0

Dahlia Capital vê motivos para otimismo com commodities

mercados

Dahlia Capital vê motivos para otimismo com commodities

Mas a gestora alertou hoje ser necessário adotar cautela com as commodities, em decorrência da pressão altista da inflação

Dahlia Capital vê motivos para otimismo com commodities
gabriel-pontes

Atualizado há 3 meses

Ícone de compartilhamento

Brasília, 4 de fevereiro –  Em relatório mensal enviado hoje a cotistas, a Dahlia Capital considerou haver motivos no curto prazo para estar otimista com a tese de commodities, que podem constituir proteção para a alta dos juros na economia global.

No documento, os gestores alertam, no entanto, ser necessário adotar cautela com a tese, em decorrência da pressão altista da inflação com o avanço dos preços de commodities. Isso pode levar, por exemplo, a políticas mais restritivas dos governos, resultando em menor crescimento e, na última ponta, em preços mais baixos desses produtos.

Atualmente, o time da Dahlia entende que os mercados globais vivenciam um super ciclo de preços de commodities. Repetindo fatores como os presenciados nos anos 2000, década na qual houve um boom desses produtos, a Dahlia observa atualmente baixo crescimento econômico no país, queda significativa de investimentos pelos produtores, além de um robusto choque de demanda.

“Desde o final da década de 2010, estamos vendo a repetição desses três fatores, que pode levar a preços mais elevados”, informa um trecho do documento. Os analistas acreditam que a recuperação da economia chinesa pode, também, auxiliar na retomada do ciclo, já que o país asiático constitui o maior consumidor das principais commodities.

“Mesmo com preços mais altos, o aumento da oferta tem sido muito aquém do esperado”, afirmam os analistas da gestora, que justificam que as empresas estão receosas em realizarem novos investimentos por estarem pressionadas a pagarem dívidas e dividendos.

O cenário é pressionado, também, por incertezas políticas em países exportadores de commodities na América do Sul, como Peru e Chile. A Dahlia alerta, entretanto, que a resposta de produtores privados agora é diferente do usual e que eles tendem a fomentar novos investimentos, ampliando a produção, em decorrência de preços mais elevados.

O Dahlia Total Return, multimercado da casa, reportou rentabilidade de 0,07% no mês passado, contra alta de 0,73% do CDI no mesmo período, enquanto o Ibovespa registrou alta de 6,98% no mês.

Texto: Gabriel Ponte
Edição: Gabriela Guedes
Imagem: Vinicius Martins / Mover

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.