0

Produção industrial cai pelo segundo mês consecutivo, mostra CNI

mercados

Produção industrial cai pelo segundo mês consecutivo, mostra CNI

Em janeiro, a produção industrial caiu 0,46% frente a dezembro, passando de 43,3 pontos para 43,1 pontos, abaixo da linha de crescimento

Produção industrial cai pelo segundo mês consecutivo, mostra CNI
stefanie-rigamonti

Atualizado há 3 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 15 de fevereiro – A produção industrial segue tendência de desaceleração observada desde o segundo semestre do ano passado e iniciou 2022 em queda, de acordo com dados da Confederação Nacional da Indústria, CNI.

Em janeiro, a produção industrial caiu 0,46% frente a dezembro, passando de 43,3 pontos no mês anterior para 43,1 pontos. Pelo segundo mês consecutivo, o resultado ficou abaixo dos 50 pontos, o que demonstra recuo da produção.

A indústria também registrou o segundo mês consecutivo de queda no número de empregados, com 48,8 pontos, também abaixo da linha divisória entre recuo e crescimento. O número, porém, está marginalmente acima dos 48,6 pontos observados em dezembro de 2021.

O indicador da CNI mostra a tendência atual para a atividade industrial, antes da divulgação de dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, e traz também as expectativas dos empresários.

De acordo com o levantamento, os produtores seguem otimistas em fevereiro, assim como em janeiro, porém, ainda moderadamente. Com todos os índices acima dos 50 pontos, a pesquisa mostra que os empresários estão com expectativa de crescimento da indústria brasileira para este ano.

O índice que mais pontuou nessa lista de expectativas foi o de demanda, com 56,7 pontos, aumento de 1,3 ponto. Em seguida, a expectativa de compras de matérias-primas, que mostrou estabilidade em relação ao mês anterior, com 54,1 pontos.

O índice de expectativas com exportações recuou 1,1 ponto frente ao mês anterior, mas ainda assim marcou 54 pontos. E o índice de expectativa de número de empregados subiu 0,5 ponto, para 52,1 pontos.

Ainda de acordo com a pesquisa da CNI, a intenção de investimentos registrou uma leve alta em fevereiro, passando de 57,9 pontos em janeiro para 58,2 pontos agora.

Texto: Stéfanie Rigamonti
Edição: Gabriela Guedes
Imagem: Vinicius Martins / Mover

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.