0

Gol, EDP Brasil, Banco do Brasil: Mais Lidas

mercados

Gol, EDP Brasil, Banco do Brasil: Mais Lidas

A Gol assumiu a liderança do volume de passageiros transportados por quilômetro em janeiro, passando a Latam; veja as notícias mais lidas

Gol, EDP Brasil, Banco do Brasil: Mais Lidas
leticia-carreira

Atualizado há 3 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 20 de fevereiro –  A Gol passou a Latam e assumiu a liderança do volume de passageiros transportados por quilômetro em janeiro, conforme os dados da Agência Nacional de Aviação Civil obtidos em primeira mão pelo Scoop by Mover. Essa notícia se destacou na semana.

Outra empresa que esteve nos holofotes foi a EDP Brasil, que retomará a busca por compradores de três hidrelétricas, após não fechar negócio com uma empresa não revelada. A companhia está focada na expansão da energia solar, mas não descarta manter as usinas hidrelétricas.

O Banco do Brasil também chamou a atenção dos leitores do portal Mover. Após o banco reportar balanço do quarto trimestre de 2021 positivo, com lucro recorde, crescimento na carteira de crédito e provisões menores, os analistas do BTG Pactual avaliaram que os múltiplos estão “muito baratos para se ignorar”. Confira abaixo as notícias mais lidas da semana.

Gol na liderança

Após cinco meses liderando o volume de passageiros transportados por quilômetro, métrica conhecida como RPK, a Latam foi ultrapassada pela Gol no primeiro mês deste ano. Os dados, obtidos em primeira mão pelo Scoop by Mover, é da Anac.

A Gol conquistou 3,341 milhões de passageiros por quilômetro transportado, fatia de 38,2% de participação de mercado em janeiro. Em seguida, a Latam e a Azul alcançaram 2,969 milhões e 2,390 milhões, respectivamente.

As companhias aéreas tiveram uma semana positiva, apesar do aumento de receio de guerra entre Rússia e Ucrânia na quinta-feira, 17, e na sexta-feira, 18, que azedou o mercado em geral. A ação preferencial da Gol (GOLL4) teve ganho semanal de 6,65%, e a da Azul (AZUL4), 6,68%.

Hidrelétricas da EDP Brasil

Outro destaque é o setor de energia. A EDP Brasil não fechou negócio com uma empresa não revelada, com quem tinha um acordo de exclusividade para venda de três usinas hidrelétricas: Mascarenhas, Cachoeira Caldeirão e Jari. Com isso, a companhia elétrica volta a buscar novos compradores,

Apesar dos planos de reduzir a exposição em ativos hídricos e aumentar presença em solar, a EDP Brasil não descarta manter as usinas. O diretor-presidente João Marques da Cruz disse em videoconferência dos resultados do quarto trimestre de 2021 que a companhia está “muito próxima” de anunciar investimentos em novos projetos de energia solar em São Paulo e Minas Gerais.

A EDP registrou lucro líquido de R$809 milhões nos últimos três meses do ano passado, alta de 15,6% na base anual. Já o Ebitda, lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização, atingiu R$1,34 bilhão, baixa de 4% na mesma comparação. A receita do período cresceu 8% ano a ano, a R$4,67 bilhões.

Banco do Brasil ‘muito barato’

O setor bancário continuou no radar dos investidores, desta vez, com o Banco do Brasil registrando balanço do último trimestre de 2021 com lucro líquido recorrente de R$5,9 bilhões, o maior da história para o período, bem acima do consenso de R$4,97 bilhões, em aceleração anualizada de 60,5%, além do crescimento anual de 17,8% na carteira de crédito e da queda de 26,5% na base anual na provisão para crédito de liquidação duvidosa.

Com esses resultados operacionais, o BTG Pactual elevou a recomendação de neutra para compra em relação à ação ordinária do Banco do Brasil (BBAS3), que passou a ter preço-alvo de R$45, ante R$39 na avaliação anterior.

Segundo os analistas, os múltiplos do Banco do Brasil estão “muito baratos para se ignorar”, destacando que as projeções do Banco do Brasil para 2022 vieram acima do esperado, principalmente a linha de lucro líquido 18% maior do que a expectativa de mercado.

Os investidores reagiram bem ao balanço do banco, divulgado na última segunda-feira, 14, após o fechamento do mercado. No dia seguinte, o papel iniciou o pregão em alta superior a 6% em relação ao fechamento anterior, e encerrou com valorização de 4,74%. Na semana, a ação do Banco do Brasil acumulou ganho de 7,93%.

Corrida eleitoral em SP

Saindo do âmbito corporativo para a política, a corrida eleitoral está esquentando em São Paulo. Segundo a pesquisa XP/Ipespe com foco no eleitorado paulista, em um cenário sem o ex-governador Geraldo Alckmin, o ex-prefeito da capital Fernando Haddad toma a dianteira com 28% das intenções de voto, contra 18% de Márcio França.

Quando apoiado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Haddad conta com 38% do eleitorado, enquanto o atual ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, com o apoio do presidente Jair Bolsonaro, aparece em seguida 25%.

Freitas confirmou em evento no TC sua pré-candidatura pelo PL para disputar a chefia do Palácio dos Bandeirantes. Ele defendeu a realização de privatizações, incluindo da empresa paulista de saneamento Sabesp. Para o ministro, a desestatização poderia ser realizada em duas fases para gerar mais valor à administração estadual.

Lula x Bolsonaro

Já na disputa pela Presidência da República, Bolsonaro reduziu a distância em relação a Lula nos dois turnos, conforme a pesquisa PoderData.

No primeiro turno, o ex-presidente marca 40% da preferência entre o eleitorado, contra 41% no levantamento realizado em 2 de fevereiro.  Bolsonaro aparece em segundo lugar, marcando 31%, ante 30% na pesquisa anterior.

Já no segundo turno, o petista tem 50% das intenções de voto, ante 54% do levantamento anterior, e Bolsonaro saiu de 30% para 35%.

Em cenário contra Moro, Lula venceria por 47% a 32%. Contra Ciro Gomes, o ex-presidente ganharia de 45% a 22%.

Texto: Letícia Matsuura
Imagem: Vinícius Martins / Mover

Nesta matéria

GOLL4

GOL LINHAS AEREAS INTELIG...

14,52

1,54

+11,86%

Relacionadas

AZUL4

AZUL S.A.

20,66

1,97

+10,54%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.