TC Mover
Mover

Bittar aponta auxílio de R$250 e relatório desidratado de PEC fiscal

Postado por: TC Mover em 19/02/2021 às 13:54
Bittar

Brasília, 19 de fevereiro – Em entrevista à BandNews, o senador Marcio Bittar sinalizou que seu parecer sobre as Propostas de Emenda à Constituição, PECs, Emergencial e do Pacto Federativo não trará medidas mais duras, como congelamento de salários de servidores e a desvinculação de recursos carimbados.


Senador tentará recuperar parte do pacote fiscal do governo

Bittar disse que escolheu apresentar medidas que considera possíveis de serem aprovadas pelo Congresso e que isso, neste momento, é liberar “uma solução para milhões de brasileiros” que estão sem renda, em referência à nova rodada de auxílio emergencial.

No entanto, Bittar afirmou que tentará recuperar parte do pacote fiscal apresentado inicialmente pelo governo e citou um gatilho que permitiria travar despesas quando estas chegarem a 95% de comprometimento das contas públicas.

Auxílio pode ser pago já no fim de fevereiro, diz Bittar

O relator prometeu apresentar medidas fiscais mais duras por iniciativa própria mais adiante e culpou o poder de corporações pelas dificuldades nas negociações com os parlamentares. Bittar antecipou que a primeira parcela do benefício poderá ser paga já no final de fevereiro, ao valor de R$250,00 e por mais quatro meses, o que chegou a aliviar a curva de juros.

Bittar voltou a dizer que o novo auxílio impactará no aumento da dívida e que a PEC dos Gatilhos, como chamada por ele, trará uma cláusula de calamidade para que a reintrodução do auxílio, também chamado de coronavoucher, não fure o Teto de Gastos. A proposta será pautada na próxima quinta-feira, 25.

Por fim, Bittar disse que apresentará seu relatório ainda nesta sexta-feira ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. Perto das 13h55, os juros futuros, DIs, subiam em toda a curva em até 8 pontos-base.

Texto: Leopoldo Vieira
Edição: Barbara Leite e João Pedro Malar
Arte: Vinícius Martins / TC Mover


Leia também

Shopping puxa resultado e JHSF (JHSF3) bate consenso

IRB Brasil (IRBR3) intensifica prejuízo no quarto trimestre e retoma enquadramento técnico

Bolsonaro ameaça Petrobras e mercado deve reagir; no radar, IRB Brasil: Espresso

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis