0

Bolsas encerram semana com ganhos; no radar, inflação, Jerome Powell, China: Espresso

mercados

Bolsas encerram semana com ganhos; no radar, inflação, Jerome Powell, China: Espresso

As bolsas no Brasil e nos Estados Unidos acumularam ganhos em semana volátil, com os investidores digerindo as decisões dos bancos centrais

Bolsas encerram semana com ganhos; no radar, inflação, Jerome Powell, China: Espresso
tcuser

Atualizado há 8 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 24 de setembro –  As bolsas do Brasil e dos Estados Unidos fecharam a semana de alta volatilidade com ganhos. Os investidores ainda estão digerindo as decisões de política monetária dos bancos centrais e os riscos vindos da China.

O salto do petróleo Brent para novembro, que atingiu hoje máxima em três anos, a US$78,25 por barril, ajudou a aliviar as perdas em Nova York. Já no Brasil, a inflação acima do esperado fez peso extra no Ibovespa, que encerrou a sexta-feira em baixa. Além disso, estressou o dólar e os juros. Na semana, porém, o índice brasileiro registrou a primeira semana positiva no mês.

Evergrande  e criptomoedas não impedem alta das bolsas americanas

As bolsas de Nova York encerraram o dia em leve alta apesar dos temores crescentes em relação à crise da gigante imobiliária chinesa Evergrande e das notícias de proibição de criptomoedas pelo país asiático. Hoje, Dow Jones, S&P500 e Nasdaq 100 avançaram, respectivamente, 0,10%, 0,15% e 0,09%.

Na semana, Dow e S&P tiveram ganhos de 0,62% e 0,51%, enquanto o Nasdaq 100 ficou praticamente estável. Os contratos do Brent e do WTI para novembro subiram 1,09% e 0,93% hoje e 3,65% e 3,0% na semana, respectivamente.

Ibovespa acumula alta de 1,65% na semana

Os riscos de crise da Evergrande e os dados fortes de inflação derrubaram o Ibovespa. O índice recuou 0,69% a 113.282 pontos. Porém, registrou avanço semanal de 1,65%  .

Em meio à aversão ao risco no exterior, o dólar subiu hoje 0,24% a R$5,325, e marcou a terceira semana de avanço, em 0,88%. A curva de juros hidratou o prêmio em toda extensão em até 10 pontos-base, após Índice de Preços do Consumidor Amplo-15 acima do esperado.

Para conferir o Espresso na íntegra e outros conteúdos exclusivos, assine um dos planos do TC.

Texto: Mover
Edição: Letícia Matsuura
Arte: Vinícius Martins / Mover


Leia também

Especial: Fim da era Merkel deixa vácuo em eleição indecisa na Alemanha

Confiança do Consumidor recua para menor patamar desde abril, diz FGV

Sanita: Minerva (BEEF3) diminuirá assimetria com JBS (JBSS3) e Marfrig (MRFG3)?

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.