0

Ibovespa tem firme alta, puxado por commodites

mercados

Ibovespa tem firme alta, puxado por commodites

Vale, Gerdau e PetroRio impulsionam o Ibovespa; no exterior, mercado está atento a nova rodada de negociações entre Rússia e Ucrânia

Ibovespa tem firme alta, puxado por commodites
eduardo-puccioni

Atualizado há 3 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 2 de março – O Ibovespa opera em alta nesta quarta-feira de cinzas, puxado pelo índice de Materiais Básicos, que registra avanço diante da valorização das commodities, e de olho no conflito no Leste europeu.

Por volta das 15h45, o Ibovespa subia 1,79%, aos 115.171 pontos, enquanto o índice futuro valorizava 1,87%, aos 116.440 pontos. Entre os índices setoriais da B3, a maior alta era do Imat, que mede o desempenho de uma carteira teórica de ações de empresas de Materiais Básicos, que avançava 4,40%.

Entre as ações que compõem o Imat, as maiores altas são das preferenciais da Gerdau e das ordinárias da Vale, ambas com valorização superior a 6% no mesmo horário. Vale lembrar que o minério de ferro acumulou três altas consecutivas em Qingdao nos últimos pregões.

Entre as ações que fazem parte do Ibovespa, a maior alta era da ordinária da PetroRio, de 12,57%. Já os papéis de empresas que sofrem compressão de margens em função da alta nas commodities agrícolas caíam, como a ordinária da Ambev, com retração de 3,62%.

Mercado externo

No cenário externo, investidores aguardam uma rodada de negociações diplomáticas entre a Rússia e a Ucrânia. O conflito entre os dois países já rendeu diversas sanções à economia russa, o que também pressiona o preço das commodities.

O especialista da Valor Investimentos, Davi Lelis, classificou as sanções como um “estrangulamento”, mas ressaltou à Mover que os efeitos não são imediatos e, sim, de longo prazo. “Essas consequências vão se mostrando ao longo do tempo e já começam a dar sinais, com o preço do dólar se elevando cada vez mais, mostrando uma corrida dos capitais para mercados mais seguros”, afirmou.

No mesmo horário, entre as bolsas de Nova York, o destaque positivo era registrado pelo S&P500, com alta de 2%, enquanto o Dow Jones tinha valorização de 1,95% e o Nasdaq apresentava ganho de 1,75%.

Texto: Eduardo Puccioni
Edição: Gabriela Guedes e Letícia Matsuura
Imagem: Vinicius Martins / Mover

Nesta matéria

VALE3

VALE S.A.

79,91

1,41

+1,76%

Relacionadas

GGBR4

GERDAU S.A.

27,08

0,91

+3,36%

PRIO3

PETRO RIO S.A.

24,91

0,61

+2,45%

ABEV3

AMBEV S.A.

14,09

-0,12

-0,84%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.