Mover

Deputados superam urgência e começam a discutir autonomia do BC

Postado por: TC Mover em 09/02/2021 às 18:49
autonomia

Brasília, 9 de fevereiro – A Câmara aprovou há pouco por 363 votos a 109 um pedido de urgência para o projeto de autonomia do Banco Central, cuja discussão de mérito começou a ser feita logo na sequência, após encaminhamento do presidente da Casa, Arthur Lira.

O largo placar deve se repetir parcialmente a favor da proposta de autonomia, segundo uma fonte da TC Mover no Congresso que acompanha a sessão.

Cerca de 300 deputados devem votar a favor de autonomia

Mais cedo, fontes reportaram que a autonomia do BC seria aprovada por cerca de 300 votos, reproduzindo a maioria que elegeu Lira como sucessor de Rodrigo Maia e reforçando tanto a reaglutinação do centro político em torno do deputado, quanto o esforço por uma forte sinalização em relação à pauta econômica.

O texto votado no ano passado pelo Senado será mantido, no qual foi inserido o objetivo secundário da autoridade monetária de buscar o pleno emprego, de acordo com o relator do projeto, o deputado Silvio Costa Filho. Próximo das 18h30, a sessão continuava no sentido da finalização da votação do projeto de autonomia ainda nesta terça-feira.

Além da autonomia do BC, outro projeto que pode ser finalizado hoje é o novo Marco do Câmbio, cujo texto-base foi aprovado no ano passado, faltando a análise dos destaques. O parecer aprovado aumenta o limite de dinheiro vivo que cada passageiro pode portar ao sair ou entrar no país. Amanhã, deverá ser instalada a Comissão Mista de Orçamento, CMI, que discutirá a aprovação do Orçamento para 2021.

Texto: Leopoldo Vieira
Edição: Kariny Leal e João Pedro Malar
Arte: TC Mover


Leia também

Vale (VALE3) tem leve alta em dia de investimento em produção de aço sem carbono

Autonomia do BC deve reproduzir maioria que elegeu Lira, dizem fontes

Lira marca instalação da Comissão de Orçamento para quarta-feira

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Saiba Mais