0

Bolsas sobem de olho em balanços; no radar, inflação, varejo, PEC dos combustíveis: Espresso

mercados

Bolsas sobem de olho em balanços; no radar, inflação, varejo, PEC dos combustíveis: Espresso

A volta do apetite por risco diante dos bons resultados de empresas e tentativas de negociação na crise na Ucrânia impulsionaram as bolsas

Bolsas sobem de olho em balanços; no radar, inflação, varejo, PEC dos combustíveis: Espresso
tcuser

Atualizado há 3 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 8 de fevereiro–  As bolsas americanas subiram hoje, com a volta do apetite por risco diante dos bons resultados de empresas e tentativas de negociação na crise na Ucrânia. Os investidores retomaram as compras, aguardando dados de inflação na quinta-feira. Já os rendimentos dos Treasuries subiram e o dólar se valorizou diante das principais moedas, enquanto commodities e petróleo recuaram.

No Brasil, o Ibovespa fechou em pequena alta, na expectativa com o balanço do Bradesco e refletindo a alta dos juros futuros após a ata do Copom e a preocupação com a PEC dos combustíveis.

Alta das bolsas

As bolsas americanas fecharam em alta nessa terça-feira, com o S&P500 e o Nasdaq 100 revertendo as perdas de mais cedo e subindo 0,84% e 1,21%, respectivamente, conforme os investidores focam nos balanços positivos antes da divulgação de dado importante de inflação.

O Dow Jones avançou 1,06%. Já o petróleo fechou em baixa, de olho nas conversas entre EUA e Irã, que poderiam levar à retirada de sanções e ao aumento das exportações iranianas. O Brent cedeu 2,06% e o WTI, 2,15%.

Acompanhando o exterior, o Ibovespa teve uma sessão positiva, impulsionado por commodities, embora os ganhos tenham sido limitados pela Petrobras, pressionada pelo petróleo e por discussões sobre a PEC dos combustíveis.

O índice subiu 0,21% a 112.234 pontos, enquanto o dólar futuro reverteu movimento de alta, encerrando com menos 0,07%, a R$5,284. Já a curva de juros avançou em até 18 pontos-base, após ata mais dura do Copom.

* Para conferir o Espresso na íntegra e outros conteúdos exclusivos, assine um dos planos do TC.

Texto: Mover
Edição: Letícia Matsuura
Arte: Vinícius Martins/ Mover

Nesta matéria

BBDC4

BCO BRADESCO S.A.

19,44

0,32

+1,62%

Relacionadas

PETR4

PETROLEO BRASILEIRO S.A. ...

34,24

1,37

+3,93%

PETR3

PETROLEO BRASILEIRO S.A. ...

37,24

1,39

+3,69%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.