0

Ibovespa futuro sobe com exterior, em dia de correção nos mercados

mercados

Ibovespa futuro sobe com exterior, em dia de correção nos mercados

Enquanto o Ibovespa futuro avançava em movimento de correção, o dólar futuro recuava, refletindo a entrada de fluxo estrangeiro no Brasil

Ibovespa futuro sobe com exterior, em dia de correção nos mercados
gabriel-brondi

Atualizado há 3 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 8 de março – O Ibovespa futuro avança na manhã desta terça-feira, na esteira dos futuros das bolsas em Nova York, corrigindo parte das perdas da sessão anterior, marcada por forte aversão ao risco dos investidores.

Por volta das 9h20, o Ibovespa futuro avançava 1,48%, a 113.505 pontos, enquanto os contratos de dólar futuro operavam em queda de 0,77%, a R$5,106, ainda refletindo a entrada de fluxo estrangeiro no Brasil.

Os contratos de juros futuros recuavam até 5,5 pontos-base em todos os seus vencimentos, após a alta pronunciada na sessão anterior acima de 30 pontos-base para alguns contratos. O avanço nos preços das commodities e a expectativa de uma maior inflação no horizonte têm elevado o valor de face dos contratos nas últimas sessões.

No cenário macro local, o investidor fica de olho nas decisões das autoridades sobre a redução nos preços de combustíveis no Brasil. A reunião dos ministros Ciro Nogueira, Paulo Guedes e Bento Albuquerque, marcada para hoje, deve decidir as medidas que podem ser adotadas para aliviar o impacto da disparada do petróleo no mercado internacional.

Os futuros do petróleo Brent avançam 2,28% no mesmo horário e se aproximam novamente da barreira dos U$130 o barril, diante da elevada incerteza sobre as reais consequências do conflito na Ucrânia para o mercado de commodities.

Exterior

O mercado externo ainda segue repercutindo os desdobramentos da guerra entre Ucrânia e Rússia. Os investidores continuam monitorando possíveis acordos que podem acontecer entre os dois países, porém sem grande otimismo para o avanço de negociações.

Na noite passada foi veiculado na mídia um acordo de cessar-fogo entre Rússia e Ucrânia com o intuito de retirar civis de cinco cidades ucranianas. Porém, as expectativas de um possível encerramento total do conflito no curto-prazo seguem extremamente baixas, segundo especialistas.

Hoje, a Câmara dos Estados Unidos deve votar a legislação que suspende a compra de combustíveis da Rússia. A votação deve trazer mais volatilidade para o petróleo no dia de hoje.

O pré-mercado em Nova York mostrava alta de 3,40% nas ADRs da Vale, enquanto as ADRs da Petrobras avançavam 1,05%, no mesmo horário.

Texto: Gabriel Brondi
Edição: Allan Ravagnani e Stéfanie Rigamonti
Imagem: Vinicius Martins / Mover

Nesta matéria

VALE3

VALE S.A.

85,55

1,30

+1,54%

Relacionadas

PETR3

PETROLEO BRASILEIRO S.A. ...

33,75

-1,46

-4,14%

PETR4

PETROLEO BRASILEIRO S.A. ...

30,67

-1,46

-4,54%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.