0

Bolsas revertem perdas de olho em teto da dívida nos EUA; emprego, energia, China no radar: Espresso

mercados

Bolsas revertem perdas de olho em teto da dívida nos EUA; emprego, energia, China no radar: Espresso

A possibilidade de um acordo no Congresso americano para prorrogar a flexibilidade do teto da dívida impulsionaram bolsas nos EUA e Brasil

Bolsas revertem perdas de olho em teto da dívida nos EUA; emprego, energia, China no radar: Espresso
tcuser

Atualizado há 8 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 6 de outubro – A possibilidade de um acordo no Congresso americano para prorrogar a flexibilidade do teto da dívida do governo provocou uma reviravolta nas bolsas americanas, que zeraram perdas de mais de 1,0%. A cautela com a disparada recente dos preços do gás e do petróleo, mesmo com a queda de hoje, e seu impacto na inflação e nos juros e o fim do feriado na China amanhã, porém, impediram uma alta mais forte das ações.

Wall Street virou e encerrou positiva após notícia de que o líder da minoria no Senado, Mitch McConnell, pretende oferecer uma extensão até novembro do teto da dívida. Dow Jones, S&P500 e Nasdaq 100 subiram 0,30%, 0,41% e 0,57%, respectivamente. Contudo, a cautela ainda deve permanecer nos próximos dias, com mercado de olho em alta da inflação e do juros e no Payroll de sexta. O petróleo também fica no radar, após o Brent cair 1,79% e o WTI, 1,90% hoje, com aumento de estoques nos EUA e dólar forte.

Possível solução para teto da dívida e bolsas americanas refletem no Ibovespa

No Brasil, o Ibovespa fechou praticamente estável, com dados fracos de varejo e aguardando avanços nos precatórios. A possibilidade de solução para o teto da dívida dos Estados Unidos também garantiu que o Ibovespa fechasse positivo, em leve alta de 0,09% a 110.559.

Nessa tendência, o dólar futuro também perdeu a força, embora ainda tenha subido 0,28%, a R$5,517 no dia. Já a curva de juros recuou em toda extensão em até 18,5 pontos-base, após as vendas do varejo no Brasil frustrarem o consenso.

Para conferir o Espresso na íntegra e outros conteúdos exclusivos, assine um dos planos do TC.

Texto: Mover
Edição: Letícia Matsuura
Arte: Vinícius Martins / Mover


Leia também

Não há mulheres na direção estatutária de 61% das empresas de capital aberto, diz B3

Demanda de empresas por geração própria aquece negócios no setor de energia

Nogueira: Redes sociais descentralizadas são o futuro da informação

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.