IBOV

114.647,99 pts

+1,27%

SP500

4.473,90 pts

+0,63%

DJIA

35.318,55 pts

+0,97%

NASDAQ

15.156,37 pts

+0,49%

IFIX

2.743,93 pts

+0,41%

BRENT

US$ 84,84

+0,62%

IO62

¥ 702,00

-2,83%

TRAD3

R$ 8,18

+12,20%

ABEV3

R$ 15,53

+0,12%

AMER3

R$ 37,45

+9,27%

ASAI3

R$ 17,54

-1,46%

AZUL4

R$ 35,62

+1,19%

B3SA3

R$ 13,15

+2,73%

BIDI11

R$ 50,28

-1,56%

BBSE3

R$ 21,68

+1,78%

BRML3

R$ 8,45

+0,11%

BBDC3

R$ 18,28

+4,21%

BBDC4

R$ 21,28

+5,08%

BRAP4

R$ 55,10

+2,01%

BBAS3

R$ 31,58

+3,00%

BRKM5

R$ 58,93

+2,55%

BRFS3

R$ 25,79

+1,13%

BPAC11

R$ 26,00

+4,75%

CRFB3

R$ 18,65

+3,49%

CCRO3

R$ 12,73

+1,59%

CMIG4

R$ 15,00

-0,99%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,62

+5,22%

COGN3

R$ 3,11

+0,97%

CPLE6

R$ 6,62

+1,06%

CSAN3

R$ 23,25

-1,02%

CPFE3

R$ 26,08

-0,42%

CVCB3

R$ 20,27

+1,35%

CYRE3

R$ 18,18

+2,82%

ECOR3

R$ 9,95

+0,30%

ELET3

R$ 39,26

-1,85%

ELET6

R$ 39,63

-1,66%

EMBR3

R$ 25,68

-1,11%

ENBR3

R$ 19,15

+1,10%

ENGI11

R$ 45,90

-0,45%

ENEV3

R$ 15,48

+0,45%

EGIE3

R$ 38,55

+0,07%

EQTL3

R$ 24,67

-0,88%

EZTC3

R$ 24,28

+0,74%

FLRY3

R$ 21,37

-0,04%

GGBR4

R$ 28,17

-0,31%

GOAU4

R$ 12,83

-0,31%

GOLL4

R$ 20,60

+2,84%

NTCO3

R$ 44,14

-0,83%

HAPV3

R$ 13,01

+2,27%

HYPE3

R$ 29,98

+2,35%

IGTA3

R$ 33,36

+0,57%

GNDI3

R$ 72,95

+3,34%

IRBR3

R$ 5,18

+1,17%

ITSA4

R$ 11,25

+2,08%

ITUB4

R$ 24,76

+2,61%

JBSS3

R$ 38,00

+0,21%

JHSF3

R$ 5,95

-2,77%

KLBN11

R$ 23,18

+1,26%

RENT3

R$ 56,63

+1,98%

LCAM3

R$ 25,08

+2,11%

LWSA3

R$ 22,05

-0,76%

LAME4

R$ 5,31

+6,62%

LREN3

R$ 35,75

+3,53%

MGLU3

R$ 14,56

+2,31%

MRFG3

R$ 27,15

-2,65%

BEEF3

R$ 10,70

-1,20%

MRVE3

R$ 12,39

+0,81%

MULT3

R$ 20,24

+0,59%

PCAR3

R$ 30,96

+11,93%

PETR3

R$ 30,16

-0,13%

PETR4

R$ 29,60

-0,13%

BRDT3

R$ 24,55

-1,28%

PRIO3

R$ 27,74

-1,28%

QUAL3

R$ 19,49

+0,30%

RADL3

R$ 23,02

+0,65%

RAIL3

R$ 18,35

-1,66%

SBSP3

R$ 39,04

-0,15%

SANB11

R$ 37,55

+4,21%

CSNA3

R$ 27,59

+1,77%

SULA11

R$ 26,56

+2,31%

SUZB3

R$ 50,91

+2,51%

TAEE11

R$ 37,69

+0,23%

VIVT3

R$ 46,17

+0,61%

TIMS3

R$ 12,57

+0,88%

TOTS3

R$ 35,29

-3,26%

UGPA3

R$ 15,08

+0,73%

USIM5

R$ 16,58

+1,59%

VALE3

R$ 80,68

+1,66%

VIIA3

R$ 8,14

+1,49%

WEGE3

R$ 40,12

-1,40%

YDUQ3

R$ 26,98

+0,29%

IBOV

114.647,99 pts

+1,27%

SP500

4.473,90 pts

+0,63%

DJIA

35.318,55 pts

+0,97%

NASDAQ

15.156,37 pts

+0,49%

IFIX

2.743,93 pts

+0,41%

BRENT

US$ 84,84

+0,62%

IO62

¥ 702,00

-2,83%

TRAD3

R$ 8,18

+12,20%

ABEV3

R$ 15,53

+0,12%

AMER3

R$ 37,45

+9,27%

ASAI3

R$ 17,54

-1,46%

AZUL4

R$ 35,62

+1,19%

B3SA3

R$ 13,15

+2,73%

BIDI11

R$ 50,28

-1,56%

BBSE3

R$ 21,68

+1,78%

BRML3

R$ 8,45

+0,11%

BBDC3

R$ 18,28

+4,21%

BBDC4

R$ 21,28

+5,08%

BRAP4

R$ 55,10

+2,01%

BBAS3

R$ 31,58

+3,00%

BRKM5

R$ 58,93

+2,55%

BRFS3

R$ 25,79

+1,13%

BPAC11

R$ 26,00

+4,75%

CRFB3

R$ 18,65

+3,49%

CCRO3

R$ 12,73

+1,59%

CMIG4

R$ 15,00

-0,99%

HGTX3

R$ 37,51

+0,00%

CIEL3

R$ 2,62

+5,22%

COGN3

R$ 3,11

+0,97%

CPLE6

R$ 6,62

+1,06%

CSAN3

R$ 23,25

-1,02%

CPFE3

R$ 26,08

-0,42%

CVCB3

R$ 20,27

+1,35%

CYRE3

R$ 18,18

+2,82%

ECOR3

R$ 9,95

+0,30%

ELET3

R$ 39,26

-1,85%

ELET6

R$ 39,63

-1,66%

EMBR3

R$ 25,68

-1,11%

ENBR3

R$ 19,15

+1,10%

ENGI11

R$ 45,90

-0,45%

ENEV3

R$ 15,48

+0,45%

EGIE3

R$ 38,55

+0,07%

EQTL3

R$ 24,67

-0,88%

EZTC3

R$ 24,28

+0,74%

FLRY3

R$ 21,37

-0,04%

GGBR4

R$ 28,17

-0,31%

GOAU4

R$ 12,83

-0,31%

GOLL4

R$ 20,60

+2,84%

NTCO3

R$ 44,14

-0,83%

HAPV3

R$ 13,01

+2,27%

HYPE3

R$ 29,98

+2,35%

IGTA3

R$ 33,36

+0,57%

GNDI3

R$ 72,95

+3,34%

IRBR3

R$ 5,18

+1,17%

ITSA4

R$ 11,25

+2,08%

ITUB4

R$ 24,76

+2,61%

JBSS3

R$ 38,00

+0,21%

JHSF3

R$ 5,95

-2,77%

KLBN11

R$ 23,18

+1,26%

RENT3

R$ 56,63

+1,98%

LCAM3

R$ 25,08

+2,11%

LWSA3

R$ 22,05

-0,76%

LAME4

R$ 5,31

+6,62%

LREN3

R$ 35,75

+3,53%

MGLU3

R$ 14,56

+2,31%

MRFG3

R$ 27,15

-2,65%

BEEF3

R$ 10,70

-1,20%

MRVE3

R$ 12,39

+0,81%

MULT3

R$ 20,24

+0,59%

PCAR3

R$ 30,96

+11,93%

PETR3

R$ 30,16

-0,13%

PETR4

R$ 29,60

-0,13%

BRDT3

R$ 24,55

-1,28%

PRIO3

R$ 27,74

-1,28%

QUAL3

R$ 19,49

+0,30%

RADL3

R$ 23,02

+0,65%

RAIL3

R$ 18,35

-1,66%

SBSP3

R$ 39,04

-0,15%

SANB11

R$ 37,55

+4,21%

CSNA3

R$ 27,59

+1,77%

SULA11

R$ 26,56

+2,31%

SUZB3

R$ 50,91

+2,51%

TAEE11

R$ 37,69

+0,23%

VIVT3

R$ 46,17

+0,61%

TIMS3

R$ 12,57

+0,88%

TOTS3

R$ 35,29

-3,26%

UGPA3

R$ 15,08

+0,73%

USIM5

R$ 16,58

+1,59%

VALE3

R$ 80,68

+1,66%

VIIA3

R$ 8,14

+1,49%

WEGE3

R$ 40,12

-1,40%

YDUQ3

R$ 26,98

+0,29%

Atualizado há 3 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 16 de julho – Os possíveis efeitos das mudanças da Reforma Tributária nas contas de luz chamaram a atenção dos leitores nesta semana. A proposta prevê elevar a arrecadação do governo em 2022 e 2023 em R$1,6 bilhão por meio do restabelecimento de tributos sobre operações de usinas térmicas, o que pesaria nas contas.

Outro destaque foi a coluna do analista de política da Mover Leopoldo Vieira sobre a possibilidade de avanço da pauta econômica após o recesso parlamentar. Para ele, as votações deverão retomar impulso, mesmo com conflitos entre os Poderes.

Os investidores também acompanharam a coluna do contribuidor da Mover Sérgio Sanita sobre a JHSF. Ele destacou que a empresa está há quase um ano em uma zona de congestão, porém, pode ser beneficiada pela reabertura econômica e pela Reforma Tributária. Confira abaixo o Resumo da Semana da Mover.

Especial: Reforma Tributária deve pesar na conta de luz ao taxar térmicas

A última proposta de Reforma Tributária apresentada pelo relator do projeto, deputado Celso Sabino, prevê elevar a arrecadação do governo em 2022 e 2023 em R$1,6 bilhão por meio do restabelecimento de tributos sobre operações de usinas térmicas, o que pode pesar nas contas de luz. Leia aqui a matéria.

Vieira: Pauta econômica retomará impulso após recesso

Para o analista de política da TC Mover, Leopoldo Vieira, a pauta econômica defendida pelo ministro Paulo Guedes retomará o impulso de votações no Congresso após o recesso parlamentar, mesmo com conflitos políticos entre Poderes, oriundos da Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga as ações do governo na pandemia, a CPI da Covid. Leia aqui a coluna.

Sanita: JHSF (JHSF3) reagirá com reabertura e ajustes na Reforma Tributária?

O contribuidor do TC, Sérgio Sanita, fala sobre a JHSF (JHSF3), empresa do setor imobiliário que vem trabalhando em uma grande congestão, mas que pode ser beneficiada pela reabertura econômica e pela Reforma Tributária. Leia aqui a coluna na íntegra.

Especial: Jair Bolsonaro mantém essência da privatização da Eletrobras

A lei de privatização da Eletrobras sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro e publicada na última terça-feira, 13, no Diário Oficial da União mantém a essência do projeto aprovado pelo Congresso no mês passado, mesmo após vetos a 14 trechos do texto. Leia aqui a matéria.

Prévia da Semana: Livro Bege, IPOs, Inflação

Os destaques da Prévia da Semana foram o Livro Bege, as realizações de ofertas públicas iniciais, IPOs, de ações na B3 e os dados sobre inflação no Brasil e nos EUA. Toda segunda-feira a TC Mover prepara a Prévia da Semana com temas relevantes da semana nos planos político, econômico e financeiro, no Brasil e no mundo. Escute no Spotify.

Value Tips: O voto impresso

Para uma eleição ser considerada democrática, ela precisa de dois pilares: anonimato e confiança. Só que equilibrar esses dois pratos da balança é uma tarefa difícil. Por isso, no Value Tips, podcast da Mover, dessa semana conversamos com Simone Kafruni, editora do Scoop by Mover em Brasília. Confira!

Mover Sounds: Bob Dylan: O Primeiro Adulto do Rock

É com Bob Dylan que o Rock sai da infância, é com ele que se torna um truísmo e uma ameaça, é com ele que a música popular começa a fazer a diferença: o tom profético, desolado, cético, eloquente e inspirador da sua obra marcou o folk, inspirou The Beatles e ajudou a salvar América de si mesma – pelo menos por um tempo. Mergulhe também no mundo da música com a Mover!

Mover Voices: Os planos da Via para o futuro com Daniela Bretthauer, diretora de RI da companhia

O final do primeiro trimestre de 2020 marcou uma mudança na rotina de todos os setores da economia no Brasil. A explosão de casos do novo coronavírus impôs restrições à circulação de pessoas no país e o fechamento do comércio. Com mais de mil lojas físicas espalhadas pelo país, a Via, dona de marcas como Casas Bahia e Ponto, paralisou a operação em todas as unidades. A empresa focou no digital e conseguiu terminar o ano passado com lucro líquido de R$1 bilhão. E agora: quais os planos da empresa para o futuro? Confira a resposta para essa e outras perguntas na entrevista com a diretora de Relações com Investidores da Via, Daniela Bretthauer!

Texto: João Pedro Malar
Edição: Letícia Matsuura
Arte: Mover


Leia também

Monitor do PIB aponta crescimento de 1,80% em maio, diz FGV

Confiança do consumidor americano cai com medo de inflação

Vendas do varejo nos EUA sobem em junho, contrariando projeção

image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.