0

Ibovespa dispara com PEC dos Precatórios e exterior; no radar, coronavírus, Payroll, PMI, indústria: Espresso

mercados

Ibovespa dispara com PEC dos Precatórios e exterior; no radar, coronavírus, Payroll, PMI, indústria: Espresso

Mesmo com o recuo do PIB, o Ibovespa subiu 3,66%, com a aprovação da PEC dos Precatórios no Senado e o bom humor nas bolsas americanas

Ibovespa dispara com PEC dos Precatórios e exterior; no radar, coronavírus, Payroll, PMI, indústria: Espresso
tcuser

Atualizado há 6 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 2 de dezembro – O Ibovespa fechou com a maior alta desde maio do ano passado após dois dias de baixa, impulsionado pelo mercado externo e pela aprovação da PEC dos Precatórios no Senado, que reduz a incerteza fiscal.

O real se valorizou diante do dólar e os juros recuaram, também pelo Produto Interno Bruto, conhecido pela sigla PIB, mais fraco do terceiro trimestre, que alivia a expectativa de alta da taxa Selic.

Os índices em Nova York recuperaram as perdas, fechando perto das máximas do dia, com o Dow Jones registrando a maior alta desde março, mas ainda sujeitos à volatilidade pela variante ômicron.

Alta do Ibovespa e das bolsas americanas

O Ibovespa subiu nesta quinta-feira, 2, na maior alta desde maio de 2020, recuperando as perdas recentes em meio ao exterior positivo e aprovação da PEC dos Precatórios no plenário no Senado.

O principal índice de ações brasileiro subiu 3,66% a 104.466 pontos. Enquanto isso, o dólar futuro recuou 0,92% a R$5,678. A curva de juros desidratou o prêmio em até 24,5 pontos-base, após PIB mais fraco, com exceção do contrato para janeiro de 2022.

Wall Street fechou com ganhos significativos em ajuste após a queda da véspera, mas ainda de olho nos impactos da nova variante ômicron do coronavírus e em falas do Federal Reserve sobre “tapering” e inflação.

O Dow Jones subiu 1,82%, maior alta desde março, o S&P500, 1,42% e o Nasdaq 100, 0,71%. O petróleo tipo Brent e tipo WTI também subiram, em 1,16% e 1,42%, após a Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados, Opep+, dizer que “fará ajustes imediatos” na produção caso cenário mude.

Para conferir o Espresso na íntegra e outros conteúdos exclusivos, assine um dos planos do TC.

Texto: Mover
Edição: Letícia Matsuura
Imagem: Vinícius Martins / Mover

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.