IBOV

111.910,10 pts

-0,62%

SP500

4.427,78 pts

+2,35%

DJIA

34.700,16 pts

+1,58%

NASDAQ

14.443,47 pts

+3,15%

IFIX

2.769,90 pts

+0,10%

BRENT

US$ 89,80

+1,50%

IO62

¥ 828,00

+7,46%

TRAD3

R$ 4,26

-1,38%

ABEV3

R$ 14,93

-3,05%

AMER3

R$ 31,41

-6,15%

ASAI3

R$ 12,38

-1,35%

AZUL4

R$ 27,05

-1,95%

B3SA3

R$ 14,74

+1,93%

BIDI11

R$ 24,72

-3,88%

BBSE3

R$ 22,68

+1,29%

BRML3

R$ 9,43

+0,31%

BBDC3

R$ 18,60

+1,25%

BBDC4

R$ 22,60

+1,43%

BRAP4

R$ 27,12

+0,44%

BBAS3

R$ 32,49

+0,61%

BRKM5

R$ 50,00

+7,50%

BRFS3

R$ 22,85

-1,08%

BPAC11

R$ 23,46

-2,33%

CRFB3

R$ 16,54

-0,06%

CCRO3

R$ 12,73

-0,15%

CMIG4

R$ 13,03

-0,53%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,28

+6,04%

COGN3

R$ 2,52

-0,39%

CPLE6

R$ 7,11

+1,28%

CSAN3

R$ 23,21

-0,64%

CPFE3

R$ 28,40

+0,35%

CVCB3

R$ 13,65

-1,30%

CYRE3

R$ 17,16

-1,09%

ECOR3

R$ 7,75

-0,64%

ELET3

R$ 35,43

+1,51%

ELET6

R$ 34,63

+1,73%

EMBR3

R$ 19,81

-1,29%

ENBR3

R$ 21,47

+0,51%

ENGI11

R$ 43,03

+0,74%

ENEV3

R$ 12,67

-4,01%

EGIE3

R$ 40,14

+1,08%

EQTL3

R$ 22,65

+1,11%

EZTC3

R$ 21,46

-0,60%

FLRY3

R$ 19,79

+1,07%

GGBR4

R$ 28,07

+0,39%

GOAU4

R$ 11,69

-0,08%

GOLL4

R$ 17,01

-3,40%

NTCO3

R$ 21,50

-6,48%

HAPV3

R$ 12,40

+2,31%

HYPE3

R$ 30,03

+0,20%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 69,50

+1,60%

IRBR3

R$ 3,21

-0,61%

ITSA4

R$ 10,07

+1,00%

ITUB4

R$ 24,79

+1,34%

JBSS3

R$ 36,06

+2,21%

JHSF3

R$ 6,20

+0,64%

KLBN11

R$ 24,82

+0,32%

RENT3

R$ 57,44

-0,57%

LCAM3

R$ 25,62

-0,89%

LWSA3

R$ 9,18

-0,43%

6,56

+0,30%

LREN3

R$ 28,15

+0,78%

MGLU3

R$ 6,71

-7,06%

MRFG3

R$ 22,57

+0,80%

BEEF3

R$ 9,51

-0,84%

MRVE3

R$ 13,27

-1,70%

MULT3

R$ 21,27

-0,14%

PCAR3

R$ 21,64

-0,36%

PETR3

R$ 35,89

-2,97%

PETR4

R$ 32,54

-3,95%

VBBR3

22,72

+0,97%

PRIO3

R$ 23,84

+0,12%

QUAL3

R$ 17,87

+0,45%

RADL3

R$ 22,70

+1,43%

RAIL3

R$ 15,76

-5,40%

SBSP3

R$ 36,50

-1,35%

SANB11

R$ 33,04

-2,27%

CSNA3

R$ 25,67

-1,94%

SULA11

R$ 25,69

+1,22%

SUZB3

R$ 59,30

+1,38%

TAEE11

R$ 37,70

-0,08%

VIVT3

R$ 48,87

+0,34%

TIMS3

R$ 12,99

+1,48%

TOTS3

R$ 27,78

-0,50%

UGPA3

R$ 15,16

+0,26%

USIM5

R$ 16,01

-1,53%

VALE3

R$ 83,66

-0,98%

VIIA3

R$ 4,57

-1,08%

WEGE3

R$ 31,62

-2,40%

YDUQ3

R$ 21,58

+0,27%

IBOV

111.910,10 pts

-0,62%

SP500

4.427,78 pts

+2,35%

DJIA

34.700,16 pts

+1,58%

NASDAQ

14.443,47 pts

+3,15%

IFIX

2.769,90 pts

+0,10%

BRENT

US$ 89,80

+1,50%

IO62

¥ 828,00

+7,46%

TRAD3

R$ 4,26

-1,38%

ABEV3

R$ 14,93

-3,05%

AMER3

R$ 31,41

-6,15%

ASAI3

R$ 12,38

-1,35%

AZUL4

R$ 27,05

-1,95%

B3SA3

R$ 14,74

+1,93%

BIDI11

R$ 24,72

-3,88%

BBSE3

R$ 22,68

+1,29%

BRML3

R$ 9,43

+0,31%

BBDC3

R$ 18,60

+1,25%

BBDC4

R$ 22,60

+1,43%

BRAP4

R$ 27,12

+0,44%

BBAS3

R$ 32,49

+0,61%

BRKM5

R$ 50,00

+7,50%

BRFS3

R$ 22,85

-1,08%

BPAC11

R$ 23,46

-2,33%

CRFB3

R$ 16,54

-0,06%

CCRO3

R$ 12,73

-0,15%

CMIG4

R$ 13,03

-0,53%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,28

+6,04%

COGN3

R$ 2,52

-0,39%

CPLE6

R$ 7,11

+1,28%

CSAN3

R$ 23,21

-0,64%

CPFE3

R$ 28,40

+0,35%

CVCB3

R$ 13,65

-1,30%

CYRE3

R$ 17,16

-1,09%

ECOR3

R$ 7,75

-0,64%

ELET3

R$ 35,43

+1,51%

ELET6

R$ 34,63

+1,73%

EMBR3

R$ 19,81

-1,29%

ENBR3

R$ 21,47

+0,51%

ENGI11

R$ 43,03

+0,74%

ENEV3

R$ 12,67

-4,01%

EGIE3

R$ 40,14

+1,08%

EQTL3

R$ 22,65

+1,11%

EZTC3

R$ 21,46

-0,60%

FLRY3

R$ 19,79

+1,07%

GGBR4

R$ 28,07

+0,39%

GOAU4

R$ 11,69

-0,08%

GOLL4

R$ 17,01

-3,40%

NTCO3

R$ 21,50

-6,48%

HAPV3

R$ 12,40

+2,31%

HYPE3

R$ 30,03

+0,20%

IGTA3

R$ 33,24

+0,00%

GNDI3

R$ 69,50

+1,60%

IRBR3

R$ 3,21

-0,61%

ITSA4

R$ 10,07

+1,00%

ITUB4

R$ 24,79

+1,34%

JBSS3

R$ 36,06

+2,21%

JHSF3

R$ 6,20

+0,64%

KLBN11

R$ 24,82

+0,32%

RENT3

R$ 57,44

-0,57%

LCAM3

R$ 25,62

-0,89%

LWSA3

R$ 9,18

-0,43%

6,56

+0,30%

LREN3

R$ 28,15

+0,78%

MGLU3

R$ 6,71

-7,06%

MRFG3

R$ 22,57

+0,80%

BEEF3

R$ 9,51

-0,84%

MRVE3

R$ 13,27

-1,70%

MULT3

R$ 21,27

-0,14%

PCAR3

R$ 21,64

-0,36%

PETR3

R$ 35,89

-2,97%

PETR4

R$ 32,54

-3,95%

VBBR3

22,72

+0,97%

PRIO3

R$ 23,84

+0,12%

QUAL3

R$ 17,87

+0,45%

RADL3

R$ 22,70

+1,43%

RAIL3

R$ 15,76

-5,40%

SBSP3

R$ 36,50

-1,35%

SANB11

R$ 33,04

-2,27%

CSNA3

R$ 25,67

-1,94%

SULA11

R$ 25,69

+1,22%

SUZB3

R$ 59,30

+1,38%

TAEE11

R$ 37,70

-0,08%

VIVT3

R$ 48,87

+0,34%

TIMS3

R$ 12,99

+1,48%

TOTS3

R$ 27,78

-0,50%

UGPA3

R$ 15,16

+0,26%

USIM5

R$ 16,01

-1,53%

VALE3

R$ 83,66

-0,98%

VIIA3

R$ 4,57

-1,08%

WEGE3

R$ 31,62

-2,40%

YDUQ3

R$ 21,58

+0,27%

tcuser

Atualizado há 4 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 22 de setembro – O Federal Reserve deve definir a redução das recompras de títulos do mercado em sua reunião de novembro se os progressos na economia continuarem, especialmente no emprego. É o que afirmou hoje o presidente do banco central americano, Jerome Powell, após divulgação de decisão do Fed para a política monetária do país.

Em entrevista, Powell disse que a redução dos estímulos, chamada de ‘tapering’, deve ser concluída em meados do próximo ano. Para ele, as metas de inflação foram atingidas, mas o nível de emprego ainda precisa melhorar.

O presidente do Fed acrescentou que uma melhora nos dados do Payroll, indicador oficial do emprego americano, já justificaria iniciar a redução das recompras. Segundo ele, os progressos da economia americana são hoje mais expressivos dos que os vistos em 2013, quando o banco central dos EUA começou o processo de ‘tapering’, após a crise de 2008.

O presidente do Fed afirmou também que o grande desafio é manter as projeções para inflação convergindo para a meta de 2% nos próximos anos. A pesquisa trimestral de perspectiva do banco central americano divulgada hoje, chamada de Dot Plots, indicou aumento nas projeções para a inflação neste ano e nos próximos. A previsão é de recuo de 2,1% para 2024 e de atingimento da meta de 2% nos anos seguintes. Em junho, a projeção era de voltar à meta já em 2024.

Powell deixou claro, porém, que o ‘tapering’ não deve ser visto como sinal de mais uma alta nos juros. Segundo ele, é necessária uma melhora maior da economia para que se eleve os juros do que para a redução da recompra de títulos. O Dot Plots mostrou que mais diretores do Fed esperam uma alta dos juros americanos já no ano que vem, e não apenas em 2023, como acontecia em junho.

Sobre a crise da gigante imobiliária chinesa Evergrande, Jerome Powell afirmou que o assunto está mais relacionado ao governo da China. Ele disse que o país asiático está acompanhando o processo, e não deve impactar os mercados americanos ou o mercado financeiro global.

Reação do mercado

Os mercados reagiram bem à decisão do Fed e aos comentários de Powell, uma vez que já era esperada uma sinalização para o início do ‘tapering’ e uma indicação de que a alta dos juros virá mais adiante. Os índices de ações mantêm a alta, mas o dólar se enfraqueceu diante de outras moedas, pela expectativa de mais tempo para um aperto nos juros americanos e maior tolerância com a inflação acima da meta até 2024.

Parece claro que o “’tapering’ está batendo à porta”, afirma Mauro Morelli, estrategista-chefe da Davos Investimentos. Em entrevista à TC Rádio, Morelli lembra que o Fed compra, todo mês, US$120 bilhões em títulos americanos, ou seja, uma Evergrande a cada três meses.

“É natural que quando as coisas comecem a voltar ao normal, tenhamos grau de dúvida. É isso que estamos passando agora, e é isso que Powell tenta tirar, sinalizando que o ‘tapering’ pode terminar em 2022 e, mesmo encerrando o ano que vem, isso não significa elevar o juro imediatamente”, destaca. Segundo ele, ainda será longo o período entre o término do ‘tapering’ e aumento do juro, e tudo isso reflete-se positivamente no mercado.

Texto: Angelo Pavini e Gabriel Ponte
Edição: Karine Sena e Stéfanie Rigamonti
Arte: Vinícius Martins / Mover


Leia também

Análise: Super Quarta tem decisões que podem impactar os investimentos

Aumento da Selic não deve impactar os fundos imobiliários, diz diretor da Sequoia

Ibovespa tem alta firme, puxado pela Vale; mercado está de olho em Fomc e Copom

image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.