21,08

+1,34%

ENGI11

R$ 41,00

+0,07%

ENEV3

R$ 12,61

-0,23%

EGIE3

R$ 38,42

+0,07%

EQTL3

R$ 22,29

-1,45%

EZTC3

R$ 18,50

-0,59%

FLRY3

R$ 17,79

-0,78%

GGBR4

R$ 27,66

-2,19%

GOAU4

R$ 11,55

-1,61%

GOLL4

R$ 16,77

-0,94%

NTCO3

R$ 21,23

-2,61%

HAPV3

R$ 10,50

+1,84%

HYPE3

R$ 27,82

-0,64%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 61,48

+1,67%

IRBR3

R$ 3,48

-1,69%

ITSA4

R$ 9,54

-0,17%

ITUB4

R$ 23,64

-0,17%

JBSS3

R$ 36,98

-1,09%

JHSF3

R$ 4,81

-0,82%

KLBN11

R$ 24,61

-2,80%

RENT3

R$ 50,48

-1,54%

LCAM3

R$ 22,62

-1,13%

LWSA3

R$ 8,58

+2,26%

LAME4

R$ 5,76

+1,40%

LREN3

R$ 23,49

-2,00%

MGLU3

R$ 6,12

-3,31%

MRFG3

R$ 23,25

-1,10%

BEEF3

R$ 10,07

-1,94%

MRVE3

R$ 11,00

-0,81%

MULT3

R$ 18,21

-1,51%

PCAR3

R$ 19,25

-3,31%

PETR3

R$ 34,45

-0,31%

PETR4

R$ 31,50

+0,15%

VBBR3

19,53

-1,51%

PRIO3

R$ 22,82

-0,34%

QUAL3

R$ 16,37

+2,76%

RADL3

R$ 20,54

-2,19%

RAIL3

R$ 16,35

+0,24%

SBSP3

R$ 35,41

+0,85%

SANB11

R$ 31,69

-0,53%

CSNA3

R$ 25,14

-2,25%

SULA11

R$ 23,15

+0,52%

SUZB3

R$ 62,03

-1,17%

TAEE11

R$ 36,07

+0,02%

VIVT3

R$ 47,51

+1,34%

TIMS3

R$ 12,94

+2,45%

TOTS3

R$ 25,29

+0,35%

UGPA3

R$ 12,86

-2,27%

USIM5

R$ 16,23

-1,33%

VALE3

R$ 84,25

-0,52%

VIIA3

R$ 3,90

-1,76%

WEGE3

R$ 30,35

-1,13%

YDUQ3

R$ 19,07

+0,89%

leopoldo-vieira-teixeira

Atualizado há 3 meses

Ícone de compartilhamento

A vantagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre o presidente Jair Bolsonaro nas pesquisas eleitorais que simulam em eventual segundo turno na disputa de 2022 caiu 10 pontos percentuais em dois meses, segundo PoderData, sugerindo que o eleitorado pode estar antecipando a escolha polarizada entre os dois atuais líderes nas pesquisas.

Tal cenário elevaria riscos de o governo aprofundar a opção de elevar os gastos públicos, na medida em que pode aumentar o entusiasmo da chamada ala política em incrementar a popularidade de Bolsonaro para alavancar o presidente nas pesquisas, diante da redução da vantagem de Lula, que segue na liderança das intenções de voto.

Já há inclusive a indicação dada por ministros do governo de que, caso persistam as dificuldades de aprovação da Proposta de Emenda à Constituição dos Precatórios na Câmara, a alternativa seria a prorrogação do Auxílio Emergencial, com uma nova decretação de estado de calamidade pública causada pela pandemia de Covid-19.

A pesquisa, feita por telefone e com margem de erro de 2 pontos percentuais, foi realizada entre segunda, 25, e quarta-feira, 27, já captando o anúncio do Auxílio Brasil de R$400 até o fim de 2022 pelo governo. Nela, Lula vence Bolsonaro por 52% a 37%, ainda uma distância de 15 pontos. O petista perdeu 4 pontos percentuais em relação ao levantamento de setembro, enquanto o presidente subiu 4.

Desde agosto, na série PoderData, Bolsonaro ganhou 7 pontos percentuais, de 30% para 37%. Lula subiu de 55% para 56% entre agosto e setembro, mas em outubro caiu 4, para 52%.

No momento, enquanto Bolsonaro avança na flexibilização de regras fiscais para ampliar investimentos públicos e administrar sua governabilidade, enfrentando a resistência do time econômico, Lula mantém a defesa de uma reforma geral nos marcos fiscais e da retomada de um Estado forte para combater a pobreza e impulsionar o crescimento da economia.

Isso reforça a importância do olhar atento do mercado às oportunidades em empresas, setores e índices que podem se beneficiar com a nova agenda de gastos públicos, e à credibilidade dos candidatos em relação ao gerenciamento da economia.

Moro reforça polarização

Ainda conforme o PoderData, a possível candidatura do ex-juiz da Lava Jato, Sergio Moro, pode desidratar a chamada terceira via, fortalecendo a polarização entre Lula e Bolsonaro.

Moro apresenta um índice de 7% a 8% em intenção de voto nos cenários testados. No primeiro, fica atrás de Bolsonaro, com 28%, e de Lula, com 35%, mas à frente dos principais postulantes de uma alternativa, como o ex-governador Ciro Gomes, com 5%, o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, com 4%, do governador de São Paulo, João Doria, também com 4%, e do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, com 1%.

No segundo cenário, Moro permanece atrás de Lula, com 34%, e de Bolsonaro, com 30%, mas também à frente de Gomes, com 7%, Mandetta, com 4%, e do governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, com 3% – que nesta simulação, diferentemente de Doria, aparece em desvantagem em relação ao apresentador José Luiz Datena, que marca 4%. Doria e Leite disputarão a indicação do PSDB à presidência da República em 21 de novembro.

Coluna: Leopoldo Vieira
Arte: Vinicius Martins / Mover


DISCLAIMER: As informações disponibilizadas na coluna são meramente opiniões do COLUNISTA na data em que foram expressas e não declarações de fatos ou recomendações para comprar, reter ou vender quaisquer títulos ou valores mobiliários, ou ainda, qualquer recomendação de investimento.

image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.