0

Pregão foca em decisão do FOMC sem tirar olhos da eleição

mercados

Pregão foca em decisão do FOMC sem tirar olhos da eleição

Pregão foca em decisão do FOMC sem tirar olhos da eleição
tcuser

Atualizado há mais de 3 anos

Ícone de compartilhamento

O fato global do dia será a reunião do FOMC, o comitê de política monetária do Federal Reserve americano, que deve elevar o intervalo da taxa-alvo de juros do país em mais 25 pontos-base e assumir tom mais drástico para o futuro próximo. Bolsas e moedas asiáticas operaram mistas, assim como os ativos europeus no início desta quarta-feira, à espera da decisão, que será anunciada a partir das 15h00, horário de Brasília. Apesar de esperada, o investidor precisa estar preparado para maior volatilidade, uma vez que juros mais altos nos Estados Unidos tornam os ativos emergentes menos atrativos.

 

Mesmo assim, o gatilho da bolsa, câmbio e juros no Brasil continua sendo a eleição. Faltando apenas oito pregões para o primeiro turno da eleição, as sondagens Empiricus/Paraná Pesquisas e CNI/Ibope devem ter ainda mais peso; as duas serão publicadas após o horário do almoço. Outro foco do dia será o julgamento de um recurso no Supremo Tribunal Federal para habilitar o voto de 3,3 milhões de eleitores, mesmo após cancelamento dos títulos por falta de identificação biométrica. Vale lembrar que a maioria destes eleitores é das regiões Norte e Nordeste, onde o PT tradicionalmente tem maior adesão.  

 


– No final da tarde, também haverá o debate promovido por SBT, Folha de S.Paulo e UOL; atenção principalmente ao desempenho de Fernando Haddad, do PT, que viu suas intenções de voto crescerem em pesquisas recentes, reacendendo os temores do mercado em relação à vitória de um candidato pouco comprometido com o ajuste fiscal. Jair Bolsonaro, líder nas pesquisas e alvo de ataques dos adversários, não participará – ainda se recupera do atentado contra sua vida no início do mês. Entre os indicadores de hoje se destacam alguns números do mercado de crédito em agosto, fluxo cambial semanal e estoques de petróleo dos EUA.

Quer ser um investidor bem informado? Cadastre-se no TradersClub e siga nosso canal de notícias e comentários exclusivos.

 

Mercado em um minuto, segundo Contribuidores TradersClub

 

— Câmbio: deve manter padrão de oscilação entre R$4,06 e R$4,12, à espera de pesquisas eleitorais e da decisão de juros nos EUA; fluxo de entrada forte e vencimentos de posições vendidas dão à moeda viés de estabilidade.

 

— Juros: devem ficar sensíveis às sondagens eleitorais da Empiricus/Paraná Pesquisas e CNI/Ibope; demanda por maior prêmio deve continuar pressionando desempenho da renda fixa.

 

— Bolsa: petróleo em queda e bolsas mistas podem impactar o sentimento do mercado de manhã; à tarde, atenção vira para pesquisas, decisão e coletiva do Fed.

 

— Ações: Cemig, que fará leilão de compra de eólica e solar; Bradespar e Litel, que vão pagar R$2,82 bilhões a Daniel Dantas; Gafisa, após gestora GWI assumir o comando do conselho; Suzano, que reduziu para a metade a linha de crédito com bancos para financiar compra da Fibria; Nike, com crescimento do lucro líquido; Petrobras, com desdobramentos de tag along na Braskem; Embraer, com negociações com a Boeing em andamento; setor de educação, após Arco Educação fazer IPO em Nova Iorque.

 

— Destaques das recomendações: Bradesco BBI elevou a recomendação do ADR da Embraer ON ($ERJ) de neutra para outperform e aumentou o preço-alvo de US$23 para US$28 com expectativas de associação comercial com a Boeing e alta do dólar.

 

Principais notícias para começar o dia bem informado

 

Trading News

— Mercados operam sob pressão à espera da nova decisão de juros dos EUA

— Mercado continuará pressionado com “risco PT”, apesar de melhora de hoje

— BB Investimentos está confiante nos papéis de serviços financeiros, independentemente da eleição

— Analistas divergem sobre perspectivas para o ADR da Vale após ganhos recentes

 

Valor Econômico

— Isenção dos EUA para calçado anima exportador brasileiro
— Candidatos dão pouca atenção à área comercial

— Venda de etanol cresce 42% no mês
— Os especialistas responsáveis pelos planos de Bolsonaro

 

O Estado de S.Paulo

— Paulo Skaf tem 24% e João Doria, 22% na disputa pelo governo de SP

— Atraso no Fies tem recorde, dívida chega a R$ 20 bi e governo estuda mudanças

— Ex-mulher relatou ao Itamaraty ameaça de morte feita por Bolsonaro

— Ciro passa por cauterização na próstata, mas deve participar de debate

 

Folha de S. Paulo

— Bolsonaro quer manter Ilan Goldfajn na presidência do BC

— Movimento do centrão mostra que siglas já ganharam o pleito

— Moradores do extremo sul de SP são esquecidos até na eleição

— Lula recorre na Justiça Eleitoral para poder votar em outubro

 

Globo/G1

— Governo quer reduzir as 309 carreiras e o salário inicial de servidor federal

— PGR pede suspensão de inquérito que investiga pagamento da Odebrecht a Temer

— PT quer apoio de Garotinho para dar palanque forte a Haddad no Rio

— Nos estados, tucanos ensaiam aproximação com Bolsonaro

Agenda do dia

 

Indicadores nacionais

— 08h00: Confiança do comércio em setembro – FGV

— 10h30: Estatísticas monetárias e de crédito – BC

— 12h30: Fluxo cambial estrangeiro – BC

 

Indicadores internacionais

— 07h00: Pesquisa CBI de Varejo e Distribuição do Reino Unido de setembro; consenso 18

— 10h00: Taxa de Desemprego do México em agosto; consenso 3,41%

— 11h00: Vendas de novas moradias dos Estados Unidos em agosto; consenso 630 mil

— 11h30: Estoques de Petróleo Bruto dos EUA; consenso -1,279 mi barris

— 16h00: Balança comercial da Argentina de agosto; consenso -US$ 150 mi

— 16h00: Atividade econômica anual da Argentina em julho; consenso -3,1%

 

Eventos

— N.D.: Previsão de divulgação de pesquisa eleitoral Empiricus/Paraná Pesquisas
— N.D.: STF deve julgar recurso sobre anulação de 3,3 milhões de títulos eleitorais por biometria
— 09h45: Cerimônia de adesão da BR Distribuidora ao Programa de Destaque em Governança de Estatais na B3
— 14h00: Previsão de divulgação de pesquisa eleitoral CNI/Ibope

— 15h00: Decisão da taxa-alvo Fed Funds dos EUA; consenso alta de 25 pontos base

— 16h00: Presidente Michel Temer tem reunião com responsáveis sobre intervenção militar no Rio de Janeiro

— 17h00: Posse do diretor da CVM, Carlos Rebello, no Rio de Janeiro

— 17h45: Debate entre candidatos à Presidência promovido por Folha de S.Paulo, UOL e SBT

— 18h30: Ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, tem reunião com presidente do BNDES, Dyogo Oliveira

 

DISCLAIMER: Este newsletter não tem o objetivo de promover a venda de títulos e valores mobiliários específicos, e sim, de informar correta e oportunamente a quem o recebe.

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.