0

IRB Brasil desacelera no final do pregão, mas fecha entre maiores altas do Ibovespa

mercados

IRB Brasil desacelera no final do pregão, mas fecha entre maiores altas do Ibovespa

Ação da IRB Brasil chegou a disparar 8,88%, na esteira da retirada da fiscalização especial da Susep, mas fechou perto da mínima

IRB Brasil desacelera no final do pregão, mas fecha entre maiores altas do Ibovespa
leticia-carreira

Atualizado há cerca de 1 ano

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 7 de abril – Os investidores se animaram com a notícia de que a Superintendência de Seguros Privados, Susep, encerrou a fiscalização especial sobre o IRB Brasil. A ação ordinária da resseguradora chegou a disparar 8,88%, a R$6,62. Contudo, o papel fechou a R$6,22, perto da mínima do dia, e entre os maiores ganhos do Ibovespa.

 

Decisão da Susep foi unânime

Conforme o fato relevante, durante o período de desenquadramento e fiscalização especial da Susep, o IRB manteve a transparência ao mercado sobre a situação da empresa e as medidas para solucionar a crise. A decisão do órgão regulatório foi unânime, de acordo com a companhia.

“O encerramento da Fiscalização Especial pela SUSEP representa um marco fundamental no processo de recuperação” do IRB Brasil, afirma na nota o vice-presidente executivo financeiro e de relações com investidores, Werner Süffert.

 

IRB Brasil em crise

Com mais de oito décadas de experiência e considerada referência no setor, o IRB Brasil vem enfrentando uma crise desde fevereiro de 2020. A gestora de recursos Squadra enviou denúncias à Comissão de Valores Mobiliários, CVM, referente a irregularidades contábeis nas suas demonstrações financeiras. A acusação era de elevação artificial do lucro.

Na tentativa de se reerguer, o IRB Brasil foi reestruturado, a antiga diretoria demitida e Antônio Cássio dos Santos passou a fazer parte da gestão da empresa. Além de comandar o conselho, ele assumiu posição de diretor-presidente e a frente da estratégia da empresa. Contudo, no final de março, Santos deixou o cargo de CEO, mas continuou em outro posto.

Em conversa em uma edição do “Café com Ferri” veiculada em setembro de 2020, Santos afirmou que o IRB Brasil não precisaria de mais capital novo, ou seja, emitir mais ações, para o chamado “enquadramento técnico”. Esse processo foi uma solicitação da agência regulatória do setor para mitigar potenciais perdas com sinistros.

 

Reenquadramento do IRB Brasil

O desenquadramento é uma insuficiência na composição dos ativos garantidores de provisões técnicas, ou seja, uma falta de ativos líquidos mínimos exigidos pelos reguladores para cobrir sinistros.

A distorção apareceu na empresa depois que os balanços financeiros da IRB Brasil tiveram de ser reapresentados por conta de irregularidades cometidas pela gestão anterior a da de Santos, que supostamente lançava de forma inadequada os sinistros da empresa no balanço. O desenquadramento e a consequente fiscalização especial da Susep foram oficializados em maio de 2020.

O reenquadramento da IRB Brasil veio após em fevereiro deste ano, com base nas demonstrações financeiras de 31 de dezembro, conforme a companhia informou.

Santos afirmou em participação do “Café com Ferri” em dezembro do ano passado que 2020 teria sido o ano para “limpar a casa”, 2021 para “arrumar a casa” e 2022 para voltar ao crescimento e ao patamar de 2018.

 

Desempenho do IRB Brasil (IRBR3)

 

ação da IRB Brasil - IRBR3

 

A ação ordinária da empresa IRB Brasil (IRBR3) subiu 2,30%, cotada a R$6,22. Apesar doo reenquadramento e da retirada da fiscalização especial da Susep, o papel da resseguradora acumula perda de 23,96% no ano. O Ibovespa encerrou o dia em alta de 0,11%, aos 117,6 mil pontos.

Para acompanhar o desempenho das ações do IRB Brasil e de outras empresas, basta acessar o TC Matrix, ferramenta gratuita do TC.

Texto: Letícia Matsuura
Edição: Clara Guimarães
Arte: TC Mover


Leia também

Presidente da Câmara aumenta pressão por sanção ao Orçamento do Congresso

Câmara aprova compra de vacina pelo setor privado e Senado deve adiar BEm

Jair Bolsonaro fala que é “inadmissível” reajuste de 39% no gás e reacende temores

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.