0

Ibovespa afunda mais de 2% e perde o patamar dos 101 mil pontos

mercados

Ibovespa afunda mais de 2% e perde o patamar dos 101 mil pontos

Ibovespa despenca após ata do banco central americano mostrar que as condições para a alta de juro nos EUA podem ser atingidas "em breve"

Ibovespa afunda mais de 2% e perde o patamar dos 101 mil pontos
gabriel-brondi

Atualizado há 5 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 5 de janeiro – O Ibovespa acelerava queda na tarde desta quarta-feira, ensaiando sua quarta semana consecutiva em baixa, após a divulgação da ata da reunião de dezembro do Comitê de Mercado Aberto do Federal Reserve, banco central americano, e em meio ao receio de riscos fiscais que rondam o Brasil em ano eleitoral.

A ata do FOMC mostra que os dirigentes do Fed enxergam a inflação acima do previsto e indica que as condições para a alta de juro podem ser atingidas “em breve”. Apesar de os dirigentes observarem melhora na atividade econômica e no emprego com a expansão da vacinação contra o coronavírus, com sólidos ganhos, a permanência do desequilíbrio entre oferta e demanda pressionam a inflação. Além disso, a melhora nos dados de trabalho nos EUA permitem acelerar a retirada de estímulos da economia americana, por meio do “tapering”, segundo a ata.

Perto das 17h10, o Ibovespa caía 2,46%, cotado a 100.962 pontos, enquanto o dólar avançava 0,66%, negociado a R$5,750, e os contratos futuros dos juros subiam até 12 pontos-base.

No mesmo horário, as ações ordinárias da BRF (BRFS3) e da Vale (VALE3) eram as únicas que subiam, avançando 1,07% e 0,65%, respectivamente, esta última em linha com a alta de 0,70% do minério de ferro em Qingdao.

O destaque negativo estava com as ordinárias da Locaweb (LWSA3), seguidas pelas da PetroRio (PRIO3), em quedas de 11,86% e 9,27%, respectivamente. As ações da Petrobras (PETR4/PETR3) e do Itaú (ITUB4) lideravam as perdas por pontos.

Analistas técnicos consultados pela Mover alertam que o Ibovespa segue respeitando a linha de tendência de baixa no gráfico semanal também na perspectiva de longo prazo.

No exterior, as bolsas americanas também aceleraram quedas após a divulgação da ata do FOMC, com o índice S&P500 registrando queda de 1,43%, o Dow Jones passando a cair 0,68% e o Nasdaq 100 despencando 2,74%.

Texto: Gabriel Brondi
Edição: Gabriela Guedes e Stéfanie Rigamonti
Imagem: Mover

Nesta matéria

BRFS3

BRF S.A.

13,52

0,12

+0,89%

Relacionadas

VALE3

VALE S.A.

79,91

1,41

+1,76%

LWSA3

LOCAWEB SERVI�OS DE INTER...

7,10

-0,13

-1,83%

PRIO3

PETRO RIO S.A.

24,91

0,61

+2,45%

PETR4

PETROLEO BRASILEIRO S.A. ...

34,24

0,66

+1,93%

PETR3

PETROLEO BRASILEIRO S.A. ...

37,24

0,52

+1,39%

ITUB4

ITAU UNIBANCO HOLDING S.A...

24,92

0,31

+1,24%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.