0

Goldfajn: Brasil tem ‘colchões’ para resistir a choque externo

mercados

Goldfajn: Brasil tem ‘colchões’ para resistir a choque externo

Presidente do BC afirmou que Brasil tem como resistir, mas precisa “continuar no caminho de ajustes".

Goldfajn: Brasil tem ‘colchões’ para resistir a choque externo
tcuser

Atualizado há mais de 3 anos

Ícone de compartilhamento

Em apresentação preparada para palestras em Genebra e Milão, o presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, disse que o Brasil detém “colchões” para resistir a choques externos, mas precisa “continuar no caminho de ajustes e reformas, especialmente a da Previdência, a fim de garantir a confiança na sustentabilidade fiscal e gerar maior crescimento”.

 

Segundo ele, a recente piora na percepção de risco dos mercados globais afetou cada país emergente de acordo com seus fundamentos – leia-se autonomia, de facto, do banco central, balanço de pagamentos externos e a existência de espaço fiscal e monetário para políticas contracíclicas.

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.