IBOV

106.363,10 pts

-0,05%

SP500

4.560,10 pts

+0,18%

DJIA

35.552,40 pts

+0,17%

NASDAQ

15.631,18 pts

+0,21%

IFIX

2.680,78 pts

-0,47%

BRENT

US$ 82,93

-1,95%

IO62

¥ 656,50

-8,06%

TRAD3

R$ 5,54

+3,35%

ABEV3

R$ 15,22

+0,39%

AMER3

R$ 32,91

+1,88%

ASAI3

R$ 15,64

-1,51%

AZUL4

R$ 26,36

-2,33%

B3SA3

R$ 12,12

-0,41%

BIDI11

R$ 40,10

+0,70%

BBSE3

R$ 22,50

+1,44%

BRML3

R$ 7,15

+3,17%

BBDC3

R$ 17,57

+1,32%

BBDC4

R$ 20,56

+1,23%

BRAP4

R$ 50,76

-1,85%

BBAS3

R$ 29,17

-0,06%

BRKM5

R$ 56,96

-0,41%

BRFS3

R$ 21,35

+2,10%

BPAC11

R$ 22,80

+1,42%

CRFB3

R$ 17,24

+0,99%

CCRO3

R$ 11,65

+2,28%

CMIG4

R$ 13,44

+0,90%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,36

+2,16%

COGN3

R$ 2,65

+4,74%

CPLE6

R$ 6,12

+0,99%

CSAN3

R$ 20,55

-0,77%

CPFE3

R$ 26,32

+1,73%

CVCB3

R$ 16,59

-1,83%

CYRE3

R$ 15,20

+4,10%

ECOR3

R$ 8,67

+1,76%

ELET3

R$ 36,37

+0,33%

ELET6

R$ 36,22

+0,72%

EMBR3

R$ 22,49

-2,80%

ENBR3

R$ 20,00

+1,52%

ENGI11

R$ 41,02

+1,76%

ENEV3

R$ 14,52

+2,47%

EGIE3

R$ 39,47

+2,30%

EQTL3

R$ 24,39

+1,66%

EZTC3

R$ 19,56

+4,76%

FLRY3

R$ 19,02

-3,45%

GGBR4

R$ 27,35

-2,39%

GOAU4

R$ 12,84

-1,30%

GOLL4

R$ 15,89

-2,03%

NTCO3

R$ 39,57

-2,00%

HAPV3

R$ 11,85

+3,04%

HYPE3

R$ 28,52

+1,71%

IGTA3

R$ 30,29

+4,08%

GNDI3

R$ 66,28

+1,43%

IRBR3

R$ 4,85

-0,41%

ITSA4

R$ 10,52

+0,38%

ITUB4

R$ 23,92

+0,92%

JBSS3

R$ 37,52

+2,03%

JHSF3

R$ 5,36

+1,90%

KLBN11

R$ 23,28

-2,43%

RENT3

R$ 46,36

+2,22%

LCAM3

R$ 20,79

+3,22%

LWSA3

R$ 20,40

+3,81%

LAME4

R$ 5,26

+2,53%

LREN3

R$ 32,37

+3,45%

MGLU3

R$ 11,60

-3,09%

MRFG3

R$ 25,27

+2,51%

BEEF3

R$ 9,07

+1,34%

MRVE3

R$ 10,70

+2,88%

MULT3

R$ 18,09

+4,50%

PCAR3

R$ 25,83

-0,53%

PETR3

R$ 29,31

+0,37%

PETR4

R$ 28,69

-0,06%

BRDT3

R$ 22,03

+0,59%

PRIO3

R$ 25,35

-6,80%

QUAL3

R$ 18,30

+1,83%

RADL3

R$ 22,98

+4,45%

RAIL3

R$ 16,20

-0,06%

SBSP3

R$ 36,28

+2,71%

SANB11

R$ 35,06

-0,08%

CSNA3

R$ 24,50

+0,28%

SULA11

R$ 26,46

+4,33%

SUZB3

R$ 48,42

-3,90%

TAEE11

R$ 37,03

+0,65%

VIVT3

R$ 44,59

-0,42%

TIMS3

R$ 11,38

-1,30%

TOTS3

R$ 33,20

-0,27%

UGPA3

R$ 13,74

+4,09%

USIM5

R$ 14,19

-0,14%

VALE3

R$ 74,45

-2,43%

VIIA3

R$ 6,62

-0,74%

WEGE3

R$ 39,20

-1,35%

YDUQ3

R$ 21,90

+3,84%

IBOV

106.363,10 pts

-0,05%

SP500

4.560,10 pts

+0,18%

DJIA

35.552,40 pts

+0,17%

NASDAQ

15.631,18 pts

+0,21%

IFIX

2.680,78 pts

-0,47%

BRENT

US$ 82,93

-1,95%

IO62

¥ 656,50

-8,06%

TRAD3

R$ 5,54

+3,35%

ABEV3

R$ 15,22

+0,39%

AMER3

R$ 32,91

+1,88%

ASAI3

R$ 15,64

-1,51%

AZUL4

R$ 26,36

-2,33%

B3SA3

R$ 12,12

-0,41%

BIDI11

R$ 40,10

+0,70%

BBSE3

R$ 22,50

+1,44%

BRML3

R$ 7,15

+3,17%

BBDC3

R$ 17,57

+1,32%

BBDC4

R$ 20,56

+1,23%

BRAP4

R$ 50,76

-1,85%

BBAS3

R$ 29,17

-0,06%

BRKM5

R$ 56,96

-0,41%

BRFS3

R$ 21,35

+2,10%

BPAC11

R$ 22,80

+1,42%

CRFB3

R$ 17,24

+0,99%

CCRO3

R$ 11,65

+2,28%

CMIG4

R$ 13,44

+0,90%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,36

+2,16%

COGN3

R$ 2,65

+4,74%

CPLE6

R$ 6,12

+0,99%

CSAN3

R$ 20,55

-0,77%

CPFE3

R$ 26,32

+1,73%

CVCB3

R$ 16,59

-1,83%

CYRE3

R$ 15,20

+4,10%

ECOR3

R$ 8,67

+1,76%

ELET3

R$ 36,37

+0,33%

ELET6

R$ 36,22

+0,72%

EMBR3

R$ 22,49

-2,80%

ENBR3

R$ 20,00

+1,52%

ENGI11

R$ 41,02

+1,76%

ENEV3

R$ 14,52

+2,47%

EGIE3

R$ 39,47

+2,30%

EQTL3

R$ 24,39

+1,66%

EZTC3

R$ 19,56

+4,76%

FLRY3

R$ 19,02

-3,45%

GGBR4

R$ 27,35

-2,39%

GOAU4

R$ 12,84

-1,30%

GOLL4

R$ 15,89

-2,03%

NTCO3

R$ 39,57

-2,00%

HAPV3

R$ 11,85

+3,04%

HYPE3

R$ 28,52

+1,71%

IGTA3

R$ 30,29

+4,08%

GNDI3

R$ 66,28

+1,43%

IRBR3

R$ 4,85

-0,41%

ITSA4

R$ 10,52

+0,38%

ITUB4

R$ 23,92

+0,92%

JBSS3

R$ 37,52

+2,03%

JHSF3

R$ 5,36

+1,90%

KLBN11

R$ 23,28

-2,43%

RENT3

R$ 46,36

+2,22%

LCAM3

R$ 20,79

+3,22%

LWSA3

R$ 20,40

+3,81%

LAME4

R$ 5,26

+2,53%

LREN3

R$ 32,37

+3,45%

MGLU3

R$ 11,60

-3,09%

MRFG3

R$ 25,27

+2,51%

BEEF3

R$ 9,07

+1,34%

MRVE3

R$ 10,70

+2,88%

MULT3

R$ 18,09

+4,50%

PCAR3

R$ 25,83

-0,53%

PETR3

R$ 29,31

+0,37%

PETR4

R$ 28,69

-0,06%

BRDT3

R$ 22,03

+0,59%

PRIO3

R$ 25,35

-6,80%

QUAL3

R$ 18,30

+1,83%

RADL3

R$ 22,98

+4,45%

RAIL3

R$ 16,20

-0,06%

SBSP3

R$ 36,28

+2,71%

SANB11

R$ 35,06

-0,08%

CSNA3

R$ 24,50

+0,28%

SULA11

R$ 26,46

+4,33%

SUZB3

R$ 48,42

-3,90%

TAEE11

R$ 37,03

+0,65%

VIVT3

R$ 44,59

-0,42%

TIMS3

R$ 11,38

-1,30%

TOTS3

R$ 33,20

-0,27%

UGPA3

R$ 13,74

+4,09%

USIM5

R$ 14,19

-0,14%

VALE3

R$ 74,45

-2,43%

VIIA3

R$ 6,62

-0,74%

WEGE3

R$ 39,20

-1,35%

YDUQ3

R$ 21,90

+3,84%

Atualizado há cerca de 1 ano

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 7 de outubro – As ofertas de ações neste ano até setembro já atingiram o valor de R$69,2 bilhões, um aumento de 20,5% em relação ao mesmo período do ano passado, informou hoje a Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais, a Anbima. 

Desse total, as ofertas iniciais de ações, de empresas que entraram na bolsa, somaram R$13,8 bilhões, ou 206% mais que no período de janeiro a setembro do ano passado. Foram 11 ofertas no ano, mais sete estão em andamento e 48 estão em análise na Comissão de Valores Mobiliários. As ofertas subsequentes, de empresas que já estavam na bolsa, atingiram R$55,4 bilhões, ou 4,7% mais na base anual.

No terceiro trimestre, as ofertas de ações em geral somaram R$32,2 bilhões, queda de 3% sobre o mesmo trimestre do ano passado. Já os IPOs somaram R$9,5 bilhões, 156% mais que no mesmo trimestre de 2019, compensando a queda das ofertas subsequentes, que movimentaram R$22,8 bilhões, uma redução de 22,7% na base anual.

Ofertas de ações nos próximos meses

Para os próximos meses, porém, o cenário é menos favorável do que no terceiro trimestre para as ofertas públicas iniciais, diante da piora dos cenários externo, com a pandemia e eleição americana, e interno, com preocupações fiscais. 

Mas ofertas de boas empresas continuarão tendo espaço, afirma Sergio Goldstein, vice-presidente do Fórum de Mercado de Capitais. “Não será o mesmo volume que vínhamos vendo, os emissores devem ser mais cautelosos e os investidores mais seletivos”, diz.

Participação estrangeira cai

O crescimento das ofertas de ações aconteceu apesar da forte redução do interesse dos estrangeiros por essas operações. A participação dos investidores externos, que no ano passado foi de 44,6% do valor das ofertas, caiu para 24,4% este ano. 

Essa redução foi compensada pelo aumento da participação dos investidores institucionais e dos próprios acionistas, que aumentaram sua fatia de 6,9% para 19,8%. As pessoas físicas também aumentaram sua participação, de 5,8% para 8,2%, e os fundos, de 42,7% para 46,6%.

Segundo Goldstein, os estrangeiros reduziram participação, mas foram substituídos pelos investidores locais, que estão buscando opções diante da queda dos juros e do menor rendimento da renda fixa. O estrangeiro continua sendo importante, diz, mas o investidor local está ganhando espaço e sustentando as ofertas.

Alta expressiva nas operações primárias

Outro ponto positivo foi o perfil das ofertas de ações, com maior volume de operações primárias, de captação de recursos para as empresas usarem em suas operações. No total do ano, as ofertas primárias somaram R$38,7 bilhões, 113,8% mais que no mesmo período do ano passado. Já as secundárias, nas quais o dinheiro vai para o bolso dos sócios, movimentaram R$30,5 bilhões, queda de 22,5% na base anual. “Isso mostra que o mercado de capitais está ajudando a financiar o crescimento das empresas e da economia”, diz Goldstein.

Texto: Angelo Pavini
Edição: Letícia Matsuura
Imagem: Divulgação

image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.