IBOV

110.906,50 pts

-3,07%

SP500

4.516,58 pts

+0,67%

DJIA

35.408,64 pts

+0,43%

NASDAQ

15.405,16 pts

+0,68%

IFIX

2.743,60 pts

-0,14%

BRENT

US$ 85,23

+1,08%

IO62

¥ 709,50

+0,42%

TRAD3

R$ 8,18

-3,76%

ABEV3

R$ 15,16

-2,94%

AMER3

R$ 38,77

-0,76%

ASAI3

R$ 16,56

-2,35%

AZUL4

R$ 31,46

-8,44%

B3SA3

R$ 12,52

-3,09%

BIDI11

R$ 44,99

-6,85%

BBSE3

R$ 21,31

-1,70%

BRML3

R$ 8,13

-5,24%

BBDC3

R$ 17,89

-3,19%

BBDC4

R$ 21,09

-2,58%

BRAP4

R$ 53,29

-1,69%

BBAS3

R$ 30,83

-4,28%

BRKM5

R$ 57,92

-2,09%

BRFS3

R$ 24,22

-3,46%

BPAC11

R$ 24,07

-5,97%

CRFB3

R$ 17,97

-4,05%

CCRO3

R$ 12,18

-4,24%

CMIG4

R$ 14,69

-2,78%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,39

-8,42%

COGN3

R$ 2,91

-6,43%

CPLE6

R$ 6,65

-1,62%

CSAN3

R$ 22,61

-2,79%

CPFE3

R$ 26,17

-1,65%

CVCB3

R$ 19,05

-4,60%

CYRE3

R$ 16,94

-6,97%

ECOR3

R$ 9,52

-5,08%

ELET3

R$ 39,16

-3,57%

ELET6

R$ 39,10

-3,57%

EMBR3

R$ 25,03

-2,45%

ENBR3

R$ 19,10

-1,08%

ENGI11

R$ 43,71

-5,08%

ENEV3

R$ 14,77

-3,46%

EGIE3

R$ 38,40

-0,62%

EQTL3

R$ 24,41

-1,45%

EZTC3

R$ 22,02

-6,53%

FLRY3

R$ 20,64

-4,31%

GGBR4

R$ 27,94

-0,85%

GOAU4

R$ 12,62

-1,48%

GOLL4

R$ 18,91

-6,84%

NTCO3

R$ 40,65

-5,70%

HAPV3

R$ 12,11

-3,88%

HYPE3

R$ 29,19

-4,23%

IGTA3

R$ 31,87

-5,93%

GNDI3

R$ 68,04

-4,65%

IRBR3

R$ 5,16

-1,14%

ITSA4

R$ 10,93

-3,53%

ITUB4

R$ 24,34

-2,36%

JBSS3

R$ 37,63

-2,28%

JHSF3

R$ 5,74

-6,05%

KLBN11

R$ 22,62

-1,65%

RENT3

R$ 53,38

-5,10%

LCAM3

R$ 23,66

-5,85%

LWSA3

R$ 21,41

-6,87%

LAME4

R$ 6,21

-3,12%

LREN3

R$ 34,09

-5,27%

MGLU3

R$ 13,80

-3,36%

MRFG3

R$ 26,22

-1,01%

BEEF3

R$ 10,13

-2,31%

MRVE3

R$ 11,67

-6,49%

MULT3

R$ 19,45

-4,93%

PCAR3

R$ 28,87

-0,31%

PETR3

R$ 29,11

-3,60%

PETR4

R$ 28,36

-3,70%

BRDT3

R$ 23,26

-5,94%

PRIO3

R$ 27,03

-0,47%

QUAL3

R$ 18,53

-3,94%

RADL3

R$ 22,24

-2,06%

RAIL3

R$ 17,40

-4,44%

SBSP3

R$ 37,87

-2,54%

SANB11

R$ 34,91

-4,35%

CSNA3

R$ 25,62

-3,13%

SULA11

R$ 25,42

-3,49%

SUZB3

R$ 49,08

-1,42%

TAEE11

R$ 37,81

-0,42%

VIVT3

R$ 45,81

-1,37%

TIMS3

R$ 12,21

-2,16%

TOTS3

R$ 34,58

-3,40%

UGPA3

R$ 14,72

-4,54%

USIM5

R$ 15,55

-3,29%

VALE3

R$ 79,06

-1,07%

VIIA3

R$ 7,77

-5,01%

WEGE3

R$ 39,22

-2,82%

YDUQ3

R$ 25,00

-7,44%

IBOV

110.906,50 pts

-3,07%

SP500

4.516,58 pts

+0,67%

DJIA

35.408,64 pts

+0,43%

NASDAQ

15.405,16 pts

+0,68%

IFIX

2.743,60 pts

-0,14%

BRENT

US$ 85,23

+1,08%

IO62

¥ 709,50

+0,42%

TRAD3

R$ 8,18

-3,76%

ABEV3

R$ 15,16

-2,94%

AMER3

R$ 38,77

-0,76%

ASAI3

R$ 16,56

-2,35%

AZUL4

R$ 31,46

-8,44%

B3SA3

R$ 12,52

-3,09%

BIDI11

R$ 44,99

-6,85%

BBSE3

R$ 21,31

-1,70%

BRML3

R$ 8,13

-5,24%

BBDC3

R$ 17,89

-3,19%

BBDC4

R$ 21,09

-2,58%

BRAP4

R$ 53,29

-1,69%

BBAS3

R$ 30,83

-4,28%

BRKM5

R$ 57,92

-2,09%

BRFS3

R$ 24,22

-3,46%

BPAC11

R$ 24,07

-5,97%

CRFB3

R$ 17,97

-4,05%

CCRO3

R$ 12,18

-4,24%

CMIG4

R$ 14,69

-2,78%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,39

-8,42%

COGN3

R$ 2,91

-6,43%

CPLE6

R$ 6,65

-1,62%

CSAN3

R$ 22,61

-2,79%

CPFE3

R$ 26,17

-1,65%

CVCB3

R$ 19,05

-4,60%

CYRE3

R$ 16,94

-6,97%

ECOR3

R$ 9,52

-5,08%

ELET3

R$ 39,16

-3,57%

ELET6

R$ 39,10

-3,57%

EMBR3

R$ 25,03

-2,45%

ENBR3

R$ 19,10

-1,08%

ENGI11

R$ 43,71

-5,08%

ENEV3

R$ 14,77

-3,46%

EGIE3

R$ 38,40

-0,62%

EQTL3

R$ 24,41

-1,45%

EZTC3

R$ 22,02

-6,53%

FLRY3

R$ 20,64

-4,31%

GGBR4

R$ 27,94

-0,85%

GOAU4

R$ 12,62

-1,48%

GOLL4

R$ 18,91

-6,84%

NTCO3

R$ 40,65

-5,70%

HAPV3

R$ 12,11

-3,88%

HYPE3

R$ 29,19

-4,23%

IGTA3

R$ 31,87

-5,93%

GNDI3

R$ 68,04

-4,65%

IRBR3

R$ 5,16

-1,14%

ITSA4

R$ 10,93

-3,53%

ITUB4

R$ 24,34

-2,36%

JBSS3

R$ 37,63

-2,28%

JHSF3

R$ 5,74

-6,05%

KLBN11

R$ 22,62

-1,65%

RENT3

R$ 53,38

-5,10%

LCAM3

R$ 23,66

-5,85%

LWSA3

R$ 21,41

-6,87%

LAME4

R$ 6,21

-3,12%

LREN3

R$ 34,09

-5,27%

MGLU3

R$ 13,80

-3,36%

MRFG3

R$ 26,22

-1,01%

BEEF3

R$ 10,13

-2,31%

MRVE3

R$ 11,67

-6,49%

MULT3

R$ 19,45

-4,93%

PCAR3

R$ 28,87

-0,31%

PETR3

R$ 29,11

-3,60%

PETR4

R$ 28,36

-3,70%

BRDT3

R$ 23,26

-5,94%

PRIO3

R$ 27,03

-0,47%

QUAL3

R$ 18,53

-3,94%

RADL3

R$ 22,24

-2,06%

RAIL3

R$ 17,40

-4,44%

SBSP3

R$ 37,87

-2,54%

SANB11

R$ 34,91

-4,35%

CSNA3

R$ 25,62

-3,13%

SULA11

R$ 25,42

-3,49%

SUZB3

R$ 49,08

-1,42%

TAEE11

R$ 37,81

-0,42%

VIVT3

R$ 45,81

-1,37%

TIMS3

R$ 12,21

-2,16%

TOTS3

R$ 34,58

-3,40%

UGPA3

R$ 14,72

-4,54%

USIM5

R$ 15,55

-3,29%

VALE3

R$ 79,06

-1,07%

VIIA3

R$ 7,77

-5,01%

WEGE3

R$ 39,22

-2,82%

YDUQ3

R$ 25,00

-7,44%

Atualizado há 5 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 12 de maio – Em mais um balanço marcado por fortes números operacionais e aceleração das receitas em todas as unidades de negócio, a JBS voltou a bater consensos no primeiro trimestre. O frigorífico apresentou lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, EBITDA na sigla em inglês, recorde para o período. Além disso, anunciou a aprovação de um novo programa de recompra de até 10% das ações ordinárias da companhia por um prazo de 18 meses.


JBS reverteu prejuízo do primeiro trimestre de 2020

O lucro foi de R$2,15 bilhões entre janeiro e março, superando o consenso TC de R$1,74 bilhão. Reverteu o prejuízo de R$5,93 bilhões registrado no primeiro trimestre de 2020, que foi fortemente impactado pela variação cambial.

A JBS teve EBITDA ajustado de R$6,88 bilhões, um recorde para o período, superando a estimativa de R$5,36 bilhões. A receita líquida atingiu R$75,25 bilhões e chegou a R$289 bilhões nos últimos 12 meses, um valor recorde.

A companhia manteve forte participação em mercados locais, com 75% das suas receitas oriundas de vendas domésticas e 25% de exportações. A receita líquida da JBS Brasil subiu 41,3% na base anual, para R$11,53 bilhões, enquanto a unidade de carne bovina dos EUA vendeu R$30,42 bilhões, alta anualizada de 32,2%. A receita da Seara subiu 34,4% no período, para R$7,84 bilhões, com destaque, segundo a companhia, da categoria de produtos preparados.


Fator sazonal puxou a geração de caixa para baixo

A alavancagem da JBS medida pela proporção da dívida líquida sobre o EBITDA subiu para 1,67 vez em dólares e 1,76 vez em reais na comparação com o quarto trimestre. Contudo, recuaram na base anual. A dívida líquida na moeda brasileira ficou estável em comparação com janeiro-março de 2020, em R$57,17 bilhões, enquanto os débitos na moeda americana recuaram 8,4%, para US$10,03 bilhões.

A geração negativa de caixa de R$3,48 bilhões nos três primeiros meses do ano foi causada pelo fator sazonal de pagamentos de fornecedores, recomposição de estoques e o pagamento de acordo com o órgão antitruste americanos. O diretor-presidente da JBS, Gilberto Tomazoni, comenta os resultados da empresa em teleconferência nesta quinta-feira, às 09h00.


Desempenho das ações da JBS (JBSS3)

A ação ordinária da JBS (JBSS3) acumula alta de 36% desde o início do ano. O papel fechou o pregão desta quarta, dia de aversão global ao risco, em queda de 1,94%, a R$31,28. O Ibovespa recuou 2,65%, voltando aos 119,7 mil pontos.


ação da JBS - JBSS3


Para acompanhar o desempenho das ações do frigorífico e de outras empresas, basta acessar o TC Matrix, ferramenta gratuita do TC.

Texto: Gustavo Boldrini
Edição: Maria Luiza Dourado e Letícia Matsuura
Arte: Carlos Matos / TC Mover


Leia também

Mansano: Recuperação econômica e a resposta dos bancos centrais

Klabin espera EBITDA ainda mais forte no segundo trimestre

Machado: Parecer da MP da Eletrobras reestrutura setor

image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.