IBOV

111.952,31 pts

+1,58%

SP500

4.423,83 pts

+1,55%

DJIA

34.689,33 pts

+1,13%

NASDAQ

14.470,31 pts

+2,27%

IFIX

2.767,65 pts

-0,89%

BRENT

US$ 89,58

+1,56%

IO62

¥ 768,00

+0,33%

TRAD3

R$ 4,46

+2,05%

ABEV3

R$ 15,13

+0,39%

AMER3

R$ 35,68

+1,07%

ASAI3

R$ 12,50

+1,62%

AZUL4

R$ 27,52

+2,22%

B3SA3

R$ 13,75

+3,22%

BIDI11

R$ 24,90

+5,01%

BBSE3

R$ 21,20

+0,33%

BRML3

R$ 9,20

-0,86%

BBDC3

R$ 18,19

-0,27%

BBDC4

R$ 22,04

-0,49%

BRAP4

R$ 27,81

+2,62%

BBAS3

R$ 32,28

+0,37%

BRKM5

R$ 51,10

+2,44%

BRFS3

R$ 23,35

+0,43%

BPAC11

R$ 23,91

+5,89%

CRFB3

R$ 15,33

-0,84%

CCRO3

R$ 12,22

+0,57%

CMIG4

R$ 12,92

-0,38%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,21

+1,37%

COGN3

R$ 2,48

+0,40%

CPLE6

R$ 6,96

+0,43%

CSAN3

R$ 22,39

+1,95%

CPFE3

R$ 28,27

+0,28%

CVCB3

R$ 13,21

+2,24%

CYRE3

R$ 16,89

+3,42%

ECOR3

R$ 7,55

+0,39%

ELET3

R$ 34,85

+2,41%

ELET6

R$ 33,86

+1,59%

EMBR3

R$ 21,02

+1,25%

ENBR3

R$ 21,47

+0,09%

ENGI11

R$ 42,57

+1,02%

ENEV3

R$ 13,21

+2,48%

EGIE3

R$ 39,40

+0,02%

EQTL3

R$ 22,68

+2,25%

EZTC3

R$ 20,97

+1,55%

FLRY3

R$ 19,17

+0,68%

GGBR4

R$ 28,02

+2,29%

GOAU4

R$ 11,70

+2,00%

GOLL4

R$ 17,13

+1,72%

NTCO3

R$ 24,22

+4,21%

HAPV3

R$ 12,26

+1,99%

HYPE3

R$ 29,43

-0,10%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 70,38

+1,55%

IRBR3

R$ 3,29

+0,30%

ITSA4

R$ 9,76

+0,20%

ITUB4

R$ 23,92

-0,78%

JBSS3

R$ 36,33

+0,52%

JHSF3

R$ 5,94

+2,06%

KLBN11

R$ 24,37

+0,99%

RENT3

R$ 58,49

+4,91%

LCAM3

R$ 25,98

+4,67%

LWSA3

R$ 9,37

+3,08%

6,56

+0,30%

LREN3

R$ 27,60

+2,18%

MGLU3

R$ 7,00

+4,16%

MRFG3

R$ 24,12

+2,07%

BEEF3

R$ 9,81

+0,71%

MRVE3

R$ 12,83

+2,39%

MULT3

R$ 20,66

+1,22%

PCAR3

R$ 21,37

+0,09%

PETR3

R$ 36,58

+2,17%

PETR4

R$ 33,86

+2,63%

VBBR3

22,06

+2,41%

PRIO3

R$ 24,39

+2,13%

QUAL3

R$ 17,43

+7,59%

RADL3

R$ 21,86

+1,20%

RAIL3

R$ 17,12

+1,78%

SBSP3

R$ 35,73

+0,25%

SANB11

R$ 33,24

+0,33%

CSNA3

R$ 25,83

+1,65%

SULA11

R$ 24,73

+2,35%

SUZB3

R$ 56,74

+0,05%

TAEE11

R$ 38,02

+0,07%

VIVT3

R$ 48,49

+0,08%

TIMS3

R$ 12,96

-0,07%

TOTS3

R$ 27,62

+4,70%

UGPA3

R$ 14,18

+1,21%

USIM5

R$ 16,41

+1,54%

VALE3

R$ 86,06

+2,37%

VIIA3

R$ 4,45

+2,29%

WEGE3

R$ 30,87

+2,21%

YDUQ3

R$ 20,84

+0,28%

IBOV

111.952,31 pts

+1,58%

SP500

4.423,83 pts

+1,55%

DJIA

34.689,33 pts

+1,13%

NASDAQ

14.470,31 pts

+2,27%

IFIX

2.767,65 pts

-0,89%

BRENT

US$ 89,58

+1,56%

IO62

¥ 768,00

+0,33%

TRAD3

R$ 4,46

+2,05%

ABEV3

R$ 15,13

+0,39%

AMER3

R$ 35,68

+1,07%

ASAI3

R$ 12,50

+1,62%

AZUL4

R$ 27,52

+2,22%

B3SA3

R$ 13,75

+3,22%

BIDI11

R$ 24,90

+5,01%

BBSE3

R$ 21,20

+0,33%

BRML3

R$ 9,20

-0,86%

BBDC3

R$ 18,19

-0,27%

BBDC4

R$ 22,04

-0,49%

BRAP4

R$ 27,81

+2,62%

BBAS3

R$ 32,28

+0,37%

BRKM5

R$ 51,10

+2,44%

BRFS3

R$ 23,35

+0,43%

BPAC11

R$ 23,91

+5,89%

CRFB3

R$ 15,33

-0,84%

CCRO3

R$ 12,22

+0,57%

CMIG4

R$ 12,92

-0,38%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,21

+1,37%

COGN3

R$ 2,48

+0,40%

CPLE6

R$ 6,96

+0,43%

CSAN3

R$ 22,39

+1,95%

CPFE3

R$ 28,27

+0,28%

CVCB3

R$ 13,21

+2,24%

CYRE3

R$ 16,89

+3,42%

ECOR3

R$ 7,55

+0,39%

ELET3

R$ 34,85

+2,41%

ELET6

R$ 33,86

+1,59%

EMBR3

R$ 21,02

+1,25%

ENBR3

R$ 21,47

+0,09%

ENGI11

R$ 42,57

+1,02%

ENEV3

R$ 13,21

+2,48%

EGIE3

R$ 39,40

+0,02%

EQTL3

R$ 22,68

+2,25%

EZTC3

R$ 20,97

+1,55%

FLRY3

R$ 19,17

+0,68%

GGBR4

R$ 28,02

+2,29%

GOAU4

R$ 11,70

+2,00%

GOLL4

R$ 17,13

+1,72%

NTCO3

R$ 24,22

+4,21%

HAPV3

R$ 12,26

+1,99%

HYPE3

R$ 29,43

-0,10%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 70,38

+1,55%

IRBR3

R$ 3,29

+0,30%

ITSA4

R$ 9,76

+0,20%

ITUB4

R$ 23,92

-0,78%

JBSS3

R$ 36,33

+0,52%

JHSF3

R$ 5,94

+2,06%

KLBN11

R$ 24,37

+0,99%

RENT3

R$ 58,49

+4,91%

LCAM3

R$ 25,98

+4,67%

LWSA3

R$ 9,37

+3,08%

6,56

+0,30%

LREN3

R$ 27,60

+2,18%

MGLU3

R$ 7,00

+4,16%

MRFG3

R$ 24,12

+2,07%

BEEF3

R$ 9,81

+0,71%

MRVE3

R$ 12,83

+2,39%

MULT3

R$ 20,66

+1,22%

PCAR3

R$ 21,37

+0,09%

PETR3

R$ 36,58

+2,17%

PETR4

R$ 33,86

+2,63%

VBBR3

22,06

+2,41%

PRIO3

R$ 24,39

+2,13%

QUAL3

R$ 17,43

+7,59%

RADL3

R$ 21,86

+1,20%

RAIL3

R$ 17,12

+1,78%

SBSP3

R$ 35,73

+0,25%

SANB11

R$ 33,24

+0,33%

CSNA3

R$ 25,83

+1,65%

SULA11

R$ 24,73

+2,35%

SUZB3

R$ 56,74

+0,05%

TAEE11

R$ 38,02

+0,07%

VIVT3

R$ 48,49

+0,08%

TIMS3

R$ 12,96

-0,07%

TOTS3

R$ 27,62

+4,70%

UGPA3

R$ 14,18

+1,21%

USIM5

R$ 16,41

+1,54%

VALE3

R$ 86,06

+2,37%

VIIA3

R$ 4,45

+2,29%

WEGE3

R$ 30,87

+2,21%

YDUQ3

R$ 20,84

+0,28%

tcuser

Atualizado há mais de 1 ano

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 13 de outubro – Em dia de lançamento do iPhone 12, as ações da Apple aceleraram a queda de -1% para -3% no início da tarde. O evento aconteceu às 14h00 e foi transmitido diretamente da sede da Apple, nos Estados Unidos. A companhia divulgou seus quatro novos modelos de smartphone: o iPhone 12 mini, iPhone 12, iPhone 12 Pro e iPhone 12 Pro Max, mas frustrou as expectativas ao não apresentar os prometidos fones de ouvido especiais e nem sistemas de recuperação de arquivos perdidos. Os aparelhos da linha iPhone 12 serão vendidos entre US$ 699 e US$ 1.449, a depender do modelo e da quantidade de memória escolhidos.

Os aparelhos contam com um novo visual, parecido com o iPad Pro, um outro produto da Apple. Além disso, contam com compatibilidade com a rede 5G, conjunto de câmeras com novas tecnologias e processador mais avançado.

Tecnologia 5G deve elevar procura dos celulares

O 5G é a evolução da rede móvel 4G e promete trazer mais velocidade para uploads e downloads, além de coberturas mais amplas e conexões mais estáveis. A tecnologia, que deve chegar oficialmente ao Brasil em 2021, já está presente nos lançamentos de smartphones. 

A expectativa para os iPhones com a tecnologia 5G é que a procura seja grande o suficiente para comparar com o ano de 2014, quando a Apple lançou celulares com telas maiores e alcançou recorde de venda de aparelhos, ou em 2017, quando a companhia lançou smartphones com preços mais altos e a tecnologia de reconhecimento facial, alcançando recorde de receita. 

Em entrevista ao Valor, o analista da Wedbush Securities, Dan Ives, disse que acredita que “isso se traduza em uma oportunidade única de atualização para um novo modelo para a Apple”. Segundo o analista, a expectativa é que o novo iPhone ajude a impulsionar as vendas neste ano e que ultrapassem o recorde de dispositivos vendidos em 2015, quando a Apple lançou o iPhone 6, primeira versão tela grande da companhia.

Preço dos iPhones sobe mais de 200% desde o primeiro lançamento no Brasil

Os novos smartphones da Apple devem custar ainda mais caro do que as versões anteriores, principalmente se considerarmos o dólar a R$ 5,30.  Mas isso não é bem uma novidade, tendo em vista que desde o lançamento do primeiro iPhone no Brasil, o custo de um aparelho Apple já subiu mais de 200%.

Levantamento feito pelo Valor Investe mostra que, quando foi lançado, o iPhone 3G, de 2008, custava entre US$ 199 a US$ 299 nos Estados Unidos. No Brasil, os preços iam de R$ 1 mil a R$ 2.600. Corrigidos pela inflação, o custo desse modelo hoje seria entre R$ 1.992,84 e R$ 5.181,38.

Na época, a Apple não lançava modelos de entrada e intermediários como hoje, por isso, a comparação foi feita com o iPhone 11 Pro Max, o aparelho mais potente da linha iPhone 11. Se considerar seu lançamento no Brasil, o custo era em torno de R$ 7.599, o que corrigido pela inflação ficaria em torno de R$ 7.784,29. Ou seja, desde o modelo de estreia, até o mais recente vendido no país, a alta nos preços do iPhone supera os 290%.

Desempenho ações da Apple: AAPL vs AAPL34

Neste ano as ações da Apple já subiram mais de 50% e o valor de mercado da empresa superou US$ 2 trilhões. O papel da companhia, código AAPL, acelerou a queda de -1% para -3% após a apresentação dos novos modelos da linha iPhone 12.

 

BDR da companhia, código AAPL34 na B3, apresenta alta hoje por um ajuste à alta de ontem, tendo em vista que o mercado estava fechado por conta do feriado de Nossa Senhora Aparecida, além da valorização do dólar.

Apple (AAPL)

Fundada em 1976 como Apple Computer, Inc. por Steve Jobs, Steve Wozniak e Ronald Wayne, a Apple é uma multinacional norte-americana que cria e comercializa produtos eletrônicos, computadores e softwares. Entre os carros-chefe de hardware da Apple estão o iPod, iPhone, iPad, Apple TV, Apple Watch e iMac. Em software, a companhia possui o sistema operacional macOS, o navegador multimídia iTunes, o navegador safari, o iOS, entre outros.

Com o slogan “think different”, em português, “pense diferente”, a companhia representada por uma maçã mordida opera mais de 420 lojas próprias ao redor do mundo e está presente em países como Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, Austrália, Alemanha, Japão, Espanha, França, China, Suécia, Suíça, Itália, Holanda, Hong Kong e Brasil. 

Texto: Ana Carolina Amaral

Edição: Angelo Pavini

Arte: TC Mover

image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.