IBOV

106.373,87 pts

-0,51%

SP500

4.662,27 pts

-0,01%

DJIA

35.952,90 pts

+0,12%

NASDAQ

15.567,51 pts

-0,26%

IFIX

2.795,85 pts

+0,46%

BRENT

US$ 86,55

+0,56%

IO62

¥ 709,50

+0,28%

TRAD3

R$ 4,41

-4,13%

ABEV3

R$ 14,80

-1,98%

AMER3

R$ 30,47

+0,52%

ASAI3

R$ 12,01

-0,98%

AZUL4

R$ 25,82

-1,93%

B3SA3

R$ 12,36

+1,14%

BIDI11

R$ 23,11

-3,10%

BBSE3

R$ 19,67

+1,13%

BRML3

R$ 8,41

+0,11%

BBDC3

R$ 17,54

+0,57%

BBDC4

R$ 20,99

+0,57%

BRAP4

R$ 27,37

-0,54%

BBAS3

R$ 30,47

+0,19%

BRKM5

R$ 48,65

-6,72%

BRFS3

R$ 24,75

+1,85%

BPAC11

R$ 19,73

-0,50%

CRFB3

R$ 14,49

+0,62%

CCRO3

R$ 11,24

-1,31%

CMIG4

R$ 12,74

+0,07%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,12

+4,95%

COGN3

R$ 2,17

+0,46%

CPLE6

R$ 6,40

+0,94%

CSAN3

R$ 21,08

-0,66%

CPFE3

R$ 26,00

+0,19%

CVCB3

R$ 11,58

-1,11%

CYRE3

R$ 14,14

-0,35%

ECOR3

R$ 7,22

+0,27%

ELET3

R$ 31,69

+0,25%

ELET6

R$ 31,25

+0,51%

EMBR3

R$ 21,55

-2,09%

ENBR3

R$ 21,08

+1,34%

ENGI11

R$ 41,00

+0,07%

ENEV3

R$ 12,61

-0,23%

EGIE3

R$ 38,42

+0,07%

EQTL3

R$ 22,29

-1,45%

EZTC3

R$ 18,50

-0,59%

FLRY3

R$ 17,79

-0,78%

GGBR4

R$ 27,66

-2,19%

GOAU4

R$ 11,55

-1,61%

GOLL4

R$ 16,77

-0,94%

NTCO3

R$ 21,23

-2,61%

HAPV3

R$ 10,50

+1,84%

HYPE3

R$ 27,82

-0,64%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 61,48

+1,67%

IRBR3

R$ 3,48

-1,69%

ITSA4

R$ 9,54

-0,17%

ITUB4

R$ 23,64

-0,17%

JBSS3

R$ 36,98

-1,09%

JHSF3

R$ 4,81

-0,82%

KLBN11

R$ 24,61

-2,80%

RENT3

R$ 50,48

-1,54%

LCAM3

R$ 22,62

-1,13%

LWSA3

R$ 8,58

+2,26%

LAME4

R$ 5,76

+1,40%

LREN3

R$ 23,49

-2,00%

MGLU3

R$ 6,12

-3,31%

MRFG3

R$ 23,25

-1,10%

BEEF3

R$ 10,07

-1,94%

MRVE3

R$ 11,00

-0,81%

MULT3

R$ 18,21

-1,51%

PCAR3

R$ 19,25

-3,31%

PETR3

R$ 34,45

-0,31%

PETR4

R$ 31,50

+0,15%

VBBR3

19,53

-1,51%

PRIO3

R$ 22,82

-0,34%

QUAL3

R$ 16,37

+2,76%

RADL3

R$ 20,54

-2,19%

RAIL3

R$ 16,35

+0,24%

SBSP3

R$ 35,41

+0,85%

SANB11

R$ 31,69

-0,53%

CSNA3

R$ 25,14

-2,25%

SULA11

R$ 23,15

+0,52%

SUZB3

R$ 62,03

-1,17%

TAEE11

R$ 36,07

+0,02%

VIVT3

R$ 47,51

+1,34%

TIMS3

R$ 12,94

+2,45%

TOTS3

R$ 25,29

+0,35%

UGPA3

R$ 12,86

-2,27%

USIM5

R$ 16,23

-1,33%

VALE3

R$ 84,25

-0,52%

VIIA3

R$ 3,90

-1,76%

WEGE3

R$ 30,35

-1,13%

YDUQ3

R$ 19,07

+0,89%

IBOV

106.373,87 pts

-0,51%

SP500

4.662,27 pts

-0,01%

DJIA

35.952,90 pts

+0,12%

NASDAQ

15.567,51 pts

-0,26%

IFIX

2.795,85 pts

+0,46%

BRENT

US$ 86,55

+0,56%

IO62

¥ 709,50

+0,28%

TRAD3

R$ 4,41

-4,13%

ABEV3

R$ 14,80

-1,98%

AMER3

R$ 30,47

+0,52%

ASAI3

R$ 12,01

-0,98%

AZUL4

R$ 25,82

-1,93%

B3SA3

R$ 12,36

+1,14%

BIDI11

R$ 23,11

-3,10%

BBSE3

R$ 19,67

+1,13%

BRML3

R$ 8,41

+0,11%

BBDC3

R$ 17,54

+0,57%

BBDC4

R$ 20,99

+0,57%

BRAP4

R$ 27,37

-0,54%

BBAS3

R$ 30,47

+0,19%

BRKM5

R$ 48,65

-6,72%

BRFS3

R$ 24,75

+1,85%

BPAC11

R$ 19,73

-0,50%

CRFB3

R$ 14,49

+0,62%

CCRO3

R$ 11,24

-1,31%

CMIG4

R$ 12,74

+0,07%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,12

+4,95%

COGN3

R$ 2,17

+0,46%

CPLE6

R$ 6,40

+0,94%

CSAN3

R$ 21,08

-0,66%

CPFE3

R$ 26,00

+0,19%

CVCB3

R$ 11,58

-1,11%

CYRE3

R$ 14,14

-0,35%

ECOR3

R$ 7,22

+0,27%

ELET3

R$ 31,69

+0,25%

ELET6

R$ 31,25

+0,51%

EMBR3

R$ 21,55

-2,09%

ENBR3

R$ 21,08

+1,34%

ENGI11

R$ 41,00

+0,07%

ENEV3

R$ 12,61

-0,23%

EGIE3

R$ 38,42

+0,07%

EQTL3

R$ 22,29

-1,45%

EZTC3

R$ 18,50

-0,59%

FLRY3

R$ 17,79

-0,78%

GGBR4

R$ 27,66

-2,19%

GOAU4

R$ 11,55

-1,61%

GOLL4

R$ 16,77

-0,94%

NTCO3

R$ 21,23

-2,61%

HAPV3

R$ 10,50

+1,84%

HYPE3

R$ 27,82

-0,64%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 61,48

+1,67%

IRBR3

R$ 3,48

-1,69%

ITSA4

R$ 9,54

-0,17%

ITUB4

R$ 23,64

-0,17%

JBSS3

R$ 36,98

-1,09%

JHSF3

R$ 4,81

-0,82%

KLBN11

R$ 24,61

-2,80%

RENT3

R$ 50,48

-1,54%

LCAM3

R$ 22,62

-1,13%

LWSA3

R$ 8,58

+2,26%

LAME4

R$ 5,76

+1,40%

LREN3

R$ 23,49

-2,00%

MGLU3

R$ 6,12

-3,31%

MRFG3

R$ 23,25

-1,10%

BEEF3

R$ 10,07

-1,94%

MRVE3

R$ 11,00

-0,81%

MULT3

R$ 18,21

-1,51%

PCAR3

R$ 19,25

-3,31%

PETR3

R$ 34,45

-0,31%

PETR4

R$ 31,50

+0,15%

VBBR3

19,53

-1,51%

PRIO3

R$ 22,82

-0,34%

QUAL3

R$ 16,37

+2,76%

RADL3

R$ 20,54

-2,19%

RAIL3

R$ 16,35

+0,24%

SBSP3

R$ 35,41

+0,85%

SANB11

R$ 31,69

-0,53%

CSNA3

R$ 25,14

-2,25%

SULA11

R$ 23,15

+0,52%

SUZB3

R$ 62,03

-1,17%

TAEE11

R$ 36,07

+0,02%

VIVT3

R$ 47,51

+1,34%

TIMS3

R$ 12,94

+2,45%

TOTS3

R$ 25,29

+0,35%

UGPA3

R$ 12,86

-2,27%

USIM5

R$ 16,23

-1,33%

VALE3

R$ 84,25

-0,52%

VIIA3

R$ 3,90

-1,76%

WEGE3

R$ 30,35

-1,13%

YDUQ3

R$ 19,07

+0,89%

tcuser

Atualizado há cerca de 2 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 2 de dezembro – A distribuição de dividendos da Braskem, anunciada nesta quinta-feira, deve ajudar a Novonor, ex-Odebrecht, na negociação com bancos credores que possuem ações da petroquímica como garantia de parte da dívida da recuperação judicial da companhia, disseram ao Scoop by Mover fontes com conhecimento das negociações.

A Braskem anunciou hoje a distribuição antecipada de R$6 bilhões em dividendos, referentes ao exercício de 2021. Desse montante, R$ 2,28 bilhões vão para a Novonor.

De acordo com uma das fontes, que pediram anonimato para falar sobre o assunto, os dividendos da Braskem não seriam uma solução definitiva para a dívida de R$14 bilhões que a Novonor tem com Bradesco, Itaú Unibanco, Santander, Banco do Brasil e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social.

“Mas podem ajudar na negociação, criando um prazo maior”, afirmou a fonte ao Scoop, em referência à possibilidade dos dividendos da Braskem serem usados para o pagamento de juros e de parte do passivo devido, o que poderia acalmar credores e estender o tempo para o pagamento.

Após a distribuição dos dividendos, a Novonor e os bancos credores devem negociar o abatimento de parte da dívida com o montante. Desta forma, a companhia conseguiria manter uma participação na Braskem, mesmo que venda uma fatia da empresa por meio de uma oferta secundária.

A expectativa de uma das fontes é de que a distribuição de dividendos da Braskem passe a ocorrer com mais frequência em 2022. “A Novonor espera receber até R$1 bilhão por trimestre”, disse ao Scoop uma pessoa ligada à empreiteira.

O Ebitda – lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização – da Braskem, no entanto, deve ser direcionado para pagar investimentos em 41 fábricas e os juros de uma dívida bruta operacional de R$45 bilhões.

“Do lado da Odebrecht, a dívida vai começar a crescer a dois dígitos com a subida da Selic. Aplique isso ao saldo de R$14 bilhões da dívida com os credores e será preciso mais de R$1,7 bilhão por ano só para os juros”.

Histórico

Entre 2016 e 2018, a Novonor deu sua fatia na Braskem, no valor de R$18,45 bilhões, como garantia para refinanciar dívidas estimadas em cerca de R$100 bilhões com os maiores bancos comerciais brasileiros e receber novos empréstimos, após denúncias de envolvimento da Odebrecht na Operação Lava Jato.

Desde junho de 2019, a empresa passa pelo maior processo de recuperação judicial da América Latina.

Procurados, a Novonor ainda não retornou aos pedidos de comentários da equipe do Scoop. Já os bancos não comentam negociações com clientes.

Perto das 16h05 desta quinta-feira, as ações preferenciais classe A da Braskem (BRKM5) liderava os ganhos percentuais do Ibovespa, disparando 8,09%, cotadas a R$ 57,05. No ano, os papéis valorizam 139,66%. No mesmo horário, o índice referência da Bolsa de Valores de São Paulo subia 2,73%, a 103.524 pontos.

Para acompanhar o desempenho das ações da Camil e de outras empresas listadas na bolsa brasileira, basta acessar o TC Matrix, ferramenta gratuita do TC.

*Esta matéria foi publicada antes para os assinantes do TC. Quer receber informações exclusivas, de grande impacto nos investimentos, em primeira mão? Então, assine um dos planos do TC.

Texto: Bruna Narcizo e Machado da Costa
Edição: Gabriela Guedes
Imagem: Vinicius Martins / Mover

image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.