0

Dólar futuro cai mais de 1% e renova mínima desde julho de 2021

mercados

Dólar futuro cai mais de 1% e renova mínima desde julho de 2021

As entradas de altos volumes de capital externo no Brasil seguem influenciando na desvalorização do dólar frente ao real, disseram traders

Dólar futuro cai mais de 1% e renova mínima desde julho de 2021
gabriel-brondi

Atualizado há 3 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 22 de fevereiro – Os contratos de dólar futuro recuavam no início da tarde desta terça-feira, atingindo o patamar mínimo em sete meses, em linha com o atual momento de ciclo de juros do Brasil em comparação com os de outros países. As entradas de altos volumes de capital externo no Brasil seguem influenciando o câmbio, disseram traders.

Por volta das 12h30, o contrato de dólar futuro operava em queda de 1,03%, a R$5,060, enquanto todos os contratos de juros recuavam até 4 pontos-base no mesmo horário.

Segundo especialistas, o investidor estrangeiro mantém o interesse nas ações brasileiras ligadas a commodities e em operações chamadas de “carry trade” – operação financeira realizada com a diferença entre as taxas de juros de dois países –, impulsionadas pela taxa básica de juros elevada.

Analistas técnicos consultados pela Mover afirmam que o contrato de dólar futuro se encontra em uma região técnica de decisão de tendência de médio prazo, e testa uma região de preços respeitada desde março de 2020.

Texto: Gabriel Brondi
Edição: Renato Carvalho e Stéfanie Rigamonti
Imagem: Vinicius Martins / Mover

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.