0

Aumento do corte nas alíquotas do IPI é positivo, diz CNI

mercados

Aumento do corte nas alíquotas do IPI é positivo, diz CNI

O presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, disse que o aumento na redução do IPI favorece investimentos no setor industrial

Aumento do corte nas alíquotas do IPI é positivo, diz CNI
beatriz-cantadori

Atualizado há 29 dias

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 29 de abril – O presidente da Confederação Nacional da Indústria, Robson Braga de Andrade, avaliou que o aumento da redução nas alíquotas do Imposto sobre Produtos Industrializados anunciado hoje pelo governo é positivo para a economia brasileira.

Andrade justificou que a mudança de 25% para 35% na isenção do IPI alivia a pressão inflacionária sobre o setor industrial, além de beneficiar consumidores e favorecer investimentos na área.

O IPI é um tributo que incide exclusivamente sobre a indústria, segmento mais taxado na economia, segundo Andrade. “A carga tributária da indústria de transformação é de 46,2% do Produto Interno Bruto, PIB, enquanto a média da economia está em 25,2%”.

Segundo Andrade, outros setores, como o comércio, serviços e agropecuária, que utilizam materiais provenientes da indústria em suas produções, também serão beneficiados com o IPI menor.

Ele também afirmou que aumentar a atratividade dos investimentos no setor industrial é importante melhorar o ritmo de crescimento da economia brasileira. “Cada R$1 produzido na indústria resulta em mais R$2,67 no PIB”.

Texto: Beatriz Lauerti
Edição: Gabriela Guedes
Arte: Vinícius Martins/ Mover

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.