0

Via compra CNT de olho em armazenamento para marketplace

empresas

Via compra CNT de olho em armazenamento para marketplace

Em comunicado ao mercado, a Via não informou o valor da aquisição da CNT, mas disse que a transação tem múltiplo estimado de 0,2 vez o GMV

Via compra CNT de olho em armazenamento para marketplace
gustavo-cunha-boldrini

Atualizado há 4 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 12 de janeiro – A Via anunciou nesta quarta-feira a aquisição da CNT, empresa de tecnologia logística. Com isso, a companhia passará a oferecer o serviço de “fulfillment”, armazenando produtos dos vendedores de sua plataforma de marketplace para ampliar métricas de satisfação do cliente e diluir custos.

Em comunicado ao mercado, a dona das Casas Bahia e Ponto não informou o valor da aquisição da CNT, mas disse que a transação tem múltiplo estimado de 0,2 vez o GMV, ou volume bruto de mercadorias vendidas, da companhia em 2021.

Segundo a Via, “a transação traz diluição de custos logísticos”, além de contribuir para o aumento do NPS, ou Net Promoter Score, métrica que afere a satisfação e fidelidade dos clientes, para a elevação do valor dos consumidores ao longo do tempo, medido pela métrica LTV, e para a redução do custo de aquisição de novos compradores, conhecido pela sigla CAC.

A corrida pelo marketplace é o grande desafio da Via para ganhar espaço no concorrido mercado do e-commerce brasileiro, hoje dominado pelo Mercado Livre e com forte participação das rivais Magazine Luiza e Amazon.

Sinergia entre Via e CNT

Segundo o diretor-presidente Roberto Fulcherberguer, em teleconferência, a transação está “alinhada com estratégia de posicionar a Via como um dos principais players de marketplace no Brasil”.

O vice-presidente administrativo da Via*, Sergio Leme, destacou as sinergias entre as duas companhias, uma vez que a CNT, mesmo sendo rentável e operacional, tem “dores para escalar sua tecnologia”, enquanto a Via possui a infraestrutura para alocar os 250 mil quilômetros quadrados provenientes da aquisição à sua malha.

*ERRATA: inicialmente colocamos que Sergio Leme é diretor de infraestrutura.

Texto: Gustavo Boldrini
Edição: Renato Carvalho
Imagem: Vinicius Martins / Mover

Nesta matéria

VIIA3

VIA S.A

0,00

0,06

+2,05%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.