IBOV

108.095,53 pts

+0,50%

SP500

4.699,29 pts

+0,27%

DJIA

35.750,65 pts

+0,10%

NASDAQ

16.383,39 pts

+0,36%

IFIX

2.673,21 pts

+0,46%

BRENT

US$ 76,01

+0,77%

IO62

¥ 647,50

-2,41%

TRAD3

R$ 6,40

+0,78%

ABEV3

R$ 16,08

-0,12%

AMER3

R$ 30,59

+2,65%

ASAI3

R$ 14,39

+2,42%

AZUL4

R$ 26,18

+5,86%

B3SA3

R$ 12,12

+0,58%

BIDI11

R$ 38,23

+2,19%

BBSE3

R$ 21,66

+2,07%

BRML3

R$ 8,27

+4,28%

BBDC3

R$ 17,73

-0,28%

BBDC4

R$ 20,82

-0,62%

BRAP4

R$ 53,76

-0,31%

BBAS3

R$ 32,75

+0,46%

BRKM5

R$ 65,54

-1,56%

BRFS3

R$ 20,20

-1,17%

BPAC11

R$ 21,77

+2,68%

CRFB3

R$ 14,93

+0,53%

CCRO3

R$ 12,71

-3,12%

CMIG4

R$ 13,98

+1,67%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,31

+2,66%

COGN3

R$ 2,62

+5,22%

CPLE6

R$ 6,35

+1,76%

CSAN3

R$ 22,21

+1,09%

CPFE3

R$ 27,37

+0,58%

CVCB3

R$ 16,10

+9,59%

CYRE3

R$ 15,99

+5,26%

ECOR3

R$ 8,97

+1,81%

ELET3

R$ 35,44

+0,85%

ELET6

R$ 34,48

-0,20%

EMBR3

R$ 21,30

+4,92%

ENBR3

R$ 21,39

+0,61%

ENGI11

R$ 45,83

+0,46%

ENEV3

R$ 14,96

+1,97%

EGIE3

R$ 39,26

-0,12%

EQTL3

R$ 23,60

+1,07%

EZTC3

R$ 20,82

+6,44%

FLRY3

R$ 19,25

+2,39%

GGBR4

R$ 28,93

-0,06%

GOAU4

R$ 11,98

+0,75%

GOLL4

R$ 18,68

+9,17%

NTCO3

R$ 27,34

+1,03%

HAPV3

R$ 11,32

+1,25%

HYPE3

R$ 28,97

+0,90%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 64,42

+1,60%

IRBR3

R$ 4,35

+2,83%

ITSA4

R$ 9,91

+0,30%

ITUB4

R$ 22,74

-0,95%

JBSS3

R$ 34,65

+0,69%

JHSF3

R$ 5,54

+4,33%

KLBN11

R$ 25,25

+0,79%

RENT3

R$ 55,97

+3,86%

LCAM3

R$ 24,68

+3,74%

LWSA3

R$ 14,55

+5,28%

LAME4

R$ 5,63

+3,87%

LREN3

R$ 29,60

+0,47%

MGLU3

R$ 6,81

-10,63%

MRFG3

R$ 22,59

+6,30%

BEEF3

R$ 8,77

+1,15%

MRVE3

R$ 12,25

+5,87%

MULT3

R$ 20,76

+3,43%

PCAR3

R$ 23,05

+2,30%

PETR3

R$ 31,08

-0,35%

PETR4

R$ 29,35

-0,03%

VBBR3

22,95

+3,37%

PRIO3

R$ 20,97

-4,37%

QUAL3

R$ 16,80

+1,26%

RADL3

R$ 23,75

+2,01%

RAIL3

R$ 17,70

+2,37%

SBSP3

R$ 38,55

+1,47%

SANB11

R$ 33,14

-0,21%

CSNA3

R$ 24,10

-1,27%

SULA11

R$ 26,92

+3,10%

SUZB3

R$ 58,65

+0,56%

TAEE11

R$ 35,78

-0,33%

VIVT3

R$ 49,08

-1,76%

TIMS3

R$ 13,33

-0,67%

TOTS3

R$ 32,16

+2,48%

UGPA3

R$ 15,37

+3,22%

USIM5

R$ 15,05

+0,87%

VALE3

R$ 75,76

-0,74%

VIIA3

R$ 5,77

-0,51%

WEGE3

R$ 36,04

+4,28%

YDUQ3

R$ 24,41

+3,03%

IBOV

108.095,53 pts

+0,50%

SP500

4.699,29 pts

+0,27%

DJIA

35.750,65 pts

+0,10%

NASDAQ

16.383,39 pts

+0,36%

IFIX

2.673,21 pts

+0,46%

BRENT

US$ 76,01

+0,77%

IO62

¥ 647,50

-2,41%

TRAD3

R$ 6,40

+0,78%

ABEV3

R$ 16,08

-0,12%

AMER3

R$ 30,59

+2,65%

ASAI3

R$ 14,39

+2,42%

AZUL4

R$ 26,18

+5,86%

B3SA3

R$ 12,12

+0,58%

BIDI11

R$ 38,23

+2,19%

BBSE3

R$ 21,66

+2,07%

BRML3

R$ 8,27

+4,28%

BBDC3

R$ 17,73

-0,28%

BBDC4

R$ 20,82

-0,62%

BRAP4

R$ 53,76

-0,31%

BBAS3

R$ 32,75

+0,46%

BRKM5

R$ 65,54

-1,56%

BRFS3

R$ 20,20

-1,17%

BPAC11

R$ 21,77

+2,68%

CRFB3

R$ 14,93

+0,53%

CCRO3

R$ 12,71

-3,12%

CMIG4

R$ 13,98

+1,67%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,31

+2,66%

COGN3

R$ 2,62

+5,22%

CPLE6

R$ 6,35

+1,76%

CSAN3

R$ 22,21

+1,09%

CPFE3

R$ 27,37

+0,58%

CVCB3

R$ 16,10

+9,59%

CYRE3

R$ 15,99

+5,26%

ECOR3

R$ 8,97

+1,81%

ELET3

R$ 35,44

+0,85%

ELET6

R$ 34,48

-0,20%

EMBR3

R$ 21,30

+4,92%

ENBR3

R$ 21,39

+0,61%

ENGI11

R$ 45,83

+0,46%

ENEV3

R$ 14,96

+1,97%

EGIE3

R$ 39,26

-0,12%

EQTL3

R$ 23,60

+1,07%

EZTC3

R$ 20,82

+6,44%

FLRY3

R$ 19,25

+2,39%

GGBR4

R$ 28,93

-0,06%

GOAU4

R$ 11,98

+0,75%

GOLL4

R$ 18,68

+9,17%

NTCO3

R$ 27,34

+1,03%

HAPV3

R$ 11,32

+1,25%

HYPE3

R$ 28,97

+0,90%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 64,42

+1,60%

IRBR3

R$ 4,35

+2,83%

ITSA4

R$ 9,91

+0,30%

ITUB4

R$ 22,74

-0,95%

JBSS3

R$ 34,65

+0,69%

JHSF3

R$ 5,54

+4,33%

KLBN11

R$ 25,25

+0,79%

RENT3

R$ 55,97

+3,86%

LCAM3

R$ 24,68

+3,74%

LWSA3

R$ 14,55

+5,28%

LAME4

R$ 5,63

+3,87%

LREN3

R$ 29,60

+0,47%

MGLU3

R$ 6,81

-10,63%

MRFG3

R$ 22,59

+6,30%

BEEF3

R$ 8,77

+1,15%

MRVE3

R$ 12,25

+5,87%

MULT3

R$ 20,76

+3,43%

PCAR3

R$ 23,05

+2,30%

PETR3

R$ 31,08

-0,35%

PETR4

R$ 29,35

-0,03%

VBBR3

22,95

+3,37%

PRIO3

R$ 20,97

-4,37%

QUAL3

R$ 16,80

+1,26%

RADL3

R$ 23,75

+2,01%

RAIL3

R$ 17,70

+2,37%

SBSP3

R$ 38,55

+1,47%

SANB11

R$ 33,14

-0,21%

CSNA3

R$ 24,10

-1,27%

SULA11

R$ 26,92

+3,10%

SUZB3

R$ 58,65

+0,56%

TAEE11

R$ 35,78

-0,33%

VIVT3

R$ 49,08

-1,76%

TIMS3

R$ 13,33

-0,67%

TOTS3

R$ 32,16

+2,48%

UGPA3

R$ 15,37

+3,22%

USIM5

R$ 15,05

+0,87%

VALE3

R$ 75,76

-0,74%

VIIA3

R$ 5,77

-0,51%

WEGE3

R$ 36,04

+4,28%

YDUQ3

R$ 24,41

+3,03%

Atualizado há cerca de 1 mês

Ícone de compartilhamento
Ícone de compartilhamento

São Paulo, 28 de outubro – A Petrobras reportou resultados sólidos no terceiro trimestre, com os principais indicadores financeiros superando os consensos, impulsionados pela alta nos contratos do petróleo referência global, o Brent, que ultrapassou os US$80 dólares por barril no período. E também pelo aumento no volume de vendas no mercado interno, possibilitando a antecipação de pagamento de dividendos generosos a acionistas.

A Petrobras registrou lucro líquido de R$31,1 bilhões no terceiro trimestre, bem acima do consenso TC, de R$18,22 bilhões. Com isso, reverteu prejuízo de R$1,5 bilhão no mesmo período do ano passado, embora o resultado tenha recuado 27% frente ao trimestre anterior, segundo balanço divulgado nesta noite.

A estatal ainda aprovou antecipação de remuneração aos acionistas no valor de R$31,8 bilhões, equivalentes a R$2,43 bruto por ação. Esse valor soma-se a R$31,6 bilhões já anunciados em agosto, totalizando R$63,4 bilhões em antecipação aos investidores referente a 2021.

“Atingimos nossa meta de endividamento muito antes do planejado e estamos dividindo parte das riquezas geradas com a sociedade e nossos acionistas através de impostos, dividendos, criação de empregos e investimentos”, disse em nota o presidente da companhia, Joaquim Silva e Luna.

A remuneração aos investidores a ser paga em 15 de dezembro, que se somará a uma parcela aprovada antes, totalizará R$42,4 bilhões, ou R$3,25 por ação, com data de corte em 1 de dezembro, acrescentou.

Recuo trimestral no EBITDA

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, ou EBITDA, atingiu R$60,7 bilhões em base ajustada, com salto de 82% ano a ano, mas recuo de 1,9% frente ao trimestre passado. O consenso TC era de R$56,49 bilhões.

“Excluindo os efeitos não recorrentes, o lucro líquido teria sido de R$17,4 bilhões”, disse a companhia. O EBITDA ajustado recorrente foi de R$ 63,9 bilhões.

A companhia registrou fluxo de caixa livre de R$47,2 bilhões, alta de 17,7% em base anual e queda de 2,9% em base trimestral.

A receita líquida atingiu R$121,6 bilhões, com avanço de 72% frente ao mesmo período de 2020 e de 9,8% na comparação com o segundo trimestre.

A dívida líquida da companhia recuou 9,6% no trimestre, para US$48,1 bilhões. A alavancagem medida pela relação entre endividamento líquido e geração de caixa ficou em 1,17 vez, ante 1,49 vez entre abril e junho.

Impactos nos resultados

O resultado “reflete principalmente a valorização dos preços do Brent e o aumento do volume de vendas no mercado interno”, disse a Petrobras, enquanto a revisão atuarial referente à coparticipação do plano de saúde de funcionários teve impacto negativo.

A companhia também registrou ganhos extraordinários com o recebimento pelo acordo de coparticipação referente ao excedente da cessão onerosa no campo de Búzios e com efeitos da não incidência de IRPJ/CSLL sobre atualização pela Selic de indébitos tributários.

“Excluindo os efeitos não recorrentes, o lucro líquido teria sido de R$17,4 bilhões”, disse a companhia. O EBITDA ajustado recorrente foi de R$ 63,9 bilhões.

Desempenho das ações da Petrobras

A ação preferencial da Petrobras (PETR4) avançou 0,94%, a R$28,96, e a ordinária (PETR3) subiu 0,96%, a R$29,59. O Ibovespa, porém, fechou em queda de 0,62%, aos 105,7 mil.ação da Petrobras - PETR4

Para acompanhar o desempenho das ações da estatal e de outras empresas listadas na bolsa brasileira, basta acessar o TC Matrix, ferramenta gratuita do TC.

Texto: Luciano Costa
Edição: Gabriel Ponte e Maria Luiza Dourado
Arte: Vinícius Martins / Mover

image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.