0

Petrobras anuncia 1º aumento nos preços de combustíveis do ano

mercados

Petrobras anuncia 1º aumento nos preços de combustíveis do ano

As ações preferenciais da Petrobras (PETR4) aceleraram alta logo após a notícia de aumento nos preços dos combustíveis a partir de amanhã

Petrobras anuncia 1º aumento nos preços de combustíveis do ano
luciano-costa-de-paula

Atualizado há 5 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 11 de janeiro – A Petrobras anunciou hoje aumento de quase 5% nos preços da gasolina em suas refinarias a partir de amanhã, enquanto o diesel terá reajuste de 8%. É o primeiro aumento de combustíveis de 2022.

“Após 77 dias sem aumentos, a Petrobras fará ajustes nos preços de gasolina e diesel”, disse a estatal em comunicado à imprensa.

As ações da companhia aceleraram alta com a notícia, com os papéis preferenciais (PETR4) subindo 1,21% por volta das 12h20.

O preço médio de venda da gasolina da Petrobras nas refinarias passará para R$3,24 por litro, de R$3,09 antes. No diesel, o valor irá para R$3,61, de R$3,34 por litro anteriormente.

O anúncio da companhia veio após recente alta nos preços internacionais do petróleo, que operavam acima de 82 dólares hoje e são usados como referência pela Petrobras para calcular os valores dos combustíveis.

O jornal O Estado de S. Paulo publicou no sábado entrevista exclusiva com o presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna, em que ele defendeu que as cotações da gasolina e do diesel são reguladas pelo mercado, e não pela petroleira.

“Esses ajustes são importantes para garantir que o mercado siga sendo suprido em bases econômicas e sem riscos de desabastecimento pelos diferentes atores responsáveis pelo atendimento às diversas regiões brasileiras: distribuidores, importadores e outros produtores, além da Petrobras”, disse a companhia em nota divulgada hoje a jornalistas.

Preços dos combustíveis no IPCA

Os sucessivos aumentos nos combustíveis tiveram grande impacto na inflação durante o ano passado. Mas os últimos dados do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, divulgados hoje pelo IBGE, mostram que, em dezembro, os preços de combustíveis chegaram a dar uma trégua para o IPCA.

Isso se deve, principalmente, pela queda nos preços do etanol, mas também nos da gasolina e diesel. Foi a primeira depreciação após sete meses consecutivos de alta. Agora, logo na segunda semana de 2022, a Petrobras começa o ano com uma nova alta.

Texto: Luciano Costa
Edição: Stéfanie Rigamonti
Imagem: Vinicius Martins / Mover

Nesta matéria

PETR4

PETROLEO BRASILEIRO S.A. ...

34,24

-1,53

-4,76%

Relacionadas

PETR3

PETROLEO BRASILEIRO S.A. ...

37,24

-1,47

-4,17%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.